Mercedes-Benz encerra produção da linha Atron com edição limitada




atron-edicao-limitada-2016

800x150_blogodocaminhoneiro_02

A notícia surgiu no final de 2015. O ano de 2016 seria o último para a linha Atron, os últimos bicudos da Mercedes-Benz. Hoje a marca confirmou, por meio de uma publicação em seu blog e também no Facebook, que uma Edição Limitada encerrará a produção do modelo.

A linha “Atron 2324 Edição Limitada” é composta por 60 unidades. 59 destas estão disponíveis para venda por meio de um site, e a última será leiloada no 28 de Setembro, dia em que a Mercedes-Benz celebra 60 anos de presença no Brasil.

De acordo com o site da Mercedes-Benz, o caminhão tem como diferencial a cor vermelha ou azul especial com adesivos exclusivos, volante em couro, banco em couro com o logo Mercedes-Benz no encosto, rádio com câmera de ré, climatizador Actros, roda Alliance, estrela iluminada Alliance e spoiler Atron Alliance.

A versão já está sendo vendida e deve ter o lote finalizado rapidamente. No site onde os modelos são apresentados e vendidos, quase todos os caminhões estão com status de “Em Análise”, que é feita pelas concessionárias para possíveis interessados. Também não há informações de preço do modelo.

atron-edicao-limitada-2016Sucesso em vendas desde o lançamento, em 1989, com os modelos L-1214, LK-1214 e L-1218, eram equipados na época como motores OM-366 aspirados e turbinados, variando conforme a versão.

Conhecida como linha HPN, o projeto dos bicudos Mercedes-Benz foi desenvolvido no Brasil. Além do design moderno e arrojado, o espaço interno e ergonomia da cabine, aliada a boa visibilidade, fizeram com que o modelo conquistasse o mercado nacional e internacional. Outro ponto forte da linha HPN era a intercambialidade de componentes entre os diversos modelos de caminhões da linha, que facilitava as manutenções e substituição de peças.

Mercedes-Benz L-1218O maior sucesso de vendas da Mercedes-Benz nessa linha, sem dúvidas, foi o Mercedes-Benz L-1620, lançado em 1996, e considerado o sucessor direto do modelo L-1113, tamanha a aceitação do mercado. O modelo foi campeão de vendas no Brasil por seis anos, sendo quatro anos consecutivos logo após o seu lançamento, e também em 2003 e 2004. O modelo foi descontinuado em 2012, sendo substituído pelo Atron 2324.

Blog do Caminhoneiro – Conteúdo exclusivo, para reprodução cite o link original para a matéria




21 comentários em “Mercedes-Benz encerra produção da linha Atron com edição limitada

  • 16/10/2016 em 16:43
    Permalink

    O que falar dos 1513 e 1518. Eles ainda estão por aí nas rodovias brasileiras, andando de norte a sul desse país, guerreiros esses danadinhos

    Resposta
  • 05/10/2016 em 09:23
    Permalink

    É não podia parar veículo bom e manutenção que cabe no bolso do autônomo

    Resposta
  • 26/09/2016 em 18:12
    Permalink

    Nossa é uma pena o fim dessa linha, esses bicudos HPN são con certeza os melhores e mais bonitos caminhões que saiu, principalmente o L-1620, sou conhecido como QRA Amnésia, o povo já fala “o homi do 1620”, pq sou apaixonado por 1620 e 2324, meu caminhão preferido, se Deus permitir quero ter essa edição especial do 2324! É uma pena esses caminhões que são tão respeitados e são o sucesso de vendas da estrela sair de linha, chega parte o coração, na minha opinião é um tiro no pé da MB!

    Resposta
  • 17/09/2016 em 15:51
    Permalink

    Acredito que depois de um ano ou dois a mercedes muda de opinião e volta a fabricá-lo. Esse caminhão vende muito.

    Resposta
  • 17/09/2016 em 07:39
    Permalink

    Essa moda agora a maioria das transportadora não querem caminhões bicudo nem agrega caminhões bicudo povo vai ter que se acostumar imfelismente o brasil não se espelhou nos estados unidos nesse aspecto sim na europa mais fazer que ne

    Resposta
  • 16/09/2016 em 04:28
    Permalink

    Poxa uma pena que o brasil se espelha no mercado europeu e nao no americano vamo senti falta principalmente do 1635

    Resposta
  • 16/09/2016 em 03:15
    Permalink

    Que pena mesmo os bicudos são os mais bonito na minha opinião. A fama da Mercedes Benz eram os bicudos. Haha agora a Mercedes Benz vai ficar para trás no Brasil.

    Resposta

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *