MAN leva à Coopavel novidades em extrapesados

MalagrineA MAN Latin America levará suas novidades em caminhões extrapesados ao Show Rural Coopavel, evento que acontece de 3 a 7 de fevereiro em Cascavel (PR), promovido pela Coopavel Cooperativa, com foco em tecnologias para o agronegócio. A empresa, que é líder de mercado na região do evento, com 20,9% de participação em 2013, terá em seu estande o novo Constellation 25.420 e o TGX 29.440, ambos excelentes produtos para o segmento. Além desses, o Delivery 9.160, o Worker 13.190 e os Constellation 24.280, 26.280, 25.390 completam o portfolio de produtos MAN Latin America na feira.

A montadora aproveitará o evento para divulgar o programa “Meu Primeiro 420”, que garante condições especiais aos clientes que adquirirem os veículos da nova linha de extrapesados Volkswagen. A ação incentiva os clientes formadores de opinião a comprovarem na prática as vantagens operacionais dos veículos, reforçando o comprometimento da empresa com a satisfação contínua de seus públicos estratégicos.

Lançados na última Fenatran, os cavalos mecânicos 19.420, 25.420 e 26.420 são equipados com a nova transmissão automatizada V-Tronic modelo ZF 16 AS 2230 TD, de 16 velocidades, a mesma utilizada nos caminhões MAN TGX, obtendo grande sinergia entre os produtos da empresa.

Os veículos são equipados com o novo motor Cummins ISL de 420 cavalos de potência, torque máximo de 1.850 Nm, dotados de tecnologia SCR (Redução Catalítica Seletiva) e em conformidade com o Proconve P-7 no Brasil, equivalente ao Euro 5. Os novos modelos Constellation Tractor foram desenvolvidos para atender à demanda do transporte de cargas em aplicações rodoviárias de até 63 toneladas de peso bruto total combinado (PBTC).

Já o TGX 29.440, outro destaque na feira, é destinado ao transporte rodoviário de médias e longas distâncias, o veículo é indicado para o transporte de cargas de médias e altas densidades com PBTC de 57 a 74 toneladas. Equipado com eixos traseiros sem redução nos cubos da roda e com capacidade máxima de tração de 80 toneladas. O caminhão é perfeito para as aplicações que utilizam Combinação Veicular de Carga (CVC) como composições tipo bitrem, bitrenzão, rodotrem e tritrem.

Fonte: MAN Latin America

MAN quer mais resultados em pós-vendas este ano

MalagrineA MAN Latin America, que comemora a liderança nas vendas de caminhões pelo décimo-primeiro ano consecutivo em 2013, agora projeta um grande volume de negócios de pós-vendas para o próximo ano. O negócio, que abrange contratos de manutenção, atendimentos na rede de concessionários e vendas de peças e acessórios, cresce a uma média de 15% ao ano. A fabricante dos caminhões e ônibus Volkswagen e MAN é considerada a melhor em atendimento pós-vendas do Brasil, segundo a empresa de pesquisa de mercado TNS.

“Mais do que liderar as vendas brasileiras, queremos garantir que nossos clientes rodem com confiança e ainda garantam o valor de revenda de seus produtos, com serviços autorizados de alta qualidade e peças originais. Nossa liderança é consequência direta da nossa dedicação aos consumidores”, explica Roberto Cortes, presidente da MAN Latin America.

Para assegurar uma cobertura nacional de seu atendimento pós-vendas, a montadora conta com 157 concessionárias em 26 estados. Desse total, quarenta e três pontos são exclusivos para assistência técnica e comercialização de peças e acessórios. Grande parte das concessionárias oferece estrutura para pernoite dos motoristas, como pátio, dormitório, refeitório e convênio hoteleiro.

