Comil divulga carta para mercado e diz que vai produzir cinco ônibus por dia

onibus-comil

800x150_blogodocaminhoneiro_02

Em recuperação judicial e após ter demitido mais de 800 funcionários neste ano, a encarroçadora de ônibus Comil, enviou nesta sexta-feira, 21 de outubro de 2016, uma carta para o mercado informando que fez ajustes da produção em relação à demanda e que os primeiros resultados das mudanças já estão sendo sentidos.

Segundo a companhia, que possui dívidas na casa dos R$ 430 milhões, o turno de produção que chegou a ser de quatro horas, agora já ocupa todo o horário comercial.

O planejamento é de produção de até cinco ônibus por dia nesta fase. A empresa também confirmou a continuidade da produção de ônibus urbanos. Havia como alternativa emergencial, um plano de suspender a produção desse tipo de veículo. A reunião com os credores sobre a recuperação ainda não foi realizada.

A Comil admitiu logo após o pedido de recuperação judicial, em setembro, que além da crise econômica que afeta todo segmento de ônibus, ocorreram erros de planejamento e investimentos, como a fábrica de urbanos de Lorena, que funcionava desde dezembro de 2013.

A unidade foi fechada em 28 de janeiro deste ano.carta-comil

Fonte: Diário do Transporte




Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *