Agrale assina protocolo de intenções para construção de nova fábrica no ES

linha de montagem agrale




A Agrale assinou no dia 1º de julho, protocolo de intenções com o Governo do Estado do Espírito Santo e a Prefeitura de São Mateus para instalação de uma fábrica no município de São Mateus. A cerimônia, realizada no Palácio Anchieta, em Vitória, contou com a participação do governador do Estado do Espírito Santo, Renato Casagrande; do prefeito de São Mateus, Amadeu Boroto, do diretor-presidente da marca, Hugo Zattera e do diretor-executivo, Rogério Vacari.

A nova unidade, que prevê investimentos de cerca de R$ 40 milhões até a execução total do projeto, será destinada à fabricação da linha completa de produtos Agrale e deverá estar operando ainda em 2015, iniciando com a produção de chassis para ônibus. Além disso, haverá a criação de aproximadamente 200 novos empregos diretos, na primeira fase, capacitação de mão de obra e o desenvolvimento de fornecedores locais.

Entre os motivos destacados pelo diretor-presidente da Agrale para a instalação da nova fábrica em São Mateus está a constante busca pela elevação do nível de competitividade dos produtos da empresa. “Somos hoje penalizados com os custos de frete, que um país continental como o Brasil cria, para enviar os produtos do Sul para o resto do País, sobretudo o Leste e o Nordeste. A localização da nova unidade oferecerá ganhos de logística, o que contribuirá para reduzir os custos de distribuição no Brasil e também das exportações”, explica Zattera.

agraleassinaturadoprotocoloA instalação da fábrica em São Mateus, município que oferece excelentes condições em termos de infraestrutura, logística e mão de obra, também permitirá à Agrale estar próxima de seu principal parceiro e cliente, a Volare, da Marcopolo, que iniciará a produção de ônibus ainda no segundo semestre deste ano. “Estaremos próximos do nosso parceiro, colaborando em todo o seu processo produtivo”, finaliza Zattera.

A partir da assinatura do protocolo de intenções a Agrale fará os ajustes finais no projeto e o seu encaminhamento para obtenção das licenças necessárias. Na primeira fase do plano, a fábrica terá 7.500 m² de área construída, de um total previsto de 20.000 m².

Com a nova unidade de São Mateus, a Agrale constitui sua quinta unidade produtiva, das quais três estão no Brasil, em Caxias do Sul, e uma na Argentina, em Mercedes, província de Buenos Aires.

Fonte: Agrale




Deixe sua opinião sobre o assunto!