Volvo Trucks lança a caixa de câmbio I-Shift Dual Clutch

I-Shift Dual Clutch - New Volvo FH (2)




A Volvo Trucks está lançando a primeira caixa de câmbio para caminhões com dupla embreagem, a I-Shift Dual Clutch. Graças ao sistema das engrenagens que são trocadas sem qualquer interrupção no fornecimento de potência às rodas, o torque é mantido e o caminhão não perde a velocidade durante as mudanças de marcha. Para o motorista, o resultado é uma aceleração mais confortável e eficiente na estrada.

“Em situações que exigem uma grande quantidade de mudanças de marcha, por exemplo, em morros ou estradas com muitas curvas, a I-Shift Dual Clutch dá uma dimensão inteiramente nova para condução do caminhão. Aqui na Volvo Trucks estamos imensamente orgulhosos de ser capazes de oferecer esta inovação aos nossos clientes”, afirma Claes Nilsson, presidente da Volvo Trucks.

A I-Shift Dual Clutch é uma transmissão que consiste em dois eixos de entrada com dupla embreagem. Isto significa que as duas engrenagens podem ser selecionadas ao mesmo tempo. É a embreagem que determina qual das engrenagens estará ativa. A I-Shift Dual Clutch é baseada na caixa de câmbio I-Shift, mas a metade da frente da caixa de velocidades foi redesenhada com novos componentes.

“Ao dirigir parece que você tem acesso a duas caixas de velocidades. Quando uma engrenagem é selecionada em uma embreagem, a próxima marcha já está preparada na outra. Com embreagem dupla, as mudanças de marcha acontecem sem qualquer interrupção no fornecimento de energia. Como resultado, o torque do motor é mantido e o conforto de condução é significativamente melhorado”, diz Astrid Drewsen, gerente de produto para transmissões da Volvo Trucks.

Disponível a partir de Setembro de 2014

I-Shift Dual Clutch - New Volvo FH (1)A I-Shift Dual Clutch estará disponível a partir de Setembro de 2014 para o Novo Volvo FH. Transmissões com embreagens duplas já são utilizados em carros, mas a Volvo Trucks é o primeiro fabricante do mundo a oferecer uma solução semelhante para os veículos pesados ​​produzidos em série.

“Para caminhões, esta caixa de velocidades vai realmente fazer uma grande diferença para a dirigibilidade. Quanto mais pesado o transporte e mais difíceis as condições de funcionamento, mais você vai ganhar com a I-Shift Dual Clutch. Fazer mudanças de velocidade em que não há interrupção no fornecimento de força, significa que é mais fácil de manter-se com o tráfego, especialmente em trechos complicados de estradas. O resultado é o motorista mais relaxado e condução mais segura”, diz Astrid Drewsen.

Outra importante vantagem com a nova transmissão é que melhora o conforto do condutor.  “Além de condução eficiente, as mudanças de marchas suaves também significam que o ambiente dentro da cabine fica mais calmo”, diz Astrid Drewsen.

A I-Shift Dual Clutch estará disponível no Volvo FH com motores D13 Euro 6 com 460, 500 e 540 cavalos de potência.

Vídeos: 

Rafael Brusque Toporowicz, Editor-Chefe do Blog do Caminhoneiro




7 comentários em “Volvo Trucks lança a caixa de câmbio I-Shift Dual Clutch

  • 23/06/2014 em 18:26
    Permalink

    Raimundo
    Apenas para complementar, o detalhe não são apenas as aplicações off road, o principal, é que mesmo em uso rodoviário, as condições poder ser duras, quem roda no MT, PI, BA, alguns locais de MG, tem muita estrada de chão. Muito normal fazer 100, 150km ou mais indo a fazendas para carregar, e aí te pergunto, vai agüentar? E o asfalto ruim que temos???
    É aí que me refiro.
    O powe shift da Ford tem dado problemas, pelo que se lê na net.

    Mas, parabéns a Volvo. Vamos torcer para que funcione, e bem.

    Resposta
  • 18/06/2014 em 17:19
    Permalink

    Ainda mais agora que a Scania é VW, a Volvo vai nadar de braçadas.

    Resposta
    • 18/06/2014 em 21:42
      Permalink

      Nem tanto, meu caro. A tecnologia de dupla embreagem em veículos de passeio o grupo VW domina, diferente da Volvo Cars onde não recordo este tipo de transmissão. A Volvo Trucks inova com mais esse diferencial que eleva a eficiência do conjunto, mas como há concorrentes e concorrentes, não estranharia daqui há um tempo o grupo VW desenvolver sozinho ou com cooperação da ZF uma caixa similar para os caminhões top da MAN e Scania.
      O que não ficou claro para mim nessa caixa de dupla embreagem da Volvo é se ela é para uso rodoviário ou poderia também ser para aplicações off-road. Fico com esta dúvida, pois a Porsche que faz parte do grupo VW, ao desenvolver geração atual do Cayenne onde muitos especulavam ter uma caixa de dupla embreagem, engenheiros da Porsche disseram que esse modelo não é adequado para situação pesadas como a off-road, então mantiveram a conversor por torque só que agora ofertando 8 marchas. A caixa de dupla embreagem até pode ser usada em veículos suvs, mas não aptos a situações mais extremas porque forçaria os componentes desse tipo de transmissão.
      Se a Volvo conseguiu contornar isso, ótimo, mas mesmo que não seja para aplicações off-road, é um grande avanço para o segmento de caminhões pesados.

      Resposta
      • 24/06/2014 em 21:02
        Permalink

        os carros da volvo não são dirigidos pelos menos do volvo caminhões, por isso nao utiliza essa tecnologia, mas pra quem conhece os volvos, meu pai teve um XC 60, melhor cambio do que o de dupla embreagem vw

  • 18/06/2014 em 16:10
    Permalink

    mesmo com peças caras é o menor custo por km rodado. ou traduzindo , o volvo passa muito mais tempo sem visitar a oficina do que os concorrentes.

    Resposta
  • 18/06/2014 em 16:01
    Permalink

    Volvo sempre a frente no mercado de caminhões. Caro de manter mas concerteza melhor opção.

    Resposta
  • 18/06/2014 em 14:52
    Permalink

    Com 2 embreagens, divide o serviço e a caixa vai durar muito mais, e as trocas ficam mais macias.

    Resposta

Deixe sua opinião sobre o assunto!