Vipal comprova: reforma de pneus reduz consumo de combustível




Até então, a certeza era de que com o processo da reforma as frotas garantiam grande economia na gestão do item pneus. Mas a Vipal está trazendo uma ótima novidade: testes realizados pela empresa demonstram que com a reforma é possível economizar quase 10% de Combustível. Imagine o que esta economia significa para frotas.

Reduzir os custos fixos sem comprometer o resultado final é fundamental para o sucesso em qualquer atividade. No caso do mercado de transporte rodoviário, as atenções estão voltadas para dois, fundamentalmente: combustível e pneus.

A reforma de pneus é uma prática mundial, sendo também incentivada em vários países desenvolvidos. Todo o setor do transporte utiliza pneus reformados. É sabido também por este setor que o pneu representa, normalmente, o segundo custo do transporte rodoviário. Reformar pneus significa uma redução de até 60% no custo por quilometro.

Frotistas e caminhoneiros autônomos agora podem conferir mais um grande benefício que a reforma traz para o transporte de carga. A Vipal, uma das mais importantes marcas mundiais do setor de produtos para reforma de pneus, realizou testes e avaliações que comprovam que através de uma reforma criteriosa, é possível economizar também combustível. Dessa forma , a reforma passa a influenciar ainda mais na redução da planilha de custos, trazendo maior rentabilidade para os profissionais do transporte de carga e passageiros.

Como economizar combustível com a reforma? Escolha da banda adequada a cada necessidade de transporte e profundidade dos sulcos são os segredos. Desenho para eixo de tração ou eixo livre? Desenho para aplicação em vias asfaltadas ou mistas (asfalto/terra)? Para transporte rodoviário ou urbano? Estas são as perguntas de fácil constatação para se obter um melhor desempenho em termos de consumo de combustível. Mas e a profundidade do sulco da banda? Qual a sua influencia na economia de combustível?

A questão mais contundente e fruto deste estudo inédito diz respeito à profundidade do sulco. Até então se imaginava que um sulco mais profundo era garantia de mais durabilidade e desempenho. Porém, testes em laboratório confirmaram que sulcos profundos geram maior consumo. Através de avaliações nas estradas as informações foram consolidadas. Confira o teste realizado com bandas de 18mm e 22mm, em condições idênticas e que gerou uma economia de 9% de consumo de combustível, quando utilizado o pneu com menor sulco:

Veículos: Cavalo + Carreta Baú com 27000 kg de carga | Pneu: pneus 295/80R22,5 | km rodados: 1608.

Para se ter uma idéia desta economia, uma empresa com uma frota de 50 caminhões, que rodam 10.000 km por mês, economizaria em um ano mais de R$ 100.000,00. Ou seja, o equivalente a um caminhão leve ou quase 50.000 litros de diesel.

Esta economia de combustível equivale ainda a não emissão de 130 toneladas de CO2 ou ao plantio de 686 árvores, ratificando, mais uma vez, a importância da atividade para o meio ambiente.

Mais uma vantagem, por exemplo, para o MIRA Transportes, que há sete anos utiliza produtos Vipal. Empresa especializada em transporte e em distribuição de encomendas, os gastos do MIRA com pneus diminuíram em 40% já no primeiro ano utilizando os produtos reformados e continuou a diminuir, ano após ano. Antes do trabalho ser realizado pelo reformador Vipal, o custo com pneus estava em 3° lugar. Hoje está em 5°. Segundo o diretor de Suprimentos do MIRA Transportes Roberto Mira Jr. “os pneus reformados pela Vipal chegam a rodar mais de 160 quilômetros, em estradas com condições extremamente adversas”. O empresário destaca ainda que o pneu é um item bastante crítico nas empresas de transportes. “Sem olho clínico e sem parceiros técnicos, o pneu passa a ser um grande problema para os transportadores”, afirma o diretor da empresa que está há quase 31 anos no mercado e conta com uma frota de 474 veículos.

Vipal – A Borrachas Vipal é uma das mais importantes fabricantes mundiais de produtos para reforma e reparos de pneus e câmaras de ar. Presente em todos os continentes tornou-se referência não só em seu segmento, mas do setor produtivo por conta da qualidade dos seus produtos, ética nos processos de gestão e esforços em prol da sociedade e do meio ambiente.

Uma história que começou a ser construída em 1973, em Nova Prata, interior do Rio Grande do Sul, quando Vicencio Paludo, proprietário de uma reformadora, decidiu investir na produção de remendos e manchões.

Hoje, a Borrachas Vipal, pioneira na utilização da tecnologia de vulcanização a frio, possui unidades fabris em Nova Prata, mais de 3.000 colaboradores, exporta para todos os continentes e conta com centros de distribuição localizados nos principais estados brasileiros, países da América do Sul, América do Norte e Europa. Este ano inaugurou uma unidade de produção em Feira de Santana (BA).

Fonte: Portal Fator Brasil




Deixe sua opinião sobre o assunto!