Etapa do Rio consolida disputas paralelas por títulos da Fórmula Truck




Etapa deste domingo em Jacarepaguá submeterá categoria a duas classificações de campeonato distintas. A disputa do GP Bridgestone-Bandag, segunda etapa do Campeonato Brasileiro de Fórmula Truck, abre uma nova frente na disputa de 2012. A partir do resultado da corrida deste domingo (1º) no Autódromo Internacional Nelson Piquet, no Rio de Janeiro, a categoria passará a ter duas tabelas distintas de classificação, já que também está em disputa, sob um regulamento próprio, o título do Campeonato Sul-Americano.

O calendário da Fórmula Truck é composto por dez etapas. A primeira aconteceu há quatro semanas, na pista gaúcha do Velopark. Depois do Rio de Janeiro, haverá corridas em Caruaru, Goiânia, São Paulo e em uma pista ainda não definida. Depois, a competição terá sequência na Argentina, com a inédita corrida no circuito de Córdoba, para voltar em seguida ao Brasil com as etapas de Guaporé, Curitiba e Brasília.

Todas essas corridas, inclusive a agendada para a Argentina, contam pontos para a 17ª edição do Campeonato Brasileiro. Afora isso, a soma dos pontos obtidos pelos pilotos nas etapas do Velopark, de Caruaru, de Interlagos e de Córdoba são somadas em paralelo para a classificação do Campeonato Sul-Americano. A disputa continental foi implantada em 2010. Os dois primeiros campeões sul-americanos foram Roberval Andrade e Felipe Giaffone.

O sistema de pontuação é o mesmo para os dois campeonatos e prevê um ponto de bonificação pela pole-position, outro pela volta mais rápida da corrida, pontos extras aos cinco primeiros colocados quando cada corrida completa seu primeiro terço – momento em que há intervenção programada do Pace Truck para que todos os caminhões sejam reagrupados – e a pontuação regulamentar aos 14 primeiros de cada etapa.

Como a primeira etapa valeu pelos dois campeonatos, as pontuações são idênticas. O líder é o pernambucano Beto Monteiro, da Scuderia Iveco, que no Velopark conquistou pole e vitória, depois de revezar a liderança com o paranaense Leandro Totti, da ABF Racing Team/Mercedes-Benz. Os paulistas Felipe Giaffone, André Marques e Adalberto Jardim vêm a seguir na tabela e garantem à MAN-Volkswagen a liderança na competição de marcas.

Fonte: Fórmula Truck




Deixe sua opinião sobre o assunto!