Ao menos 500 caminhões com cargas para o AC estão retidos em RO

cheia do rio madeira - 2013 - caminhões atravessando a agua




Pelo menos 500 caminhões com cargas não perecíveis que deveriam ser entregues no Acre estão retidos em Rondônia, devido a cheia do Rio Madeira, que banha o estado. De acordo com o Sindicato das Empresas de Logística e Transportes do Acre (Setacre) desde a segunda-feira (3) a BR-364, única via terrestre entre os dois estados, foi fechada para avaliação de condições da pista.

Segundo Nazaré Cunha, presidente do Setacre, um dos problemas que o Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes (Dnit) deve resolver é a demarcação da pista. “Se perdeu o sentido da estrada e tem que demarcar toda novamente. O Dnit está sinalizando para os caminhões não perderem o trilho da estrada”, explica.

Além disso, um novo acesso está sendo feito para a balsa, para que os veículos tenham condições de subir para fazer a travessia. Nazaré diz ainda que a expectativa do sindicato é que até a sexta-feira (7) a BR esteja aberta para o transporte dessas cargas, que não são consideradas de primeira necessidade.

cheiamadeira“Eles vão colocar os caminhões do Exército para fazer o monitoramento do transporte das cargas. Essa mercadoria que está lá não é prioridade para vir de avião. Como os aviões não comportam nossas cargas, temos como alternativa somente a estrada”, explica.

Assim como os caminhões estão retidos em Porto Velho (RO), também existem veículos em Rio Branco que não podem fazer o trajeto de volta. O que também está gerando problemas em outras partes do Brasil. “Os que vêm não podem voltar, não tem balsa e a água está muito alta. E se eles não conseguem fazer isso gera um caos”, finaliza Nazaré.

Fonte: Rede Amazônica




Deixe sua opinião sobre o assunto!