Os resultados preliminares do Registro Nacional de Veículos Automotores – RENAVAM atestam a liderança da empresa no mercado brasileiro de caminhões, com participação superior a 26% no segmento de 3,5 toneladas e acima. No mercado competitivo, descontados os nichos nos quais a montadora não atua, a participação sobe para 27%. A empresa comemora ainda o primeiro lugar no ranking dos caminhões mais vendidos do Brasil, com o VW Constellation 24.280, líder absoluto de vendas. A marca Volkswagen chega ao sétimo ano consecutivo com o caminhão mais vendido do mercado.

Inovação em serviços

No atendimento pós-vendas da MAN Latin America, o destaque fica para o VolksTotal, contrato de manutenção de frota que, em 2013, completou 10 anos de serviços prestados em todo o País. Pioneiro entre as montadoras de veículos comerciais, o programa tem registrado números crescentes de adesões. Hoje, quase 10% dos caminhões da montadora são adquiridos com alguma das modalidades do contrato.

Durante o período de vigência, o cliente tem assistência 24 horas e ilimitada das centrais de atendimento ChameVolks para socorro mecânico, reboque e acompanhamento do veículo até o retorno à operação. Tudo isso sem despesas adicionais e, principalmente, já sabendo quanto custará a manutenção do seu veículo durante todo o período contratado.

Para os caminhões MAN TGX, os clientes contam com um sistema inovador de manutenção: o MAN Service, pacote desmembrado em diversos serviços de acordo com a necessidade de cada cliente. O sistema de monitoramento online, por exemplo, garante o menor tempo de imobilização dos caminhões nas concessionárias, através do acompanhamento de técnicos da própria montadora.

“Esta é sem dúvida uma ferramenta bastante eficiente para gestão de frota, com previsibilidade de custo, padrão de atendimento e garantia de uso de peças originais, garantindo reflexo positivo no valor de revenda do produto”, diz Roberto Cortes. Segundo ele, os contratos de manutenção trazem vantagens também à rede de concessionárias já que garantem fidelização de atendimento o que é revertido em acréscimo nas vendas de serviços e peças.

Novos produtos

A empresa aposta em novos produtos para ganhar ainda mais mercado. Em janeiro, lançará em sua rede o exclusivo lubrificante Almax. O produto, que segue o conceito dual brand, foi desenvolvido para os caminhões e ônibus Volkswagen e caminhões MAN e garante alta performance na proteção contra o desgaste, proporcionando maior economia de manutenção.

“O lubrificante é parte significante na planilha do custo de manutenção, razão pela qual fomos buscar junto aos nossos parceiros de negócios uma solução que alia os requisitos técnicos que este produto exige a um preço bastante competitivo”, afirma Cortes.

Fonte: MAN Latin America

MAN TGX é eleito Caminhão do Ano na escolha do público

MalagrineO TGX, fabricado pela MAN Latin America no Brasil, foi eleito por duas vezes o Caminhão do Ano em 2013 na escolha do público em levantamentos realizados por duas das principais publicações do setor de transportes. A mais recente homenagem ocorreu na última quinta-feira, 21/11, com o Prêmio Autodata pelo modelo TGX 28.440 6×2. Ainda no primeiro semestre, foi a vez do Prêmio REI, da Automotive Business, reconhecer a linha TGX como Comercial Pesado de 2013.

Lançados no país em 2012, os caminhões TGX tiveram sua configuração otimizada para atender às necessidades específicas de transporte em países emergentes, utilizando o melhor da tecnologia alemã para garantir veículos com excelente desempenho e alto nível de conforto.

Produzidos na fábrica da MAN Latin America em Resende (RJ), os caminhões MAN chegaram para consolidar a presença da montadora no segmento de extrapesados. Antes de chegar às concessionárias do Brasil, os veículos TGX percorreram um longo trajeto. Em três anos, foram mais de R$ 100 milhões de investimento, 6 milhões de quilômetros e 100 mil horas de testes em campo, em condições extremas.

Os veículos passaram por diversas etapas de avaliação interna até serem 100% aprovados pelas áreas de Engenharia, Qualidade e Pós-Vendas da montadora. Ao todo, foram 230 modificações, implementadas exclusivamente em função das características do transporte em países emergentes, após inúmeras simulações em computador e testes de campo, para garantir máxima performance ao veículo sem perder as características que o consagraram do outro lado do Oceano Atlântico.

