Testamos o Iveco Hi-Way 560 cavalos

Teste - Iveco Stralis Hi-Way (1)A reportagem do Portal Transporta Brasil foi convidada pela Iveco para realizar um teste técnico com o caminhão top de linha da marca, o Stralis Hi-Way, e pegou a estrada para conhecer de perto o que este produto premiado na Europa, agora fabricado em Sete Lagoas (MG), se comporta na operação.

Nossa missão foi acompanhar um trajeto que partiu de Jundiaí, a cerca de 60 quilômetros de São Paulo, e seguiu pela Rodovia Dom Pedro I (SP-065) até a Serra do Igaratá, ao Norte da capital, na região das represas do Sistema Cantareira. A viagem completa totalizou 242 quilômetros, passando por Itatiba, Atibaia, Bom Jesus dos Perdões e Nazaré Paulista, e voltando para Jundiaí.

O caminhão, no laranja tradicional que marcou o lançamento do Hi-Way, foi conduzido pelo especialista Demo Driver Tarcicio Filippetto, que fez questão de demonstrar todas as características do produto, como que realizando uma entrega técnica ao cliente: basculação da cabine, itens de série, acesso aos comandos de serviço e manutenção, características da carga, tudo foi explicado pelo profissional.

Teste - Iveco Stralis Hi-Way (2)O Hi-Way 560 cavalos com tração 6×4 atrelado a um bitrem carregado com peso de balança, 57 toneladas, iniciou o trajeto demonstrando a força do motor FPT Cursor de 13 litros e as facilidades trazidas ao condutor pela caixa automatizada de 16 velocidades. “O motorista, dentro deste caminhão, tem toda facilidade, como retomadas tranquilas e torque suficiente para operar com a carga máxima e não se cansar tanto. O caminhão dá uma segurança e um controle de todo o conjunto que deixa o condutor muito à vontade”, relatou o motorista.

De fato, os recursos do Iveco Hi-Way à mão do motorista são muitos, e o modelo esbanja itens de conforto e facilidade para os condutores. A versão teto alto e a nova cama abrigaram bem este repórter, com quase dois metros de altura. O geladeira a bordo, os diversos porta-objetos, o ar-condicionado digital, a cortina elétrica de pára-brisa e o climatizador de baixo ruído chamam atenção.

A performance do caminhão também traduz bem o que se espera do modelo: o trajeto de 240 quilômetros, rodados em pouco mais de três horas, com velocidade média de 60 km/h, teve um consumo médio de diesel de 1,89 km/litro, considerável para um conjunto de 57 toneladas rodando em trechos urbanos, rodovias com alto tráfego e trechos em aclive e declive acentuados.

A tecnologia também é um dos pontos altos do caminhão. O computador de bordo permite acompanhar dados como nível do ARLA 32, pressão dos circuitos de freio, tempo de funcionamento do motor e as médias de consumo. Todos os dados da operação, incluindo características de direção, podem ser baixados via uma tomada USB para o computador do usuário pelo sistema Iveco Frota Fácil, que permite a gestão do caminhão com dados reais e precisos.

O Iveco Hi-Way versão 6×4 com motorização Euro 5 de 560 cavalos pode ser encontrado no mercado brasileiro com preço médio de R$ 395.000,00, segundo a fabricante.

Fonte: Portal Transporta Brasil - Texto de Leonardo Andrade

Iveco realiza primeira venda no Programa de Renovação de Frota de Minas Gerais

Iveco Stralis 440É da Iveco a primeira venda realizada por meio do Programa de Renovação de Frota de Minas Gerais. A estreia da fabricante na iniciativa se deu por meio da comercialização de um Stralis com 440 cavalos de potência, negociado pela Deva Veículos, de Belo Horizonte, para a Waldir Transportes, também da capital mineira. O programa estadual tem por objetivo fomentar a aquisição de caminhões novos e isenta o comprador, pessoa física ou jurídica, do pagamento de IPVA por dez anos.

“A renovação da frota beneficia transportadores, meio ambiente e sociedade, oferecendo maior segurança e fluidez no trânsito. Para a Iveco, é um grande privilégio dar o pontapé inicial dessa iniciativa em Minas Gerais, o Estado em que a empresa investe constantemente desde sua chegada ao Brasil, em 1997”, comenta Alcides Cavalcanti, diretor comercial da Iveco. “Mostramos que confiamos neste programa e reconhecemos a importância da iniciativa. Com isso, aproveitamos e saímos na frente”, comemora o diretor-geral do Grupo Deva, Robinson Romanholli.

Estradeiro em sua essência, o primeiro Iveco Stralis negociado por meio do programa será utilizado para o transporte de longa distância, levando diariamente cargas de porcelanato da região de Florianópolis, em Santa Catarina, para a capital mineira.

Segundo o governo mineiro, circulam no Estado cerca de 94 mil veículos com mais de 30 anos. A expectativa é de renovação de 10% a 15% dessa frota a cada ano. “A Iveco tem uma linha completa de soluções, que começam nos semileves e vão aos extrapesados. São veículos que atendem em cheio às expectativas do governo, pois são modernos, confiáveis e utilizam tecnologias que permitem um consumo reduzido de combustível, o que resulta na emissão de menos gases na atmosfera”, conclui Alcides.

