Aumento de roubo de cargas em 2013

Roubo de cargas




Projeção divulgada em seminário na Câmara dos Deputados, realizado no dia 16 último, aponta que o número de roubos de cargas de caminhões em todo o Brasil continua aumentando. Estima-se que, em 2013, os casos de roubos de cargas tenham chegado a 15 mil e 200, superando o ano de 2012, quando foram registrados 14 mil e 400 casos.
A estimativa foi divulgada pelo assessor de Segurança da Associação Nacional dos Transportadores de Carga & Logística (NTC&Logística), coronel Paulo Roberto Souza, durante o 14º Seminário Brasileiro do Transporte Rodoviário de Cargas. O evento foi promovido pela Comissão de Viação e Transportes da Câmara.

De acordo com o coronel Paulo Roberto Souza, os dados de 2013 ainda não foram fechados, porque a associação está aguardando informações de alguns estados. O prejuízo às empresas com os roubos de cargas deve ter chegado a um bilhão de reais no ano passado. A maior incidência desse crime está na Região Sudeste: aproximadamente 52% dos casos no estado de São Paulo e 23% no do Rio de Janeiro.

Para reduzir o número das ocorrências, representantes do setor defenderam, durante o seminário, mudanças na legislação. Uma delas é o aumento da pena para quem recebe as cargas roubadas. Atualmente, por ser considerado um crime de menor potencial ofensivo, a receptação de cargas roubadas só leva uma pessoa à prisão depois de uma longa investigação criminal, quando se prova que é um crime qualificado.

Fonte: Portogente




2 comentários em “Aumento de roubo de cargas em 2013

  • 23/04/2014 em 13:28
    Permalink

    Se criarem leis mais rígidas, políticos envolvidos em receptação se comprometem.. rsrsrsrsr Podem cair e pegar uma cana dura demais, sentindo saudades do dinheiro fácil de seus cargos.

    Resposta

Deixe sua opinião sobre o assunto!