Vendas de máquinas agrícolas caíram em fevereiro

Colheitadeira Case IH 2388




A comercialização de máquinas agrícolas no mercado doméstico brasileiro voltou a recuar em fevereiro. As vendas de tratores das montadoras para as revendas totalizaram 4.318 unidades em fevereiro, recuo de 9,9% sobre o mesmo mês de 2013. Nos dois primeiros meses do ano, as vendas desses produtos caíram 19,4% sobre igual período de 2013, para 6.982 unidades.

No mês passado, foram comercializadas 696 colheitadeiras no mercado interno, queda de 17,8% sobre fevereiro de 2013. No acumulado de 2014, as vendas de colheitadeiras somaram 1.324 unidades, 23,8% menos que no primeiro bimestre do ano passado.

Em janeiro de 2014, o setor de máquinas registrou queda significativa nas vendas em função de trâmites de regulamentação das novas condições do Programa de Sustentação do Investimento (PSI, do BNDES), a principal fonte de financiamento para o segmento.

A realização de novas operações para o PSI só foi possível no fim de janeiro, de acordo com a Associação Nacional dos Fabricantes de Veículos Automotores (Anfavea). Em janeiro, as vendas internas de tratores, colheitadeiras, cultivadores e retroescavadeiras recuaram 29,9% sobre o mesmo mês de 2013, para 3.783 unidades. Apesar da queda no bimestre, o setor estima estabilidade na comercialização doméstica este ano, depois de um 2013 recorde.

Fonte: Valor Econômico




Um comentário em “Vendas de máquinas agrícolas caíram em fevereiro

  • 11/03/2014 em 22:51
    Permalink

    Historicamente, o setor de maquinas e implementos agrícolas tem uma crise a cada 4 ou 5 anos, bom, esse é o ano da próxima. Prova disso são estes péssimos números.
    O termômetro do ano são a Coopavel e agora a Expodireto.
    A Coopavel foi um fracasso, e a expectativa para a Expodireto não é das melhores.
    Vamos aguardar para ver…

    Resposta

Deixe sua opinião sobre o assunto!