MT: frete para escoamento do milho é o menor em 3 anos

milho frete safra

800x150_blogodocaminhoneiro_02

Quebra de seis milhões de toneladas na produção do grão no estado está reduzindo a demanda por caminhões; no entanto, procura deve voltar a crescer a partir do próximo mês para cumprimento de contratos

O frete para escoamento do milho em Mato Grosso é o menor dos últimos três anos, de acordo com relatório divulgado nesta segunda, dia 25, pelo Instituto Mato Grossense de Economia Agropecuária (Imea). O custo para escoar uma tonelada até o Porto de Santos no mês de julho está quase R$ 50,00 mais barato em comparação com o mesmo período do ano passado.

Segundo o superintendente do Imea, Daniel Latorraca, a quebra da safra do grão, estimada em seis milhões de toneladas no estado, está diminuindo a demanda por caminhões para transportar o produto.

No entanto, Latorraca acredita que a procura por caminhões a partir do mês que vem vai voltar a crescer. Isso porque os contratos para entrega do grão em agosto e setembro têm mais liquidez e provavelmente vão aquecer a movimentação nos portos.

O superintendente finaliza dizendo que a safra em Mato Grosso deve ter produtividade de 79 sacas por hectare e alerta para uma quebra ainda maior assim que a colheita entrar na reta final.

Fonte: Canal Rural




Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *