Novos Caminhões Cargo 816 e 1119 começam a ser vendidos

Ford Cargo 1119Os novos caminhões Cargo 816 (8 toneladas) e Cargo 1119 (10,5 toneladas), ja começam a ser vendidos, ambos modelos contam com versões de veículos urban de carga (VUC). O 816 é é um dos preferidos para o transporte urbano de cargas e ficou ainda mais forte e econômico com a motorização Euro 5

A Ford Caminhões liderou o segmento de caminhões da chamada categoria de leves com o Cargo 816. Este segmento é um dos mais competitivos do mercado brasileiro por oferecer caminhões que podem circular em áreas urbanas em diferentes aplicações de transporte. O modelo da Ford teve um crescimento de 78% nas vendas no varejo em 2013.

O Ford Cargo 816 somou 7.011 unidades comercializadas no varejo, segundo o Renavam. O segmento de caminhões leves é um dos mais importantes do Brasil, com cerca de 25% das vendas totais do setor.

O Cargo 816 teve a cabine toda renovada inspirada no design Kinetic da Ford. As alterações incluem grade em formato hexagonal, para-lamas, faróis e para-choque dianteiro recuado e pisca instalados no alto dos para-lamas. O interior do modelo também teve alterações ganhando novo volante e painel com iluminação na cor azul Ice Blue. O banco com suspensão a ar permite múltiplas regulagens e as portas têm laterais revestidas em tecido. Vidros elétricos são um dos itens de série.

O caminhão é equipado com motor Cummins ISB 4.5, com potência de 162 cv (a 2.300 rpm) e torque de 550 Nm (a 1.500 rpm), e transmissão Eaton de cinco marchas mais uma à ré. Ele tem peso bruto total de 8.250 kg.

Ford CargoJá o Cargo 1119 tem capacidade de PBT de 10.510 quilos. O caminhão é equipado com motor CumminsISB 4.5 de quatro cilindros, com potência de 189 cv (a 2.300 rpm) e torque de 600 Nm (a 1.500 rpm), é indicado para uso com baú isotérmico, baú frigorífico, carga seca, guincho plataforma e bebidas, entre outros.

O câmbio Eaton de cinco marchas mais ré tem relações desenvolvidas especialmente para otimizar o torque e o desempenho. Situado numa posição intermediária entre os modelos de 8 e 13 toneladas, o novo modelo tem como ponto forte a capacidade de carga útil de 7.164 kg.

Fonte: Campo Grande News

Ford Caminhões liderou o segmento de caminhões leves com o Cargo 816

Novo Cargo 816 (9)A Ford Caminhões liderou o segmento de caminhões da chamada categoria de leves com o Cargo 816. Este segmento é um dos mais competitivos do mercado brasileiro por oferecer caminhões que podem circular em áreas urbanas em diferentes aplicações de transporte. O modelo da Ford teve um crescimento de 78% nas vendas no varejo em 2013.

O Ford Cargo 816 somou 7.011 unidades comercializadas no varejo, segundo o Renavam. “A versatilidade, resistência e economia são os fatores mais importantes na definição de compra nesse segmento. O nosso veículo tem peso bruto total de 8.250 kg, capacidade máxima de tração de 11.000 kg e três opções de distância entre-eixos que facilitam a adequação para várias necessidades de transporte urbano”, afirma Guy Rodriguez, diretor da Ford Caminhões.

O segmento de caminhões leves é um dos mais importantes do Brasil, com cerca de 25% das vendas totais do setor. Este ano, além do Cargo 816, a Ford Caminhões vai ampliar a sua presença nessa faixa de mercado, passando a oferecer mais um produto de grande relevância: o Cargo 1119, de 11 toneladas, com a maior capacidade de carga e potência da categoria.

Moderno e funcional

Na linha 2014, o Cargo 816 recebeu uma significativa alteração no modelo, principalmente na cabine, que passou a adotar o conceito global de toda a linha Cargo. “Com essa modernização, ele ficou ainda mais confortável e prático, aumentando a produtividade na operação do transportador”, completa o executivo.

O Novo Cargo 816 segue o design Kinetic da Ford para veículos comerciais. As mudanças incluem para-choques recuados, ampla grade característica da Ford e degraus de acesso fixados na cabine que facilitam a manutenção. Internamente, tem bancos com suspensão a ar, materiais de revestimento durável, volante de empunhadura ergonômica, além de painel com iluminação “Ice Blue” e vidros elétricos de série.

