Quem tiver 20 pontos na carteira vai ficar pelo menos 6 meses sem dirigir

multa-caminhao




Quem atingir 20 pontos na carteira de motorista no período de um ano vai ficar mais tempo proibido de dirigir. A partir de 1.º de novembro, a suspensão da Carteira Nacional de Habilitação (CNH) passa a ser de no mínimo 180 dias (seis meses), podendo ser ampliada para 240 dias (oito meses) no caso de reincidência. Atualmente, esse período é de 30 dias. A alteração no Código de Trânsito Brasileiro (CTB) também vem acompanhada do aumento de até 66% nas multas de trânsito.

Os novos valores variam entre R$ 88,38 e R$ 293,47. O Departamento Nacional de Trânsito (Denatran) informou que as mudanças para as quatro modalidades de multa previstas em lei representam a correção pela inflação do período de outubro de 2000 a abril de 2016.

A infração leve engloba dirigir sem os cuidados indispensáveis de segurança, estacionar a 50 cm do meio-fio ou no acostamento e parar na faixa de pedestres dentro das cidades. Agora o valor “da punição” será de R$ 88,38. O antigo era de R$ 53,20. As infrações médias, que custavam R$ 85,13, agora virão com ônus de R$ 130,16. Essa categoria penaliza quem para o veículo em pontes, viadutos e na contramão, ultrapassa pela direita ou transita com velocidade inferior a metade da máxima permitida para a via.

Driblar o pedágio, não dar preferência a pedestre e transitar com velocidade de 20% a 50% superior em uma via são infrações graves. As multas custavam R$ 127,69 e serão de R$ 195,23 para o bolso dos infratores.

As infrações gravíssimas custarão R$ 293,47 – o valor antigo era de R$ 191,54. Elas penalizam o condutor com 7 pontos na CNH e englobam dirigir sem habilitação ou sem permissão para dirigir ou apostar corrida.

Motoristas embriagados e uso de celular

No caso de motoristas que forem flagrados embriagados na direção ou se recusarem a fazer o teste do bafômetro, a punição será dez vezes mais alta do que a multa gravíssima. O valor passará de R$ 1.915 para R$ 2.934. Em caso de reincidência no período de doze meses, a penalidade será aplicada em dobro.

A reformulação no CTB estabelece também que o uso do celular, ou o simples manuseio do aparelho, passa a ser considerado infração gravíssima – atualmente, a infração é média. O aumento será de R$ 85,13 (multa média atual) para R$ 293,47 (multa gravíssima a partir de 1.º de novembro).

Para onde vai o dinheiro?

A nova lei determina que todos os órgãos públicos municipais, estaduais e federais que emitem as multas de trânsito publiquem anualmente a receita proveniente com as cobranças. O órgão também será obrigado a repassar 5% do valor arrecadado ao Fundo Nacional de Segurança e Educação de Trânsito (Funset).

O Funset planeja e executa programas, projetos e ações de modernização e aperfeiçoamento das atividades do Denatran relativas à educação e segurança nas estradas. Segundo a nova lei, toda a arrecadação será destinada a atender exclusivamente despesas públicas como sinalização, engenharia de tráfego e campo, policiamento, fiscalização e educação de trânsito. Essas receitas não poderão ser aplicadas em outras finalidades.

Mais caro

multas-2016

Limites de velocidade permitidos

Os limites de velocidade permitidos nas rodovias também sofrerão alterações a partir de novembro. Com a nova lei, fica delimitado que em rodovias de mão dupla pode -se chegar a 110 km/h no caso de automóveis, caminhonetes e motocicletas e 90 km/h para os demais veículos – caminhões, ônibus, etc.

Nas estradas de pista simples, automóveis, caminhonetes e motocicletas podem trafegar a 100 km/h, e os demais veículos, a 90 km/h.

Entre os meses de janeiro e setembro de 2016, os radares da Polícia Rodoviária Estadual (PRE) registraram 145.846 veículos rodando acima da velocidade máxima permitida. Quase metade das multas (71.404 autuações) foi aplicada nos três primeiros meses do ano, período em que há fluxo intenso nas rodovias, especialmente no Litoral.

Segundo a PRE, o tipo de infração que mais atinge os paranaenses é a média, aplicada aos veículos que transitaram até 20% acima do limite da velocidade máxima permitida.

Fonte: Gazeta do Povo




72 comentários em “Quem tiver 20 pontos na carteira vai ficar pelo menos 6 meses sem dirigir

  • 05/11/2016 em 14:07
    Permalink

    Vou virar bandido da mais lucro e não tem perturbação pois trabalhar e ser honesto no Brasil tá virando crime

  • 04/11/2016 em 21:49
    Permalink

    Falta acostamento,terceira faixa, sinalização, etc,,, isso não adianta cobrar, agora pra tomar o nosso dinheiro ???