Avant première

Mais novidades vêm por aí que prometem continuar a agradar o público. Na Fenatran, em outubro, a avant première da montadora na feira foi com o cavalo mecânico TGX 29.480 6×4, com previsão de lançamento para meados de 2014. O veículo, perfeito para operações de longas distâncias, será o mais potente de toda a linha, com uma das melhores relações potência versus consumo de combustível do mercado, e oferece o que há de mais moderno e sofisticado em transporte de cargas, com níveis de conforto e segurança comparáveis aos de um automóvel de luxo.

Fonte: MAN Latin America

MAN Latin America expande linha de caminhões no Chile

DSC_8590Presente em mais de 30 países, a MAN Latin America, fabricante dos caminhões e ônibus Volkswagen e MAN, lança os caminhões MAN TGX e MAN TGS no mercado chileno, destinados principalmente aos segmentos de construção e mineração. As novidades, importadas diretamente da Alemanha, são os MAN TGX 26.480 6×4, além dos TGS 33.360 6×4, 33.480 6×6, 41.440 8×4 e 41.440 8×8. O grande destaque é o MAN TGS 50.440 8×4.

O trabalho da área de Vendas e Marketing Internacional da MAN Latin America, em conjunto com a engenharia da MAN em Munique e com a Porsche Chile, importadora oficial da marca no Chile, foi necessário para avaliar as necessidades de transporte dos transportadores chilenos, assim como a escolha dos produtos ideais para as aplicações fora-de-estrada naquele país.

“As características de clima e relevo chilenas variam bastante de região pra região. Os clientes podem contar com uma ampla oferta de produtos Volkswagen e MAN para cada tipo de operação. Até o final do ano, queremos comercializar 200 caminhões MAN no Chile”, afirma Marcos Forgioni, vice-presidente de Vendas e Marketing Internacional da MAN Latin America.

No Chile, a montadora comercializa tanto produtos importados da MAN Truck and Bus quanto modelos Volkswagen desenvolvidos e montados no Brasil. A fábrica de Resende (RJ) abriga o time de Engenharia responsável pela criação e adaptação de veículos para mercados emergentes da América Latina, África e Oriente Médio.

Robustos e modernos

DSC_8718Os caminhões MAN TGX e MAN TGS destinados ao país vizinho estão equipados com motores MAN D20 e D26 de seis cilindros em linha, injeção Common Rail e potências entre 360 e 480 cavalos. Apresentam faixa de torque entre 1.800 Nm e 2.300 Nm. Os veículos estão equipados com transmissão automatizada MAN Tipmatic ou transmissão manual ZF.

Para garantir mais segurança durante a operação, todos os veículos poderão ser equipados com sistema de freio auxiliar MAN Pritarder (retarder) com potência de frenagem entre 600 kW e 710 kW. O destaque da família é o caminhão MAN TGS 50.440 8×4 com PBT de 44 toneladas e eixos traseiros com capacidade para até 20 toneladas.

Aliada à robustez e versatilidade dos veículos, os novos caminhões poderão transportar guindastes, caçambas de até 20 metros cúbicos, perfuradoras de solo e máquinas e equipamentos para mineração. Devido à complexidade da operação, com túneis e ruas estreitas, os caminhões apresentam pequeno raio de giro e alta manobrabilidade.

Fonte: MAN Latin America

Opinião do dono [MAN TGX 29.440]

IMG_0569

Na segunda parte da série “opinião do dono” vamos saber um pouco do que fala um dono de um MAN TGX 29.440. Decidi procurar saber deste caminhão em especial pois recebi alguns pedidos e sugestões de leitores que estavam curiosos sobre o desempenho e satisfação das pessoas que tinham comprado este veiculo. E com sorte achei o sr. Sidney, residente também em Sinop, que adquiriu um Man a cerca de 60 dias.