O motor Cummins de 4.5 litros, com potência de 162 cv e torque de 550 Nm, agora vem preparado para uso do diesel sustentável B20.

Fonte: Ford

Ford Caminhões, líder do programa mais alimentos, amplia a oferta com novo modelo Cargo

Cargo-1319_DayCab_34FrentePRATAA Ford Caminhões, líder de vendas do Pronaf – Mais Alimentos, anunciou a disponibilidade de mais um modelo de caminhão para este programa de investimento em agricultura familiar. Agora, a empresa habilitou o Cargo 1319 dentro do Pronaf, do Governo Federal, que já contava com a oferta do Cargo 816 da linha de leves da marca.

Com mais de 3.000 unidades fornecidas para o programa desde a sua criação, a Ford Caminhões oferece condições para o agricultor familiar adquirir seu caminhão neste programa de investimento na modernização da produção. Ele prevê a aquisição de equipamentos para projetos associados a todas as culturas e atividades agropecuárias.

O limite de crédito é de R$ 150 mil por ano agrícola, limitado a R$ 300 mil no total, que podem ser pagos em até dez anos, com até três anos de carência e juros de 2% ao ano. Para projetos coletivos, o limite é de R$ 750 mil.

Modelos Cargo

Com peso bruto total de 8.250 kg e capacidade máxima de tração de 11.000 kg, o Ford Cargo 816 é hoje o caminhão mais vendido da categoria. Ele é equipado com motor Cummins 4.5 litros de 162 cv e oferece três opções de distância entre-eixos que facilitam a adequação a diferentes aplicações.

O Cargo 1319, habilitado agora no programa, tem peso bruto total de 13 toneladas e capacidade máxima de tração de 23 toneladas. Equipado com motor Cummins 4.5 litros de 189 cv, oferece as mesmas características de robustez, baixo consumo de combustível e manutenção econômica, com maior capacidade de carga.

Agricultura familiar

Lançado em 2008, o Programa Mais Alimentos busca incrementar a produção e a produtividade, reduzindo os custos de fabricação e elevando a renda da agricultura familiar, em parceria com a indústria nacional para ofertar produtos a preços mais acessíveis.

Segundo dados da Secretaria de Agricultura Familiar do Ministério do Desenvolvimento Agrário, 70% dos alimentos que chegam à mesa dos brasileiros são provenientes da agricultura familiar.

O diretor do PAC2 e do Programa Mais Alimentos, Marco Antonio Viana Leite, e o coordenador do PAC2, Lucimar Carnizella, visitaram o estande da Ford Caminhões na Fenatran. Na foto, à frente do Cargo 816, aparecem: Charles Camargo, gerente nacional de Vendas da Ford Caminhões, Lucimar Carnizella, Guy Rodriguez, diretor de Operações de Caminhões da Ford América do Sul, Marco Antonio Viana Leite e Osmar Hirashiki, gerente nacional de Vendas a Frotistas e Programas Especiais da Ford Caminhões.

Fonte: Ford

Ford convoca recall do Cargo

CARGO 816A Ford Motors Company Brasil convocou os proprietários dos caminhões Cargo 712, modelo 2012 e Cargo 816, modelo 2013 a comparecerem a uma concessionária da marca para substituição da válvula do freio de estacionamento.

Para o recall, serão considerados os veículos com data de fabricação entre 29 de agosto de 2011 até 20 de março de 2012 finais de chassis Cargo 712 chassis (8 últimos dígitos) de CBB01184 até CBB99527; Cargo 815 chassis (8 últimos dígitos) de CBB00975 até CBB99535 e Cargo 816 chassis (8 últimos dígitos) de CBS00582 até DBS13859

Segundo comunicado da empresa foi constatada a possibilidade de variações no processo de produção dos parafusos de fixação da tampa inferior da válvula de freio de estacionamento, podendo resultar na quebra dos parafusos.

Caso isso ocorra pode haver vazamento instantâneo de ar, provocando o acionamento involuntário do freio de estacionamento e consequente travamento das rodas traseiras, com risco de acidentes e possíveis danos físicos aos ocupantes do veículos e terceiros.

A Ford disponibiliza o telefone 0800 703 3673 para mais informações e para verificar também se a unidade está envolvida nesta convocação, pois pode haver variações no sequenciamento da produção.