  • 30/10/2016 em 13:00
    Permalink

    Sai Novas leis so p cidadao de bem.p bandido nao sai lei nenhuma mais..ser bandido no Brasil e melhor..por isso q mtos tao virando bandido .nao tem leis pra eles…posso estar erredo mas éoque eu pensso…

  • 30/10/2016 em 02:45
    Permalink

    melhor dizer, pai de familia que trabalha no trecho, vai perde o emprego.

  • 30/10/2016 em 01:48
    Permalink

    Da vergonha de ser brasileiro e muita safadeza esse governo de merda so rouba e nos motoristas e quem paga o preço e pra caba ….

  • 29/10/2016 em 14:21
    Permalink

    Governo nojento…
    Ao inves de selecionar melhor os motoristas nos exames para primeira cnh fazem isso….
    #LIXO

  • 22/10/2016 em 22:31
    Permalink

    E os motoristas de carros de passeio andando bêbados nos finais de semana ninguém fiscaliza !!! Um carro de passeio fais qtos kilometros por mês ?? Enquanto um caminhoneiro fãs 12 a 15 mil kilometros mês a mesma quantidade de pontos q um carro de passeio isso é injusto e a lei do exame toxicológico tem q ser para todos nao só para os caminhoneiros tem mtos políticos q tb não vão passar nesse exame !!!! Tem mto político q tambem usa drogas e fácil falar q o caminhoneiro usa drogas não temos sindicato não temos uniao para parar esse país que chamam de Brasil deveria chamar lava jato !!!! Mas agora ele vai parar por si mesmo já tem mto caminhão parado e vai parar mto mais !!!

  • 22/10/2016 em 18:27
    Permalink

    Kkkk vai lá para denovo e vão ver oque é uma coisa chamado sistema vai e do ai quando mais bater de frente mais de fera

  • 22/10/2016 em 15:20
    Permalink

    Negócio é seguinte a multa tem que ter mais o motorista profissional anda as vezes noite e dia aí ta na estrada toda hora ta correndo o risco alguma coisa pode dar errada uma lâmpada queimada ou erro pode cometer num ano vinte pouco pra quem anda tido dia no trecho não fácil ser camioneiro pois s maioria ta caindo fora graças a deus que só dirijo.o meu caminhão assim mesmo não fácil andar sempre certinho nunca errar

  • 22/10/2016 em 13:31
    Permalink

    E vai comer o que? Hoje em dia se multa até por tá respirando…

  • 22/10/2016 em 12:13
    Permalink

    E quem tiver sem habilitação pq São Paulo virou indústria das multa oo que faz? Vira ladrão? ……vai se fude governo de merdaaaa além de roubar o trabalhador ainda quer proibir a pessoa de ganhar seu ganha pão. ..

  • 22/10/2016 em 11:58
    Permalink

    Essa bosta desse brasil nunca vai sair dessa crise,de vez policiais ir prender bandido eles querem prender carro com som auto pq e mais fácil neh?!correr atrais de bandido é perigoso!hum aí agora vem com essa palhaçada da carteira tbm aí o pai de família que tem que levar alimento pra dentro de casa pra alimentar seu filho e mulher vai ter que roubar né?!pq vai fazer oque
    Brasil de merda msm

  • 22/10/2016 em 10:34
    Permalink

    desculpe desviar do assunto, mas o exame toxicológico rastreia quanto tempo ?? Se pegar maconha, o que acontece ??

  • 22/10/2016 em 10:23
    Permalink

    Fazer eles se alimentar de pontos na carteiras. Isso tem que ser revisto .

  • 22/10/2016 em 10:04
    Permalink

    É a felicidade desses lixos da PRF poder tirar a carteira dos motoristas

  • 22/10/2016 em 09:59
    Permalink

    tem uns abobado do som alto que dizem que nao se importam co as multa que tem dinheiro pra pagar mas os pontos da carteira chupa essa visinho do corsinha 98

  • 22/10/2016 em 04:11
    Permalink

    Eu vou pedir trabalho nu tráfico vou ser capana político podre mauditos eu odeio todos vc seu verme imundo Sangui suga

  • 22/10/2016 em 00:52
    Permalink

    A Força está em nossas mãos,é só paramos todos os caminhões e pronto,mas não é fazer greve nas beiras de estradas,é deixar seu caminhão em casa ou nós pátios das empresas todos parados e quando não resolver toda essa ZONA,tudo mundo fica parado,é só fecharmos todos os portões das refinarias e o caminhão que sair é simples Meter Fogo nele…sem piedade aí quero ver esses políticos vagabundos corruptos quadrilheiros Bandidossss….aí dp eles chamam a Força Nacional pra dirigir os caminhões…Queremos as 10 Medidas contra a Corrupção Aprovada,e não só as leis que são aprovada contra o povo,cambada vagabundosss…

  • 22/10/2016 em 00:44
    Permalink

    Pra mim os profissional deveria ser isento de pontuaçao ,porque muito das vezes tem caminhoneiro passa 3 meses dentro da boleia.

