Contrato nórdico




A cidade de Tromsö, no Norte da Noruega, terá a sua frota de circulares renovada com 91 ônibus Volvo, sendo 32 unidades híbridas, adquiridas pela operadora Nobina. O contrato para o início das atividades passará a valer a partir de 1º de fevereiro de 2012.

“Para Nobina, um requisito fundamental é que os ônibus ofereçam o mais baixo custo de ciclo de vida possível”, revela Svenn-Åge Lokken, responsável pela Volvo Buses Noruega. “Custo baixo é algo em que nós estamos focando. Estamos muito satisfeitos por termos atendido os requisitos do nosso cliente”, garante.

A negociação envolve a maior encomenda de ônibus híbridos da Europa. “Em um momento em que o nosso meio ambiente exige que façamos o possível para reduzir o consumo energético total, os ônibus híbridos são uma das soluções mais viáveis”, destaca Lokken. “Ao reciclar a energia do freio, o ônibus reduz o consumo de combustível em até 35%”, assegura o executivo.

Segundo a montadora, mais de 300 ônibus híbridos já foram encomendados, sendo que as primeiras unidades estão circulando há mais de um ano e meio.
“Dez ônibus híbridos Volvo estão em operação em Trondheim (Noruega) há mais de um ano. Os chassis são tão confiáveis quanto os ônibus a diesel e o consumo de combustível tão baixo como prometemos”, afirma.

Modelos

Os veículos contratados pela Nobina serão montados na fábrica de Säffle, na Suécia, e Wroclaw, na Polônia, e serão entregues no final deste ano. A compra inclui 32 ônibus 7700 híbridos; 38 unidades do modelo 8700 com motores de 7 litros; além de 21 do modelo 8900 com piso baixo, 6×2 com motores de 9 litros.

Fonte: Transpoonline

Inscreva-se




Deixe sua opinião sobre o assunto!