Scania muda para combustíveis alternativos em suas fábricas




A Scania decidiu optar pela utilização de combustíveis oriundos de fontes renováveis para reduzir o impacto ambiental das suas operações de transporte na fábrica da Suécia. Em Södertälje, a fabricante sueca usa oito caminhões movidos a etanol para transportar componentes e pacotes de material entre os vários locais de produção e montagem. Estas operações internas de transporte de mercadorias passaram a ser asseguradas recentemente pelo Scania Transport Laboratory, uma subsidiária detida na íntegra pela Scania, que tem como missão testar e avaliar as caraterísticas e performance dos veículos no transporte de carga. A sua função inclui ainda o desenvolvimento e monitoramento dos motoristas da Scania relativamente à condução econômica e segura.

Ao mudar para etanol, a redução das emissões de dióxido de carbono são de aproximadamente 70% em relação a veículos idênticos equipados com motor diesel convencional. Para ajudar a aumentar a disponibilidade de combustíveis renováveis em veículos comerciais, a Scania irá abrir um posto de abastecimento público em Södertälje, no final do ano, com bombas de enchimento de RME (diesel de canola), ED95 (etanol) e biogás.

Fonte: Transportes em Revista




Deixe sua opinião sobre o assunto!