Librelato tem crescimento expressivo nas exportações




linha-de-montagem-librelato

800x150_blogodocaminhoneiro_02

Em tempos difíceis para a economia brasileira, muitas empresas apostam na exportação para melhorar o faturamento. De acordo com a Anfir (Associação Nacional dos Fabricantes de Implementos Rodoviários), comparando de janeiro a agosto de 2016, com o mesmo período do ano anterior, é possível notar que os fabricantes do setor (em geral) tiveram uma boa recuperação nas vendas externas, crescendo 24% este ano, um aumento significativo.

Esse cenário de crescimento não é diferente para a Librelato S.A Implementos Rodoviários, empresa de Santa Catarina que projeta para 2016 um aumento de 30% no faturamento proveniente das exportações de seus productos. Desde 2012 a fabricante vem investindo na internacionalização da marca e o mercado externo já representa cerca de 10% do faturamento líquido global da empresa.

Para que fosse possível alcançar este desempenho, a companhia estruturou o departamento de exportação, investiu na prospecção de novos negócios, e também passou a inserir uma cultura internacional em toda a empresa. “O mercado externo é um dos pilares estratégicos da empresa. Com foco no longo prazo e continuidade dos trabalhos, os produtos da Librelato vêm aumentando ano a ano sua presença internacional”, explica José Carlos Sprícigo, CEO da Librelato.

Rafael Bett, gerente de exportação da Librelato, ressalta que as alianças internacionais com os distribuidores são parte fundamental do êxito da empresa no mercado externo e garantem ao cliente final a confiança necessária para a escolha da marca. “Os próximos passos serão de continuidade em busca de novos mercados internacionais, com foco na América Latina, África e Oriente Médio”, finaliza.

Fonte: Librelato




Um comentário em “Librelato tem crescimento expressivo nas exportações

  • 29/10/2016 em 10:13
    Permalink

    É isso demonstra que a capacidade do país, para ser retomada a pelo menos 70 % irá ainda demorar quem sabe uns 20 anos.

    Resposta

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *