Coluna Mecânica Online® – On ou Off-road? Novo pneu de uso misto combina segurança, durabilidade e economia de combustível‏

EVENTO MICHELIN LTX FORCE 1




O brasileiro é um povo sem igual no mundo. Poucos são os que realmente buscam por novas soluções e oportunidades. Quando observamos o segmento de pneus, andar com o carro “bem calçado” deveria ser algo importante para todo motorista, mas não é bem assim. Enquanto na Europa, tão logo o consumo do pneu vai aumentando, o motorista já começa a procurar uma nova solução, conforme a necessidade e aplicação do automóvel, em conformidade com as especificações do manual do fabricante.

Por aqui, só com o pneu nas últimas, o popular “careca”. O preço vai à frente de tudo. É preciso quebrar esses conceitos. Claro que o fator preço deve ser considerado, mas em conjunto com a segurança, economia de combustível, durabilidade e aplicação. O que pode lhe parecer caro hoje pode ser o fator decisivo a evitar um acidente amanhã, com um menor tempo de resposta e distância mais curta na frenagem.

Tive a oportunidade de conhecer de perto o LTX Force, pneu que a Michelin desenvolveu no Brasil e tem sua maioria das dimensões fabricadas também por aqui. E os conceitos desse lançamento são válidos para todos os motoristas: versatilidade. É cada vez mais comum o deslocamento entre campo e cidade, e o desafio é produzir o pneu de uso misto que realmente tenha comportamento justo em qualquer das situações.

E a Michelin conseguiu. Mantendo o foco na durabilidade e segurança, a novidade quando comparada com seus concorrentes direto oferece frenagem mais curta em solo molhado e um melhor controle em situações de aquaplanagem, além de possuir maior robustez e maior rendimento quilométrico, ou seja, ele vai mais longe, dura mais.

“Este lançamento é significativo para nosso continente, pois é o primeiro projeto 100% liderado pelas equipes da Michelin da América do Sul. Quase todo o mercado sul americano será atendido com produção local e, em um segundo momento, este pneu será lançado em outros continentes. É motivo de orgulho para todos nós”, ressalta Anoildo Mattos, Gerente de Marketing para Pneus de Passeio e Caminhonete da Michelin América do Sul.

E não pense que o desenvolvimento de um pneu seja algo simples. É bastante complexo o percurso para encontrar a melhor fórmula para aplicação on ou off-road. Para isso a Michelin foi buscar soluções tecnológicas no mundo das competições que tanto incentiva. Vamos aos detalhes:

COMPACTREAD – Um pneu comum, para ter maior durabilidade, necessita de blocos de borracha mais altos, que são mais sujeitos a deformação, ocasionando a perda da área de contato com o solo. A tecnologia Compactread é a combinação de uma escultura com mais borracha e de um reforço entre os blocos que minimiza esta deformação, aumentando a área de contato com o solo e maximizando a aderência no molhado. Benefício: Maior durabilidade e maior segurança na estrada.

RALLY FORCE – É a combinação entre a escultura inspirada no Rally Dakar, desenhada especialmente para agarrar ao solo com blocos mais altos, que proporcionam uma tração superior; e um composto de borracha inspirado no Rali WRC (World Rally Championship), que oferece ao pneu maior resistência ao desgaste do solo em uso off Road.

Além disso, a escultura avançou sobre as laterais do pneu, proporcionando um reforço nessa zona crítica em uso off Road. Benefício: Maior segurança fora da estrada: maior capacidade de tração e maior robustez.

“A melhor maneira de comprovar a eficiência da utilização mista dos pneus é por meio do mundo das competições automobilísticas, que percorrem as mais diversas regiões do mundo, em todos os tipos de terrenos e solos”, explicou Thierry Neuville, piloto do WRC (World Rally Championship).

A equipe da Michelin está de parabéns ao promover uma apresentação completa do seu mais novo e importante lançamento em pneus nesse ano de 2015.

A marca permitiu o conhecimento teórico com apresentações do desenvolvimento, pesquisas, validações e todo processo construtivo, mas também organizou testes práticos para avaliação e acompanhamento da distância de frenagem em piso molhado, situações de aquaplanagem em picapes com velocidades a 60 km/h e 85 km/h e circuito de condução off e on-road, mostrando o bom comportamento nas duas situações e rápida adaptação.

Já na estrada, o MICHELIN LTX FORCE oferece segurança máxima em solo molhado, o pneu freia até 2m antes do que a média dos concorrentes da categoria de pneus mistos e tem um melhor controle em situações de aquaplanagem, sem prejudicar a durabilidade que é 35% maior do que a média dos concorrentes na categoria. Tudo isso graças à tecnologia Compactread que nos permite maximizar duas performances antagônicas: durabilidade e aderência.

O MICHELIN LTX FORCE traz o que há de mais moderno e tecnológico no segmento de caminhonetes (SUVs, picapes e crossovers), em 26 dimensões com aros de 15” a 18”. O novo pneu equipará veículos das principais montadoras, entre elas, Volkswagen, Renault, Ford, General Motors; e veículos como Amarok, Ecosport, S10 e Trail Blazer.

Institutos certificam o pneu MICHELIN LTX FORCE

TÜV SÜD Automotive – Com sede em Munique, na Alemanha e fundado em 1866, o TÜV SÜD é um dos líderes mundiais em organizações de serviços técnicos. São mais de 20.000 funcionários em parcerias com clientes de todo o mundo. Um grupo de profissionais qualificados e experientes trabalha para garantir o máximo de eficiência, segurança e qualidade. Alguns exemplos de serviços oferecidos pelo TÜV SÜD são: auditoria e inspeção, consultoria, teste e certificação de produto.

DEKRA – Fornecedor internacional de serviços para o setor automobilístico, fundado em 1925, em Stuttgart, na Alemanha. Atualmente, a companhia possui cerca de 33 mil colaboradores nos mais de 50 países em que atua. No Brasil, a DEKRA vem trabalhando desde 1995.

** Testes de distância de frenagem no molhado e aquaplanagem em curva realizados pelo Instituto TÜV SÜD, com pneus comprados no mercado brasileiro, na categoria de pneu misto, na dimensão 265/70 R16 112 T (entre eles, Pirelli Scorpion ATR, Goodyear Wrangler Adventure).

Total Performance

1º pneu com a chancela Michelin Total Performance – Há muitos anos, a Michelin trabalha o Equilíbrio de Performances, um conceito que visa garantir, em um único pneu, mais segurança, mais durabilidade e mais economia de combustível, sem abrir mão de nenhuma outra performance.

No geral, um pneu reúne características antagônicas. A aderência em piso molhado, por exemplo, não é facilmente compatível com a aderência no seco, como se nota claramente nas competições automobilísticas. “O grande diferencial dos produtos Michelin é reunir todas as excelências de performances em um único produto, onde estão contidas as tecnologias e as inovações da marca, resultado de um alto investimento da empresa em pesquisa e desenvolvimento”, afirma Bruno Blanc, Diretor de Marketing para Pneus de Passeio e Caminhonete da Michelin América do Sul.

Tarcisio Dias – Profissional e Técnico em Mecânica, além de Engenheiro Mecânica com habilitação em Mecatrônica e Radialista, é gerente de conteúdo do Portal Mecânica Online® (www.mecanicaonline.com.br) e desenvolve a Coleção AutoMecânica.




Deixe sua opinião sobre o assunto!