Fonte: UltimoInstante

Ford oferece taxa zero e garantia de dois anos para toda linha Cargo

A Ford oferece, durante o mês de junho, financiamento com taxa zero e garantia promocional de dois anos para todos os modelos da linha de caminhões Cargo, sem limite de quilometragem. A cobertura vale para todos os modelos leves, médios e pesados, ampliando as vantagens da linha que é reconhecida pela robustez e eficiência e, agora, ficou ainda mais potente e econômica com a nova geração de motores Euro 5.

O modelo leve Cargo 816 e o cavalo-mecânico Cargo 1933 foram os primeiros a oferecer garantia de dois anos. “A novidade, introduzida este ano, foi muito bem recebida pelos nossos clientes, que enxergaram a garantia como uma vantagem operacional. Por isso, agora estamos estendendo esse benefício para toda a linha Ford Cargo, até o final de junho”, afirma Pedro Aquino, gerente de Marketing da Ford Caminhões.

Cobertura

O modelo Cargo 816 conta com garantia total no primeiro ano e cobertura do trem de força – motor, câmbio e diferencial – no segundo ano. Nos demais modelos, médios e pesados, a cobertura é exclusiva para o trem de força.

“O trem de força é o coração do caminhão. Com essa garantia, o transportador tem a tranquilidade de manter a frota rodando sem gastos imprevistos na manutenção. É uma grande vantagem que amplia o custo-benefício do caminhão Ford”, completa Aquino.

A linha de vans Transit também conta com garantia de dois anos da Ford.

Taxa zero

Durante a promoção, toda a linha de caminhões Cargo pode ser financiada com taxa zero na modalidade de crédito direto ao consumidor (CDC), com 30% de entrada e pagamento em 12 meses. No financiamento pelo Finame, a taxa foi reduzida para 0,45% ao mês, com 10% de entrada e saldo em 60 meses, e também dispõe de carência de até seis meses para micro, pequena e média empresa.

A Transit Chassi é outro modelo que pode ser adquirido com taxa zero, no financiamento por CDC, com 30% de entrada e pagamento em 12 meses. Todas as condições dessa promoção são válidas até 31 de junho de 2012.

Fonte: Circuito MT

Nova linha Ford Cargo Euro 5 faz sucesso na EXPOCONQUISTA

A Ford apresentou a nova linha Cargo Euro 5 na Expoconquista, a segunda maior feira agropecuária da Bahia, em Feira da Conquista, mostrando os avanços tecnológicos que aumentam a potência e economia dos caminhões Ford, além de reduzir as emissões.

O evento foi visto por um grande público, que pode conhecer o modelo leve Cargo 816, o médio Cargo 1519, o pesado Cargo 2429 6×2 com cabine leito e o cavalo-mecânico Cargo 1933, além da Transit nas versões van de passageiros e chassi-cabine com baú.

“Como se trata de uma tecnologia nova, preparamos atendentes para explicar o funcionamento dos motores Euro 5 da linha Cargo, que foi muito bem recebida pelo público. Tanto que vendemos oito unidades durante a feira”, diz Carlos Brusco, gerente geral da Atlanta Caminhões, distribuidor Ford Caminhões de Feira da Conquista.

Nova tecnologia

Todos os novos modelos Cargo trazem motorização Cummins Euro 5 com tecnologia de pós-tratamento dos gases de escape SCR (sigla em inglês para Redução Catalítica Seletiva), que reduz em até 80% a emissão de poluentes. O sistema injeta o aditivo Arla 32 no catalisador para neutralizar as emissões de hidróxidos de nitrogênio e material particulado. Nesse processo, o aditivo – composto por 32,5% de ureia dissolvida em água – reage com os óxidos de nitrogênio da combustão, transformando-os em nitrogênio e vapor de água.

Outras vantagens são o aumento da potência e o ganho de 5% a 7% no consumo de diesel, além de intervalos maiores na troca de óleo e a durabilidade ampliada dos componentes do motor.

Linha Cargo Euro 5

Com o novo motor Cummins Euro 5 ISB 4.5, de 162 cv, o Ford Cargo 816 se tornou o caminhão mais potente da categoria. Tem peso bruto total de 8.250 kg e é o único com 2 anos de garantia sem limite de quilometragem, cobrindo todos os itens do caminhão no primeiro ano, e motor, câmbio e diferencial no segundo.

