Salvini Racing conquistou o quinto título do Rally dos Sertões




Mais um sonho realizado e um título para uma consagrada carreira no off-road nacional. Guido Salvini, Flávio Bisi e Fernando Chwaigert comemoraram vitória entre os caminhões pesados, na paradisíaca Praia do Cumbuco, CE

Emoção, nervosismo, adrenalina, sufoco, solidariedade e felicidade. Essas foram as sensações do trio da Salvini Racing, que comandou o valente Mercedes-Benz Atego 1725 durante todo o 19º Rally dos Sertões. De 09 e 19 de agosto, a caravana percorreu 4.041 quilômetros entre Goiânia, GO, e Caucaia, CE, com chegada pela Praia do Cumbuco.

Antes de poder soltar o grito da vitória (entalado na garganta desde o ano passado), Guido Salvini, Flávio Bisi e Fernando Chwaigert cumpriram os derradeiros 271 quilômetros, administrando uma vantagem de 27 minutos. “Não tínhamos motivos para acelerar forte. Apenas imprimimos um bom ritmo de disputa, mas sem trazer riscos desnecessários ao equipamento”, contou Salvini. A 10ª e última etapa partiu de Sobral, CE, em um percurso de 271 quilômetros, com 86 de trechos cronometrados. “O evento encerrou bem o roteiro, com obstáculos nem tão pesados, se comparados com o que enfrentamos nos últimos dez dias. Nesta sexta-feira, encontramos depressões, trechos sinuosos, poças e piçarras”, detalhou o piloto. Após a especial, os off roaders se deslocaram pelas dunas cearenses ao encontro do mar para comemorarem na festa da chegada.

A Salvini Racing esteve à frente da classificação entre os caminhões pesados, do começo ao fim do Rally dos Sertões. “Mesmo nos dias menos favorecidos, o caminhão não nos deixou na mão. Todo o conjunto – pneus, lubrificantes e tripulantes – foram exigidos ao máximo, e um compensou ou outro nos momentos em que foi preciso buscar tempo”, reconheceu Salvini.

Este Sertões ainda teve um “sabor especial” para o navegador Bisi, que estreou na competição. “Só tenho a comemorar. Sair com o troféu na mão na minha primeira participação, não tem preço. Com o Guido na direção, percebi como é preciso saber dosar a dirigibilidade a cada momento. Saber ponderar e acelerar no tempo certo é imprescindível. Valeu a experiência e levarei essa recordação por toda minha vida”, falou emocionado o navegador Bisi.

O piloto ainda destacou a importância da união, compromisso e profissionalismo de todoo time. “Devo valorizar o esforço de toda a ‘família’ Salvini. Cada um cumpriu o seu papel. Esse título é de todos”, comemorou Salvini.

Fonte: Cross Brasil

Inscreva-se




Deixe sua opinião sobre o assunto!