  • 22/10/2016 em 00:41
    Permalink

    Quem vai dirigir os caminhao vai ser os policiais ,vai acabar os motorista profissional.

  • 22/10/2016 em 00:36
    Permalink

    Vão votar nesse bando de ladrões eles só sabem ferar com os motoristas já se não bastasse pagar para raspar as pernas com o tal exame toxicológico e vão ferar cada vez mais se preparem que vem mais por aí se não fizer uma paralisação geral o governo vai botar pra lascar com todos nós caminhoneiro pode esperar

  • 22/10/2016 em 00:14
    Permalink

    E muito difícil ser trabalhador no Brasil,as vezes penso em virar bandido,entrar para política roubar e ganha dinhero,afinal não da nada pra eles neh se de e pouca coisa.

    • 22/10/2016 em 19:34
      Permalink

      Espero que não vire bandido, mas concordo com você, está foda ser trabalhador aqui. Eu que o diga..

  • 22/10/2016 em 00:12
    Permalink

    Está mal explicada essa reportagem, motorista profissional são 14 pontos depois vai para a reciclagem e zera tudo.

  • 22/10/2016 em 00:01
    Permalink

    Kkkkkkk então acabou a profissão de motorista? É palhaçada! Mas com esses picaretas no governo tudo pode acontecer inclusivel nada.

  • 21/10/2016 em 23:53
    Permalink

    A coisa mais facil nesse pais e multar e cobrar, querem tirar a minha carteira grande coisa a minha familia eu nao deixo de sustentar eu nao sou vagabundo e sim trabalhador.

  • 21/10/2016 em 23:44
    Permalink

    Estão tirando o direito de muitos pais de família trabalhar o caminhoneiro onde vamos parar.

  • 21/10/2016 em 23:42
    Permalink

    É pros motorista qe teabalham ,temo qe acha um meio de aprende a roba também qe trabalhar não da mais é brasilsilsil

  • 21/10/2016 em 23:17
    Permalink

    Aí nos que é motorista que depende do caminhão pra tratar da família fica como né

  • 21/10/2016 em 23:13
    Permalink

    Só esse país mesmo, tirar o direito do pai de família trabalhar, parabéns ao gênio que criou essa lei.

    • 21/10/2016 em 23:19
      Permalink

      Cabe processo Ed Junior … Basta o cidadão ser mais orientado .. igual vc disse tirar o direito de trabalhar é inconstitucional.

    • 21/10/2016 em 23:20
      Permalink

      Nossa ex presidenta fez só merda no Brasil. Porém ela não perdeu seus direitos de política. Ou seja pode trabalhar quando quiser..

    • 21/10/2016 em 23:29
      Permalink

      Pois é, e nós que nos matamos nessas merdas de estradas desse país cada dia mais somos punidos, e direitos cada vez menos, tenho quinze anos de profissão, mas já estou programando pro ano que vem largar essa profissão…

  • 21/10/2016 em 22:56
    Permalink

    Engraçado…pois a constituição diz que nenhum cidadão pode ser impedido de trabalhar ….. proibindo um profissional do volante de dirigir vcs estão fazendo oq .???? Me diz ai

    • 21/10/2016 em 23:21
      Permalink

      Só começa a processar o governo e o Detran que rapidinho essa lei é derrubado.

  • 21/10/2016 em 22:35
    Permalink

    Ai é bom.porque vai vim deregi de grassa o filadaputa q envento essa lei pra sustenta a familia desse cidadão q perdeu o direito de dirigir

  • 21/10/2016 em 22:13
    Permalink

    Pelo que eu sei motorista profissional portando CNH C,D e É. Pode ter até 14 pontos.. só se mudou alguma coisa no Detran.essa informação pode ter mal explicada.

    • 22/10/2016 em 00:47
      Permalink

      Pous eh….Com 14 pontos o motorista profissional pode fazer uma reciclagem sem ter a carteira suspensa , zerando a pontuação…. Isso pode ser feito uma vez por ano…seee o caba mesmo assim consegui fazer mais 20 pontos… Ai tem a carteira suspensa pelo prazo ai…

Fechado para comentários.