Fim de contrato deixa novas balanças de pesagem sem funcionar




Seis novas balanças de pesagem, instaladas há dois meses em rodovias estaduais e federais do Sul de Minas Gerais, estão sem funcionar devido o término do contrato com a empresa responsável pelo serviço.

O investimento do governo do estado foi de R$ 4,5 milhões. Nos últimos dois meses, foram construídas duas novas balanças em Poços de Caldas e as outras em Andradas, Areado, Pouso Alegre e Guaxupé. Quatro já estavam instaladas em Poços de Caldas, Arceburgo, Borda da Mata e São Sebastião do Paraíso.

De acordo com o Departamento de Estradas de Rodagem (DER), o contrato com a empresa que fazia o serviço de pesagem venceu neste mês. Sem o equipamento, é impossível saber qual caminhão carrega mais do que deveria. Situação que fica ainda mais complicada no caso dos bitrens. Atualmente, o limite é de 57 toneladas e o excesso de peso contribui para o desgaste das rodovias.

A assessoria de comunicação da secretaria estadual de Transportes e Obras Públicas informou que a licitação está em fase final e não há previsão para que as balanças voltem a operar.

Fonte: EPTV

Inscreva-se




Deixe sua opinião sobre o assunto!