O Ford Cargo 1519 é usado em aplicações urbanas, como mudanças, transporte de bebidas e material de construção, além de transporte rodoviário de curta distância. Vem com Cummins Euro 5 ISB 4.5, de 189 cv, transmissão de seis marchas e tem peso bruto total de 14.500 kg.

O Ford Cargo 1933 com cabine leito tem capacidade máxima de tração de 45.150 kg, para uso com Romeu e Julieta. Tem motor ISL 8.9 de seis cilindros com potência de 334 cv e transmissão de 13 marchas, mais três à ré. O Ford Cargo 2429 6×2 cabine leito, com peso bruto total de 35.000 kg, é usado como furgão lonado, baú isotérmico, baú de alumínio, baú frigorífico e para carga seca. É equipado com motor ISB 6.7 de 290 cv e transmissão de seis marchas sincronizadas, com uma à ré.

Mais conforto

Entre outros equipamentos, todos os modelos Cargo médios e pesados trazem cabine e banco com suspensão, coluna de direção com ajuste pneumático, retrovisores elétricos, tacógrafo com tela digital e chave com código eletrônico antifurto Ford PATS.

Outro diferencial dos caminhões Ford é a rede exclusiva formada por 139 distribuidores em todo o Brasil, com oficinas próprias e técnicos treinados para oferecer o melhor padrão de assistência pós-venda.

Fonte: Cross Brasil

Ford lança o Cargo 816

A Ford iniciou as vendas do Cargo 816, caminhão que traz um novo padrão de desempenho e economia no segmento de leves com o avançado motor Euro 5. O modelo vem equipado também com novo painel, que garante maior conforto, e passa a contar com 2 anos de garantia sem limite de quilometragem – é o único da categoria a oferecer essa vantagem operacional.

Sucessor do Cargo 815, um dos caminhões leves preferidos no transporte urbano de cargas, o novo caminhão da Ford destaca-se pela economia. “Ele é reconhecido pela resistência, versatilidade e eficiência operacional. Agora, com o modelo 816, ampliamos suas vantagens de potência e conforto, com o diferencial de ter a maior garantia, fator importantíssimo neste segmento”, diz Pedro de Aquino, gerente de Marketing da Ford Caminhões.

O modelo tem peso bruto total de 8.160 kg, capacidade máxima de tração de 11.000 kg e conta com três opções de distância entre-eixos (3.300, 3.900 e 4.300 mm), que facilitam a adequação a diferentes aplicações.

Força e economia

O Ford Cargo 816 ganhou mais força e se tornou o caminhão mais potente da categoria com o motor Cummins Euro 5 ISBe 4.5, de 160 cv. Tem também uma curva de torque ampla, que chega mais rápido à força máxima, de 550 Nm, e a mantém numa faixa maior de rotação, entre 1.100 e 2.000 rpm.

Além disso, ficou entre 5% a 7% mais econômico no consumo de diesel em comparação com o modelo anterior. Outras vantagens são os intervalos maiores de troca de óleo e a durabilidade ampliada de componentes, com reflexo positivo na vida útil do motor.

O Cargo 816 está mais robusto, com a introdução do novo material LNE 60. Ele dá mais resistência e durabilidade ao chassi do caminhão e permite seu uso em condições mais severas, tanto na cidade como no campo, e com os mais diferentes tipos de carrocerias.O câmbio de cinco marchas e os freios com válvula sensível à carga no eixo traseiro, de concepção robusta, contribuem para o desempenho eficiente do caminhão.

Redução de emissões

O Novo Cargo 816 incorpora a tecnologia SCR (sigla em inglês para Redução Catalítica Seletiva) de pós-tratamento dos gases de escape que reduz em até 80% a emissão de poluentes. O sistema injeta o aditivo Arla 32 no catalisador para neutralizar as emissões de hidróxidos de nitrogênio e material particulado.

Nesse processo, o aditivo – composto por 32,5% de ureia dissolvida em água – reage com os óxidos de nitrogênio da combustão, transformando-os em nitrogênio e vapor de água. O Cargo 816 traz um reservatório com capacidade de 25 litros de Arla 32 e um sistema avançado de proteção e diagnóstico do motor no painel.

