Na boleia: Arena Corinthians testa caminhoneiros com simulador

Dirigir caminhão não é uma tarefa fácil. Fica ainda mais difícil com uma carga de 25 toneladas e um trânsito caótico como o de São Paulo. Para ajudar os caminhoneiros que trabalham na obra da Arena Corinthians, palco da abertura da Copa do Mundo de 2014, a Odebrecht usou um simulador para treinar os profissionais.

Foram três semanas de treinamentos no último mês de março. Um grupo de 44 motoristas passou pelo aparelho, sob o comando do instrutor Luis Carlos Santos.

- É mais fácil dirigir um caminhão do que um carro, porque quem faz a condução de um caminhão são profissionais, na maioria das vezes orientados e capacitados. Já o motorista amador não tem muito conhecimento. E por isso se torna mais perigoso no comando de um carro – comentou o instrutor.

A máquina em que o simulador é operado fica dentro de um container. Nele, foi instalada uma boleia de caminhão. Na frente, uma tela em 180 graus aumenta a sensação de realidade, já percebida com o barulho e a intensidade dos pedais e do volante. É possível simular vários tipos de situação, como explica Luis Carlos.

- No simulador nós conseguimos criar situações de trânsito, na cidade e na rodovia, mudamos também o clima, com sol, chuva, neblina, noite, dia e outros momentos adversos. Tudo isso justamente para capacitar o condutor, para ele estar preparado na hora que viver aquilo na realidade – acrescentou.

Carlos Gabos, gerente de equipamentos da Odebrecht, também é responsável por esse treinamento dos motoristas. Na verdade, o curso termina no simulador. Mas começa antes, bem antes, com aulas teóricas de prevenção e controle de riscos. Tanto que esse grupo de 44 motoristas iniciou essa preparação em novembro.

- Todos os motoristas que estão passando por esse simulador são experientes. Os colocamos nesse programa para que eles possam aperfeiçoar a habilidade de operar. Esse processo está inserido em um projeto de percepção de riscos e análise de falhas – declarou Garbos, que é engenheiro mecânico.

Aos que chegam para ser testados no simulador, a boleia de caminhão dentro de um container e a tela em 180 graus à frente causam estranheza. Como foi o caso de Amilton Liberato, caminhoneiro profissional há mais de 20 anos. Antes de iniciar seu teste, ele ficou desconfiado e ansioso.

- É a primeira vez que vou encarar um simulador, mas não deve ser difícil. Estou um pouco nervoso, mas vai dar para desempenhar o que sei – falou Liberato.

E deu! Amilton fez um percurso de 10 quilômetros em 20 minutos, considerado bom pelo instrutor Luis Carlos Santos.

- É bem real. São poucas as diferenças as diferenças para um caminhão – finalizou.

Com mais de 30% da obra pronta, a Arena Corinthians tem previsão de ser entregue em dezembro de 2013. Fora da Copa das Confederações, o estádio do Corinthians será palco da abertura da Copa do Mundo, em 2014. No próximo dia 30 de maio, completa um ano que a construção foi iniciada.

Vídeo:

Fonte: Globo Esporte