Pra quem não conhece o caminhao, o Man foi lançado em 2012 no Brasil pela VW com o intuito de completar a linha de caminhões do grupo, que até então não tinha caminhões extrapesados com potencia acima de 400cv. Já produzido no Brasil o caminhão Man tem uma fama muito grande na Europa. Trabalhando na faixa dos caminhões “premium”, o TGX 29.440 tem como concorrentes o Scania R440, Volvo FH 460 e o Iveco Hi Way 460, e parece que o caminhão não esta facilitando para seus companheiros de categoria.

IMG_0571

Falando mais especificamente do caminhão do Sr. Sidney, é um Man TGX 29.440, automático, 6×4, com cerca de 60 dias de uso. Tem apenas 31.000 Km rodados, foi feita uma revisão com 5 mil Km e esta prestes a fazer a dos 40 mil. Trabalha no estado do Mato Grosso escoando a safra dos armazéns de Sinop para o Alto Araguaia e Rondonópolis com um bitrem 7 eixos.

Seu Sidney diz estar muito satisfeito com o caminhão, anteriormente ele tinha um FH 400 ano 2006 e comenta que as diferenças são bem evidentes. É um caminhão mais econômico, faz media de 2.2 a 2,3 Km/l carregado (peso de balança 37 ton.), o cambio automático é eficiente, e segundo ele o caminhão anda mais que seus concorrentes de mesma potencia. A única coisa que ele disse que deixa a desejar quanto ao seu FH antigo é o Ar Condicionado, que segundo ele parecia “gelar” mais a cabine do caminhão.

IMG_0568

Primeira coisa que o seu Sidney disse sobre o caminhão, e o que foi evidente quando fui tirar fotos do interior da cabine, é sobre o conforto do caminhão e espaço interno. Eu já havia entrado em um Man na ultima Fenatran, mas não lembrava direito como era. E realmente é um caminhão extremamente espaçoso, com um “capo” interno praticamente invexistente, cama beliche, sem falar no acabamento das portas e painel. E segundo ele é um caminhão extremamente macio, quesito obrigatório para quem anda nas estradas esburacadas aqui do Mato Grosso.

IMG_0576

Segundo ele, decidiu comprar o caminhão Man por uma série de fatores, entre eles a troca por um caminhão novo, agilidade na entrega (20 dias), caminhão bonito, preço (em torno de 380 mil reais) e curiosidade também, por ser um produto novo no mercado, e que pode (e pelo jeito vai) ganhar bastante mercado e respeito. Único receio que ele tem é quanto a assistência técnica, que diz ele que por enquanto esta excelente, mas tem medo, por ser um caminhão novo no mercado, de ter alto custo de peças, entre outras coisas que não da para se basear agora.

Assoalho praticamente plano!

Assoalho praticamente plano!

No geral, é um caminhão excelente, econômico, anda mais que os outros, bonito, com destaque para o conforto e espaço interno da cabine. Porém ainda tem alguns possíveis problemas que não podem ser apontados agora por ser um caminhão muito novo no mercado.

IMG_0570

Ficha Técnica:

Motor:

Fabricante / Modelo MAN / D2676 440
Nº de cilindros / Cilindrada (l) 6 / 12,4
Potência Máxima –  440cv  á 1.500 – 1.900 rpm
Torque Máximo –  2.200 Nm 950 – 1.400 rpm

Transmissão:

ZF / 16 AS 2630 TO
MAN TipMatic Automatizada / Eletrônico 16 à frente e 2 à ré.

 

Agradeço a atenção do Sr Sidney, e até a próxima!

Abraço!
H. David.