Conforto na cabine

Na cabine, o novo painel do Ford Cargo 816 privilegia a ergonomia e o conforto para o motorista, com desenho que facilita o acesso aos comandos e a visibilidade. Ele é produzido com um novo material, leve, resistente e reciclável, desenvolvido e patenteado pela Ford: polipropileno reforçado com fibra de sisal. Além disso é revestido em vinil de toque suave, que amplia a sensação de conforto e qualidade.

“O conforto é um item importante de produtividade, principalmente para os motoristas que trabalham com entrega urbana. O Cargo 816 evoluiu também nesse aspecto, contribuindo para o melhor resultado operacional do frotista”, completa Pedro de Aquino.

Garantia de 2 anos

Outra vantagem operacional do Cargo 816 com relação a seus concorrentes é a garantia de 2 anos sem limite de quilometragem. No primeiro ano a garantia é para todos os itens do caminhão e no segundo estão segurados motor, câmbio e diferencial. Na operação comercial, isso significa uma vantagem para o operador, pois permite garantir maior longevidade ao produto prevenindo paradas indesejadas do caminhão.

Fonte: Assessoria de Imprensa Ford

Ford Cargo Euro 5 com mais potência e rastreador como opcional

A Ford apresentou hoje (30), na fábrica de São Bernardo do Campo, a nova linha Cargo equipada com motores Euro 5. Além do aumento de potência proporcionado pela nova tecnologia, os caminhões poderão sair de fábrica equipados com rastreadores e sistema de telemetria da Autotrac.

Os novos modelos serão apresentados oficialmente na 18ª edição da Fenatran – Salão Internacional do Transporte – que acontece de 24 a 28 de outubro, no Anhembi em São Paulo. A diretoria da montadora não adiantou as novidades sobre a nova motorização da Linha F e de modelos tradicionais da marca como o F 4000.

Totalmente desenvolvida no Brasil, no campo de provas da montadora em Tatuí, a nova linha Cargo é equipada com os motores Cummins ISB 4.5 litros, ISB 6.7 litros e o novo ISL 8.9 litros e passará a ter nova nomenclatura em função do aumento das potências.

A linha terá doze novos modelos: Cargo 816, Cargo 1319, Cargo 1519, Cargo 1723, Cargo 1719, Cargo 1933 R, Cargo 1933 Tractor, Cargo 2423, Cargo 2429, Cargo 2623, Cargo 2629 e Cargo 3133.

“Com maior torque e maior potência, os caminhões ganharam mais eficiência, chegam mais rápido e ficaram de 5 a 7% mais econômicos que a linha atual. Em situações controladas durante os testes, chegamos a 13% de economia”, comemorou Oswaldo Jardim, diretor de Operações de Caminhões da Ford América do Sul. A nova tecnologia elevará os preços em faixa idêntica aos modelos da concorrência, de 8 a 20%.

A engenharia de produto destacou que os novos caminhões foram desenvolvidos para funcionar somente com o novo diesel S50, que deverá estar disponível a partir de janeiro de 2012. O abastecimento com o diesel utilizado atualmente (S500 e S1800), com alto teor de enxofre, poderá causar danos a componentes como o catalisador e levar a perda de garantia de componentes.

A tecnologia SCR (sigla em inglês para Redução Catalítica Seletiva) reduzirá a emissão de poluentes em até 80% diante dos níveis atuais. Outras novidades são o aumento dos intervalos de troca de óleo e também da durabilidade dos componentes, com reflexo positivo na vida útil do motor, desde que seja seguida à risca a exigência do novo diesel S50 e do reagente Arla 32, uma solução composta por 32,5% de ureia técnica dissolvida em água.

A ureia é um líquido não tóxico, injetado no sistema de exaustão. O NOx e as moléculas de amônia reagem no catalisador, liberando nitrogênio e vapor de água.

Rastreamento

O sistema FORDTRAC de rastreamento e telemetria, que poderá equipar os novos Cargo, foi desenvolvido em parceria com a Autotrac, empresa pioneira no mercado de rastreamento. O sistema combina funções de telemetria que permitem registrar de forma remota as principais informações sobre a utilização e o desempenho do caminhão, como velocidade, rotação do motor, e distância percorrida.

Segundo um representante da Autotrac presente no lançamento, o custo de utilização do sistema deve ficar em torno de R$ 12 por dia. Em caso de utilização do Finame do BNDES, o rastreador não poderá ser incluído no financiamento.

Fonte: Revista Carga Pesada