Produção de carrocerias cresce 8% até agosto




As fabricantes de carroçarias de ônibus produziram 22,5 mil unidades no Brasil de janeiro a agosto, em alta de 8% sobre igual período de 2010. Até mesmo a Induscar/Caio, de Botucatu, SP, que anteriormente registrara números negativos de produção, fechou o acumulado em alta de 1,5%. Na comparação mensal a produção total brasileira cresceu 19% ante agosto do ano passado e 7% em relação a julho.

Com a reação a empresa paulista consolidou sua liderança em produção quando consideradas as sete marcas associadas à Fabus, Associação Nacional dos Fabricantes de Ônibus. Por grupo, ao reunir os números integrais da Ciferal e pouco mais de 40% da Neobus, a liderança é da Marcopolo, de Caxias do Sul, RS, que totaliza perto de 10,3 mil unidades, cerca de 46% da produção nacional.

Do total produzido no Brasil pouco mais de 2,6 mil unidades seguiram para o Exterior, queda de 6% na comparação com igual período de 2010, que somou quase 2,8 mil ônibus. A Marcopolo, isoladamente, elevou suas exportações em 30%, para mais de 1,1 mil unidades, ou 43% do total – o que ajudou o índice geral do segmento a não cair de forma mais acentuada.

Crescimento também foi registrado pela Comil, de Erechim, RS, na ordem de 14%, somando 358 unidades, pela Irizar, de Botucatu, em 45%, 352 ônibus, e pela Mascarello, de Cascavel, PR, com 150% e 242 veículos. As demais recuaram: Ciferal, de Xerem, RJ, em 65%, para 68, Induscar, em 51%, para 431, e Neobus, de Caxias do Sul, em 49%, para 40 unidades.

Por modelos a produção de rodoviários continua crescendo, respondendo por 21% do total, três pontos acima do ano passado. Em compensação os urbanos, com 57%, perderam dois. Salto expressivo foi registrado nos ônibus intermunicipais, que elevaram a participação de 4% para 8%. Microônibus totalizam 14%, dois pontos acima do ano passado, enquanto os minis caíram de 7% para menos de meio por cento – apenas a Mascarello produziu este modelo no ano.

A Induscar é líder no segmento de urbanos, com participação de 45%. Nos rodoviários a Marcopolo tem 60% do mercado e, nos intermunicipais, 66%. A Neobus lidera o segmento de microônibus com 35%.Fonte: Autodata

Inscreva-se




Um comentário em “Produção de carrocerias cresce 8% até agosto

  • 29/04/2013 em 22:20
    Permalink

    Minha nova sugestões deveria ter em todo os ônibus coletivo nas roleta dos cobradores de ônibus,deveria ter dedão dizital de ponto e e um rolo de papel imprimir nota fiscal comprovando que o passageiro pagou a passagens e no mesmo tempo os passageiro dizitou cartão de ponto entrada de horário de serviços. varios passageiro ter este direito .assim os passageiro não tem como chegar atrazado no serviços ou na empresa ou na prefeitura com a notinha fiscal o passageiro tem em mão a notinha fiscal e que o passageiro chegar na portaria da entrada de trabalhos os passageiro entrega na mão uma notinha fiscal por portaria confirmando que o passageiro está em dia chegado no serviços.

    Resposta

Deixe sua opinião sobre o assunto!