Mais uma vez, caminhão é o melhor veículo brasileiro no Dakar




O caminhão da Equipe brasileira Petrobras Lubrax, apoiada pela CCR NovaDutra, manteve a sua ótima performance nesta edição do Rally Dakar 2011. O peso-pesado Tatra, formado pelo trio André Azevedo/Maykel Justo/Mira Martinec, fez o quarto melhor tempo do dia na etapa entre as cidades de Córdoba/San Miguel de Tucumán, realizada nesta segunda-feira.

“Estamos bem contentes, afinal conseguimos imprimir um ritmo forte e seguro. A etapa de hoje lembrava um pouco o sertão brasileiro, rápida com várias curvas de 90 graus, exigindo dos freios. Isso acaba aquecendo-os muito pelo fato de andarmos num veículo tão pesado. Chegamos até a ficar sem freio na roda dianteira esquerda e tivemos que controlar o caminhão para não sair de sua trajetória”, explicou o experiente piloto André Azevedo, que faz a sua 24ª participação no Rally Dakar.

Na classificação geral acumulada, o caminhão da Petrobras Lubrax subiu mais uma posição e figura entre os quatro veículos mais rápidos da categoria.

Confira abaixo a classificação:
Segunda etapa – caminhões
1º Kabirov/Belyaev/Mokeev (RUS) – 03h50min46s
2º Loprais/Holan/Kalina (CZE) – 03h52min06s
3º Echter/Ruf/Klein (DEU) – 03h55min55s
4º Azevedo/Martinec/Justo (BRA) -03h56min02s

Classificação geral acumulada
1º Kabirov/Belyaev/Mokeev (RUS) – 06h41min
2º Loprais/Holan/Kalina (CZE) – 06h41min09s
3º Chagin/Savostin/Shaysultanov (RUS) – 06h41min22s
4º Azevedo/Martinec/Justo (BRA) – 06h50min59s

A Equipe Petrobras Lubrax tem patrocínio da Petrobras, Petrobras Distribuidora, CCR NovaDutra, e apoio da Mercedes-Benz Caminhões, Renov, BorgWarner, Mahle, Capacetes Bieffe, Sparco América Latina, Fazenda Real, Eye to Eye, SCHIO, Pro Tork, Inmarsat e Artfix.

Fonte: Maurício Cintrão – Grupo CCR

Inscreva-se




Deixe sua opinião sobre o assunto!