 

**Mandem sugestões sobre outros caminhões, farei o possível para encontrar algum que vocês queiram saber!

Caminhão MAN TGX é atração em festival de dança

man-caminhões-brasilRuas e praças do Rio de Janeiro e Duque de Caxias se tornarão palco da dança contemporânea entre 12 e 18 de setembro com o festival Dança em Trânsito. Durante as apresentações, o caminhão MAN TGX terá papel de destaque, contribuindo para enriquecer visualmente os espetáculos. Os artistas integrarão o veículo fabricado pela MAN Latin America (também responsável pelos caminhões e ônibus da marca Volkswagen) a suas performances.

Os bailarinos vão escalar a cabine como parte da atividade conhecida como Parkour (que significa percurso, por se caracterizar pela transposição de obstáculos). Misturado à dança contemporânea nesse festival, o Parkour tem atraído cada vez mais a curiosidade dos espectadores por todo o mundo.

Grande apoiadora da cultura e, em especial do Dança em Trânsito, a MAN Latin America também será responsável pelo transporte terrestre das 15 companhias que compõem o festival, vindas do Rio, de São Paulo, de Goiânia e também da Itália, França, Espanha e Alemanha. Os artistas contarão com o conforto dos chassis Volksbus para se deslocar entre uma apresentação e outra.

MAN TGX ganha a cena

A abertura do festival será no Rio de Janeiro, na Cinelândia. O grupo Grua (de São Paulo) e bailarinos convidados estarão numa performance que começa nas janelas do Theatro Municipal. Oito homens de terno preto surpreendem os transeuntes com acrobacias e movimentos usando paredes, o caminhão extrapesado MAN TGX e equipamentos urbanos. Outro destaque no Rio de Janeiro é a programação de sábado, 14/9, com forte apelo para crianças na beira da Lagoa, que inclui a Intrépida Trupe e um bis dos rapazes de terno preto.

Escalando e trazendo grupos de renome

O festival promovido pelo Grupo Tápias está em sua oitava edição e traz para o espaço urbano companhias do Brasil, da Itália, da Espanha e da França. Os estilos e linguagens trazidos para o Dança em Trânsito são os mais diversos, oferecendo um painel da dança contemporânea.

A mostra é gratuita e totalmente aberta aos passantes, que não são meros espectadores passivos, e sim protagonistas inseridos nas cenas do espetáculo. O público é levado a redescobrir os espaços urbanos do seu cotidiano quando se deparam com os dançarinos interagindo de forma original com escadas, fontes, praças e estações. Ou mesmo o caminhão MAN TGX.

Festival Dança em Trânsito: apresentações com caminhão MAN TGX

 Quinta, 12/9, 16h – Cinelândia
 Sexta, 13/9, 16h – Praça do Pacificador – Duque de Caxias
 Sábado, 14/9, 11h – Lagoa Rodrigo de Freitas (próximo ao Parque da Catacumba)

Fonte: MAN Latin America

Caminhão MAN da F-Truck estreia na Argentina

caminhao man - formula truckCom data marcada para o próximo dia 8 de setembro, em Córdoba, a Fórmula Truck terá pela primeira vez nas pistas argentinas um caminhão MAN TGX. A expectativa já toma conta de concessionários e clientes, que poderão ver de perto o competitivo modelo, dotado do motor MAN D26 de 12 litros, juntamente com os quatro caminhões Volkswagen, na mesma pista, marcando a força dual brand da montadora.

A anfitriã, Volkswagen Argentina, receberá cerca 350 convidados, entre clientes, concessionárias e imprensa, além de reservar um espaço na arquibacanda para os apaixonados por velocidade. “Será uma grande oportunidade para os clientes conhecerem o caminhão MAN TGX, apresentado no último Salão de Buenos Aires e que marca a entrada no segmento de extrapesados com potência acima de 400cv”, declara Julio Steg, gerente de Marketing da divisão Caminhões e Ônibus na Volkswagen Argentina.

Além de assistir à corrida, os convidados poderão conduzir o extrapesado na pista do autódromo para testar na prática a força do motor e conferir o conforto da cabine. Já na corrida, Felipe Giafone chega embalado às pistas argentinas devido a sua primeira vitória na Truck com o novo caminhão, quando levantou o troféu na etapa realizada no Brasil, no último dia 4 de agosto.

