Grupo Tracker e FECAP criam boletim sobre os impactos do crime no setor automotivo




new_renault_trucks_t_range_2016_3

800x150_blogodocaminhoneiro_02

O Grupo Tracker – maior empresa de rastreamento e localização de veículos do Brasil com cerca de 350 mil clientes – e a Fundação Escola de Comércio Álvares Penteado (FECAP) – referência na área de Gestão de Negócios – se uniram para traçar o perfil do crime e os impactos econômicos da violência no setor automotivo, no país.

Os boletins serão mensais, baseados nos dados do Business Intelligence do Grupo Tracker, nos índices do Núcleo de Estudos da Conjuntura Econômica (NECON) da FECAP e trará ainda análises extraídas dos cruzamentos destas informações.

A parceria surgiu da necessidade do Grupo Tracker em obter informações estratégicas que possam municiar ações e planejamentos futuros para beneficiar e atender melhor os clientes. “Buscamos informações econômicas, de concorrentes e setoriais. Nesta parceria, o Grupo Tracker entra com o know-how do roubo e furto de veículos e a FECAP com a expertise de indicadores de conjuntura e cenários econômicos. O resultado será uma nova tendência para o mercado, será intitulada como a ‘Economia do Crime’”, explica o gerente de Marketing e Vendas do Grupo Tracker, Rodrigo Abbud.

“Teremos um índice com atualizações periódicas sobre os indicadores de furto, roubos e outros delitos. O monitoramento desses dados vai nos mostrar a evolução e os resultados das políticas públicas e privadas no controle e combate a roubos, furtos e fraudes. No médio prazo, os estudos sobre a “Economia do Crime” irão demonstrar como o crime afeta a competitividade das empresas e, a longo prazo, poderão indicar como reduzir perdas decorrentes de fraudes e corrupção dentro de empresas públicas e privadas”, ressalta o coordenador do NECON, Erivaldo Costa Vieira.

As informações serão compartilhadas com os clientes, parceiros e fornecedores, agregando valor ao serviço que hoje o Grupo Tracker já oferece, de rastreamento e monitoramento de veículos. “O Boletim ‘Economia do Crime’ será extremamente importante na tomada de decisão dessas companhias, que utilizarão os dados para definir novos rumos e oportunidades, reduzir os custos e extrair quaisquer outros dados que possam auxiliar no dia a dia, na condução dessas empresas”, finaliza o gerente de Marketing e Vendas do Grupo Tracker.

Além do Boletim, mensalmente serão realizadas palestras sobre criminalidade, impactos econômicos, cenário econômico atual, crimes financeiros, fraudes em seguros, entre outras. Os eventos serão na FECAP, abertos ao público e com transmissão pelo Facebook.

Fonte: Divulgação




Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *