Caminhoneiro Repórter – Sofrimento/desespero‏

imagesEQYXRPXO




PEDIDO DE SOCORRO DE UM CAMINHONEIRO
Oi Gente, Gente! como dizer “GENTE”, sera que eu faço parte, porque estou falando isto? Meu nome é Caminhoneiro, tenho mais de 50 anos, sou casado pai de dois filhos, moro em casa de aluguel, sou um profissional exemplar na minha profissão, não tenho ocorrências em acidentes, sou muito pontual, honesto, cuidadoso, e mais algumas coisas que as vezes as pessoas nem acreditam, o que importa se alguem acredita, o que manda é minha conciência, mas com tudo isto sou tratado como um “BANDIDO”, é isto mesmo grande bandido.
A cinco anos atras, fui vitima sim de um bandido que trabalha fazendo falcatruas com pessoas que lutam tanto para conquistar uma vida melhor, comprei um caminhão em uma revendedora em Belo Horizonte MG, dei um caminhãozinho que tinha de entrada, parcelei o restante com 24 parcelas de 1.700,00 reais, até ai tudo bem, mas só que com dois meses e meio o caminhão que na aparencia parecia ser um ótimo caminhão, começou a dar muitos defeitos do qual voce não consegue ver, inclusive o motor que fundiu, fundiu de um geito que não se aproveitou nada, dai corri no revendedor, chegando la ele como até então era uma pessoa que se mostrava de confiança, confiei nele, ele disse que era para eu fazer todo serviço que tinha, que ele acertaria tudo comigo, a converça dele foi tão convicente que acreditei nele, ai foi meu maior erro, desesperado com a prestação que tinha que pagar mais aluguel e despesas grandes em que eu tinha, comecei a comprar as coisas para fazer o motor do caminhão, passei varios cheques meus, como eu tinha um bom nome no mercado todos foram aceitos com facilidade, até ai tudo bem. Com 15 dias peguei o caminhão com o motor novo, dai fui até o revendedor que muito mau carater e com muita má fé me disse, que não podia pagar mais porque ja tinha passado da data da garantia, fiquei louco, e desesperado com tanta coisa para pagar, fui a um advogado que tambem deveria ser daqueles que não quer pegar qualquer causa, que me disse que teria como fazer nada, perdi a esperança de fazer qualquer coisa que seja, que eu teria que correr atras do trabalho para tentar pagar todas minhas dividas, mas infelizmente o trabalho estava muito fraco e o fréte muito baixo, optei por pagar só a prestação do caminhão além de tentar sobreviver com as despesas de casa, pois pagava aluguel e com dois filhos, dai tudo começou a ficar pior ainda, pois meu nome foi parar no SPC e SERASA, os cheques estavam todos voltando, nunca tinha passado por isso na minha vida, não sabia como enfrentar isto pois eu ja não tinha mais direito a nada inclusive carregar o caminhão.
Minha vida virou um transtorno maior do mundo, existe ai no mercado involvendo caminhoneiros em geral, tanto proprietarios como empregados uma restrição muito grande que acaba com a vida de qualquer cidadão de bem, “AS SEGURADORAS”, se apessoa precisar carregar seu caminhão para ganhar um fretinho ou precisar de um emprego, não consegue porque as “SEGURADORAS”, não permite de geito nenhum, qualquer pessoa que esta diretamente ou indiretamente involvida com o transporte de cargas, tiver restrições no “SPC” e “SERASA”, não consegue fazer nada na vida, estas “SEGURADORAS” proibem as transportadoras a dar cargas ou empregos para as pessoas com restrições, sinto isso na pele a cinco anos, muito sofrimento.
Ai eu pergunto, quando voce tem dois filhos uma esposa, paga aluguel tem uma despesa bem alta, e voce não consegue trabalhar, isto porque voce não é nenhum vagabundo ou bandido, o que voce faria ?
Voce tem contas chegando, seus filhos te pedindo coisas que voce não pode dar, o que vai fazer ?
Tem alguem ai olhando por nós ?
Onde estão os sindicatos dos motoristas, que sabem de tudo isto e não fazem nada ?
Onde estão os sindicatos dos autonomos, que tambem sabem disto e não fazem nada ?
E os direitos humanos estão ai pela gente ?
A unica coisa que quero é trabalhar e poder dar uma vada digna para minha familia, sera que estas “SEGURADORAS” estão comparando a gente com bandidos, para poder negar o direito de trabalhar, como vou regularizar minha vida se eu não arrumar um emprego, e a minha moral como fica.
Tem alguem ai que possa olhar pela gente ?
E os governantes, colocam tantas “LEIS” porque tambem não investigar e punir, estes sim são os mau carater, proibir um pai de familia de poder sobreviver, e ter uma vida digna.
Sei que são muitas pessoas na mesma situação que eu, não tem como lutar contra eles, se a gente não tiver um apoio de gente forte, tem alguem ai pra ajudar a gente ?
Tenho uma ficha ótima como motorista profissional, mas estou desempregado, obrigado BRASIL por dar apoio aos Brasileiros de bem, TENHO ORGULHO DE SER BRASILEIRO.
Ato de desespero de um trabalhador, grato
Atenciosamente CAMINHONEIRO

Foto enviada por: caminhoneiro
Cidade: Santos SP

Seja você também um Caminhoneiro Repórter: Envie suas fotos!

Um comentário em “Caminhoneiro Repórter – Sofrimento/desespero‏

  • 30/04/2014 em 21:31
    Permalink

    Olha, amigo, eu já fui caminhoneiro e quero reforçar seu pedido aos sindicatos, será que essa prática é constitucional? Será que existe alguma lei que proíba inadimplentes de carregar seu caminhão? E porquê as seguradoras tem todo esse poder sobre a logística brasileira? Fica a minha dúvida, se tiver algum sindicato sério e que não pense apenas em cobrar de seus associados, que por favor, me respondam…

    Resposta

Deixe sua opinião sobre o assunto!