Tecnologia nas pistas

Maior vencedora da Fórmula Truck desde sua estreia como time oficial, em 2006, a MAN Latin America estreou este ano sua estratégia dual brand nas pistas com a nova motorização MAN, que equipa também os caminhões Volkswagen da equipe.

Todos os cinco veículos possuem plataformas semelhantes, valorizando os pontos fortes de cada marca. Os modelos contam com nova cabine com design arrojado, melhor aerodinâmica e maior potência e torque, que proporcionam vantagem nas retomadas e saídas de curvas. De forma geral, os chassis foram redimensionados, garantindo maior rigidez e estabilidade aos caminhões.

Fonte: MAN Latin America

Volkstotal completa 10 anos de operação

Volkstotal - IVDesenvolvido dentro do conceito sob medida, o Volkstotal, contrato de manutenção de frota da MAN Latin America, acaba de completar 10 anos de serviços prestados em todo o país. Pioneiro entre as montadoras de veículos comerciais, o programa tem registrado números crescentes de adesões. Hoje, quase 10% dos caminhões da montadora são adquiridos com alguma das modalidades do Volkstotal.

Frotistas e motoristas autônomos descobriram as vantagens de se ter uma parceria diretamente com a MAN Latin America no pós-vendas que, aliás, não são poucas. A rede de concessionários da fabricante dos caminhões e ônibus Volkswagen e caminhões MAN, composta por 150 unidades distribuídas em várias regiões do Brasil, oferece mão-de-obra treinada e especializada para cada serviço prestado, além da aplicação de peças originais.

Por oferecer soluções de pós-vendas que atendem às necessidades de cada operação, atualmente a MAN Latin America administra 12 mil veículos com contratos de manutenção de fábrica. Durante o período de vigência do contrato, o cliente tem suporte 24 horas e ilimitado das centrais de atendimento ChameVolks para socorro mecânico, reboque e acompanhamento do veículo até o retorno à operação. Tudo isso, sem qualquer custo adicional. O proprietário já sabe quanto deverá empregar em manutenção durante o período contratado.

Para o TGX, MAN Service

Seguindo o sucesso do Volkstotal, os caminhões MAN TGX contam com um sistema inovador de manutenção: o MAN Service, pacote desmembrado em diversos serviços de acordo com a necessidade de cada cliente. O sistema de monitoramento online garante agilidade na troca de informações.

Os destaques começam com a instalação do rastreador MAN Guard, com serviço de rastreamento gratuito por um ano com cobertura nacional por GSM e GPRS (satélite opcional). Com base nas informações do MAN Guard, é possível enviar para os clientes um relatório periódico com os principais resultados de performance do veículo, auxiliando-o na gestão de sua frota. Todos os modelos da linha MAN TGX contam ainda com o apoio da central de acompanhamento de atendimento, que visa agilizar o período em que os caminhões ficam em manutenção.

Através do MAN Service Assistência 24 horas, o cliente que necessitar de atendimento ou socorro mecânico entrará em contato com atendentes exclusivos. Além disso, a montadora oferece números específicos para clientes brasileiros que trafegam pelo Mercosul, facilitando o contato com a central de atendimento, a custo de chamadas locais.

Conheça as modalidades

Os contratos de manutenção para caminhões Volkswagen são oferecidos em duas modalidades, a Prev e a Plus. Aplicada em veículos novos e usados, a modalidade Prev contempla mão-de-obra, peças e fluidos utilizados nas revisões dos veículos durante a vigência do contrato. Para a linha MAN TGX, esses serviços estão dentro da modalidade Manutenção Preventiva.

Aplicada somente em veículos novos, a modalidade Plus engloba serviços preventivos e corretivos. Além da mão-de-obra, das peças e fluidos utilizados nas revisões, a opção inclui reparo ou substituição de componentes. No MAN Service, a Manutenção Total é a opção que contempla essa gama de serviços.

Fonte: MAN Latin America