Conheça as tecnologias do caminhão Mercedes-Benz Axor 2546




O site WebMotors foi ver de perto, na fábrica da Mercedes-Benz, em São Bernardo do Campo, São Paulo, como funciona as tecnologias do caminhão Mercedes-Benz Actros 2546 LS 6×2. Equipado com um motor V6 (MB OM 501 LA) de 456 cv a 1800 rpm e de 224 kgfm (2.097 Nm) a 1080 rpm, o Actros é um caminhão extrapesado voltado para operações rodoviárias de longa-distância. Com entre-eixos de 3.300 mm, o Actros 2546 6×2 pode ser atrelado a diversos semirreboques, como carga seca aberta, furgão, graneleiras e tanques de líquidos ou de gases.

Um dos diferenciais do Actros é que ele trabalha toda a sua força com um câmbio totalmente automatizado. Além de a tecnologia ser favorável ao conforto do motorista, ela também é bem-vinda à economia de combustível. O legal é que o sistema permite ao motorista a escolha da condução, manual ou automática. Além da ausência do pedal de embreagem, o Actros 2546 LS tem sistema de orientação de faixa de rolagem, sistema de controle de proximidade, bloqueio de deslocamento para partida em rampa e assistente ativo de frenagem, bem como ABS e ASR.

Como é um caminhão extrapesado voltado para as grandes distâncias rodoviárias, a Mercedes desenvolveu uma cabine denominada de Megaspace. Entre as principais características dela está o piso plano. Para se ter ideia a sua altura interna é de 1,92 m e a largura é de 2,26 m. Outro item que faz a diferença, exclusivo da fabricante alemã, é o ar-condicionado auxiliar. Ele funciona durante oito horas sem o caminhão precisar estar ligado.

Como funciona algumas das tecnologias do Actros

1 – Lane Guidance System (sistema de orientação de faixa de rolagem) – se o motorista do caminhão por algum acaso cochilar e invadir a faixa de rolagem na rodovia, um apito e uma luz se acende no painel.
2 – Stability Control (controle de estabilidade) – o sistema de estabilidade do Actros é um dos mais avançados do planeta. Para se ter ideia depois que o controle é desenvolvido pelo caminhão, a tecnologia vai aos automóveis.
3- Proximity Control System (sistema de controle de proximidade) – Quando está ligado, o caminhão controla a sua própria velocidade de acordo com o fluxo do trânsito.
4 – Active Brake Assist (Assistente Ativo de Frenagem) – O caminhão pára sozinho quando detecta obstáculos, sem que o motorista pise no pedal do freio.

Radares de morcego

O sistema é controlado por radar e reconhece o outro veículo que vem à frente. O radar varre uma área na via à frente do caminhão, enquanto determina continuamente a distância entre ele e o veículo que está na frente ou os obstáculos imóveis, bem como a diferença de velocidade entre os dois veículos. Com base no estilo de direção do momento, se um acidente for inevitável, o motorista recebe alertas visuais por meio de um triângulo vermelho que se acende, assim como um alarme sonoro. O conceito de aviso foi projetado para permitir que os motoristas desviem de situações críticas. Mas se a situação piorar, o sistema reage, acionando os freios. O interessante é que o Active Brake Assist 2 opera de forma eficiente em todas as faixas de velocidade entre 8 e 88 km/h, bem como em todas as condições de clima e luminosidade.

Números

Desde que o Actros foi lançado, em 1996, cerca de 650.000 unidades já foram vendidas. A atual e terceira geração desse caminhão para transporte rodoviário chegou ao mercado em março de 2008. O sistema ativo de frenagens (Active Brake Assist) foi introduzido no caminhão Actros em 2006.

Fonte: WebMotors

Inscreva-se




Um comentário em “Conheça as tecnologias do caminhão Mercedes-Benz Axor 2546

Deixe sua opinião sobre o assunto!