Iveco lança novo Cityclass Escolar na Transpúblico e anuncia a venda de 770 unidades ao caminho da escola




A Iveco, em parceria com a Neobus, apresentam na feira Transpúblico – que acontece entre 24 e 26 de agosto em São Paulo – a nova geração do Iveco CityClass Escolar. Além do novo design exterior moderno e aerodinâmico, o veículo tem dimensões mais generosas, sendo 100mm mais alto, 120mm mais largo e 110mm mais longo que o modelo anterior. Assim, o novo Iveco CityClass oferece maior espaço interno e maior conforto aos passageiros. Com capacidade para acomodar 29 pessoas, mais o motorista, o novo miniônibus Iveco chega ao mercado embalado por uma ordem de 770 unidades para o Programa Caminhos da Escola do Fundo Nacional de Desenvolvimento da Educação (FNDE), pertencente ao Ministério da Educação, que promove e fomenta o transporte escolar em todo o País.

O projeto privilegia o conforto, a dirigibilidade e a segurança, fatores prioritários em um veículo dedicado ao transporte de passageiros. O novo Iveco CityClasss mede agora 2.220mm de largura externa, 7.250mm de comprimento e 2.920mm de altura. A altura interna é de 1.930mm, o que facilita o deslocalmento dentro do salão de passageiros. As poltronas foram alargadas, aumentando o conforto. O bagageiro traseiro possui tampa de acesso com maior abertura que a versão anterior, além de apresentar rebaixamento sobre o pára-choque, o que facilita o acesso ao pneu estepe e ferramentas.

O modelo atende plenamente as normas de acessibilidade e segurança. O vão livre da porta de entrada é de 910mm e permite a instalação do elevador para cadeirantes. Os assentos possuem cintos de segurança individuais e de quatro pontos na poltrona de três lugares preferenciais. O modelo possui local apropriado para a acomodação da cadeira de transbordo – item de série – para portadores de necessidades especiais. O piso de alumínio é antiderrapante e de fácil limpeza. Há porta-cadernos atrás das poltronas e lixeira no interior do veículo.

O novo design, desenvolvido no Brasil, é moderno e arrojado e preserva as linhas elementares da marca. A frente ganhou formato mais arredondado, com um novo conjunto óptico frontal, cujos contornos avançam sobre o paralama (uma tendência bastante atual). Os faróis proporcionam maior luminosidade e são montados em blocos independentes (farol alto, baixo e lanterna), o que diminui os custos no caso de substituição. As novas lanternas traseiras são maiores e seguem o mesmo princípio, agrupadas em um conjunto harmonioso com o design do modelo. O encarroçamento é de responsabilidade exclusiva da empresa Neobus, localizada em Caxias do Sul (RS).

O piso na região do posto do motorista é plano, sem saliências ou ressaltos, proporcionando plena acessibilidade (uma exclusividade do modelo). O painel é moderno e todos os instrumentos estão ao alcance do motorista. O conjunto de instrumentos possui displays e indicadores agrupados de forma a facilitar a leitura e traz informações importantes como, por exemplo, a luz de alerta para o desgaste das pastilhas de freio. O novo e amplo pára-brisas proporciona maior visibilidade e segurança para manobras, ideal para o trânsito em ruas e estradas rurais estreitas ou para as grandes cidades.

Construído sobre a plataforma do Iveco Scudato 70C16 com distância entre-eixos de 3.99m, é equipado com o motor Iveco-FPT F1C de 4 cilindros em linha, 3,0 litros, 16 válvulas e injeção eletrônica tipo common-rail. Com 155cv de potência, ele é o motor mais moderno, mais potente, econômico e silencioso da categoria. Devido às características de utilização, ele vem com limitador eletrônico de velocidade (70 km/h) e um dispositivo de segurança que impede que o veículo se movimente com as portas abertas.

O torque máximo de 400 Nm é disponível numa ampla faixa de rotação do motor (entre 1.700 e 2.600 rpm), o que faz do CityClass um miniônibus ágil e fácil de guiar, com condução similar a de um automóvel. Parte do conforto ao dirigir vem do câmbio Eaton 4405 B, de cinco marchas sincronizadas, sendo a última “overdrive”, com trocas suaves, um benefício de conforto ao motorista. Direção hidráulica e bom diâmetro de giro proporcionam ao veículo excelente manobrabilidade, mesmo em espaços restritos. Os freios são a disco e nas quatro rodas.

A suspensão dianteira é independente, absorvendo bem as irregularidades de terrenos sem pavimentação, sem prejudicar a robustez do conjunto. Aliás, devido à características mais severas de utilização, o modelo tem altura livre do solo de 400mm. A robustez geral é ampliada pelo chassi Iveco, construído em aço especial (FeE 420) de altíssima resistência.

Com esta nova geração, o Iveco CityClass Escolar vai se manter como uma referência nacional em miniônibus de até oito toneladas, uma posição alcançada ao longo dos últimos anos e de mais de 2.500 unidades em circulação em praticamente todos os estados do Brasil. O veículo conta com assistência técnica e serviços da rede Iveco, que possui mais de 90 pontos de atendimento em todo o País.

Fonte: Portal Segs

Inscreva-se




Deixe sua opinião sobre o assunto!