Caminhões também enfrentam março fraco em vendas

international-linha-producao




O segmento de comerciais, assim como o de veículos leves, também enfrenta um março magro em vendas – a primeira semana do mês foi praticamente perdida por conta do feriado do carnaval.

De acordo com dados preliminares do Renavam obtidos até a quarta-feira, 19, foram licenciados no Brasil 5 mil 160 caminhões e 1 mil 540 ônibus. O total contempla doze dias úteis de venda – cálculo que inclui a emenda de feriado da segunda-feira, 3, e a quarta-feira de cinzas, 5. No total março de 2014 terá vinte dias úteis: restam, portanto, mais oito dias úteis para a totalização do mês.

A média diária de vendas de caminhões no período é até agora a mais baixa do ano, com cerca de 430 unidades vendidas por dia. Em fevereiro o índice foi de 523 e em janeiro, 493. Caso mantido este ritmo o mês fecharia com 8,6 mil caminhões emplacados, ante 12,3 mil de março de 2013 e 10,5 mil de fevereiro – nos dois casos também foram vinte dias úteis de comercialização no total.

Entretanto como quatro dos dias úteis de março são relativos à semana do carnaval a tendência é de crescimento da média diária até o fim do mês, ainda que moderada.

De qualquer forma o resultado acumulado do trimestre deverá acentuar o índice negativo registrado no bimestre, de 4%, frustrando as expectativas da Anfavea, que esperava resultados melhores para fevereiro e março com a liberação de processos do BNDES PSI Finame acumulados em dezembro e janeiro.

Nos ônibus o cenário é semelhante, ainda que pouco melhor: a média diária até a quarta-feira, 19, de acordo com os dados prévios do Renavam, foi de 129 unidades, abaixo das 148 de fevereiro mas melhor do que as 92 de janeiro. Caso mantido o ritmo março fecharia na faixa de 2 mil 575 unidades, o que também representaria queda na comparação anual, vez que o mesmo mês de 2013 fechou com 3,2 mil ônibus emplacados, e mensal, ante as 2,9 mil unidades de fevereiro.

No total do primeiro bimestre as vendas de chassis de ônibus registram retração de 1,8%, para 4,5 mil unidades, segundo dados divulgados pela Anfavea.

No acumulado de 2014 considerando-se até a quarta-feira, 19, os números preliminares do Renavam indicam 26,1 mil caminhões e 6 mil ônibus licenciados. O primeiro trimestre de 2013 fechou com 34,5 mil caminhões e 8,3 mil ônibus vendidos.

Ainda de acordo com os índices do Renavam menos de 20% dos caminhões vendidos no acumulado do ano foram fabricados em 2014 – ou seja: até pouco além da primeira metade de março mais de 80% dos volumes do segmento foram de veículos produzidos no ano passado.

Fonte: Portal Autodata




Deixe sua opinião sobre o assunto!