Atendimento ao cliente

Romanholli explica que toda sua equipe está treinada para orientar os clientes com relação às regras do Programa de Renovação de Frota: o caminhoneiro ou frotista proprietário de um veículo com 30 anos ou mais, registrado em Minas Gerais, deve levá-lo ao Departamento Estadual de Trânsito (Detran/MG) para baixa e entrega a uma recicladora conveniada. Em troca, receberá um Certificado Verde que será utilizado na aquisição de um veículo novo ou com até dez anos de uso. O Certificado Verde é a garantia da isenção de IPVA por dez anos.

“As regras do Finame e CDC são as mesmas, portanto o diferencial para fechar as vendas por este Programa está na qualidade dos produtos Iveco e no nosso atendimento, que trata o cliente como rei”, garante Romanholli.

Fonte: Iveco

Iveco expõe caminhões vocacionados para agricultura na Expodireto Cotrijal

Iveco TectorNão-me-toque, município a 300 quilômetros da capital gaúcha, Porto Alegre, sediará a 15ª edição da Expodireto Cotrijal, feira agrícola internacional promovida anualmente pela Cooperativa Agropecuária e Industrial, cuja sigla dá nome ao evento. Com duas de suas empresas irmãs participando, a Iveco aproveitará a ocasião para expor seus produtos e os diferenciais de cada um ao público presente entre os dias 10 e 14 de março. Os caminhões estarão expostos nos estandes da New Holland e Case IH, marcas de máquinas agrícolas da CNH Industrial.

O estande da Case IH será vitrine para um Tector 240E28, equipado com motor Euro 5 que desenvolve 280 cavalos de potência e 950 Nm de torque em uma faixa de 700 rpm. A transmissão é a sincronizada Eaton FTS 16108LL de 10 marchas. Para o conforto do motorista, o ar-condicionado é de série. Versátil, o modelo pode receber diversos tipos de implementos, o que lhe permite ser usado tanto no asfalto quanto no campo.

A New Holland, por sua vez, receberá dois representantes Iveco. O Vertis 90V18 HD, caminhão médio reconhecido pelo mercado como o mais potente do segmento, com motorização Euro 5 de 177 cavalos de potência e torque de 570 Nm a 1.250 rpm. Mesmo entregando este excepcional desempenho, o modelo é econômico: na comparação com a versão Euro 3 anterior, teve seu consumo de óleo diesel reduzido em 5,5%, em média. Frente a concorrentes diretos, o percentual chegou aos 11% de economia. O chassi reforçado confere ao modelo inúmeras possibilidades de aplicação, em particular nas mais severas, sem comprometer o conforto, garantido pelo sistema de suspensão da cabine, que conta com quatro pontos de fixação e amortecedores e molas bastante robustos.

Dividindo as atenções no estande, o Stralis Hi-Way 600S44 é destaque absoluto em sua categoria. Único com 4 anos de garantia do segmento, traz motor de 13 litros que desenvolve 440 cavalos de potência e 2.100 Nm de torque, acoplado à caixa de câmbio ZF modelo 16AS2630 TO, de 16 velocidades. O modelo é 7,5% mais econômico em consumo de combustível em relação à geração anterior, e seus custos de manutenção são até 5% menores do que a concorrência em três anos de uso.

Fonte: Iveco

Iveco recebe encomenda de 50 caminhões da britânica British DFS

Iveco StralisA empresa britânica British DFS, que é responsável pela fabricação e distribuição de mobiliário, assinou um acordo com a Iveco para o fornecimento de 50 novos caminhões. Os novos modelos serão utilizados para fortalecer a distribuição dos produtos da British DFS nas residências de todo o Reino Unido.

As 50 unidades serão entregues pelo concessionário oficial Truck Guest & Van, do Reino Unido. Um dos modelos do pedido é o Stralis Hi-Road. Para esse modelo, que é produzido exclusivamente na fábrica de Madri, na Espanha, foram solicitadas seis unidades.

Os outros caminhões, as 44 unidades restantes, são do modelo Eurocargo e vão se juntar à frota de 240 unidades Iveco que são de propriedade da empresa. Para a Iveco, esta operação confirma a confiança da fabricante de móveis na empresa, já que a marca é cliente há mais de 30 anos da Iveco.

Fonte: Iveco

Iveco Stralis GNL recebe prêmio europeu de Sustentabilidade em Transporte

Iveco Stralis GNLPor seu caminhão pesado Stralis GNL (Gás Natural Liquefeito.), a Iveco recebeu o “Europäischen Transportpreis für Nachhaltigkeit“, um prêmio europeu de Sustentabilidade, em novembro. A decisão foi tomada por um júri de alto nível, que incluiu representantes da indústria de transporte, da Associação Alemã da Indústria Automotiva (VDA), da mídia, de pesquisadores e do poder público alemão.

O foco do prêmio é encorajar a indústria de veículos comerciais a trabalhar de maneira sustentável, ajudando a solidificar ainda mais os princípios do Desenvolvimento Sustentável – conceito que reconhece que as ações responsáveis e sustentáveis são fundamentais para encarar problemas ambientais de escala global, ao mesmo tempo em auxiliam a aumentar a lucratividade e a competitividade das empresas.

Com combustível GNL, o Stralis, que chega a 330 cavalos de potência, não é apenas extremamente limpo, mas também possui emissões que estão abaixo dos níveis exigidos pela legislação Euro VI, e é muito mais silencioso que um veículo a diesel. Esse aspecto o torna próprio para uso na cidade, em aplicações como entregas de varejo. Como sua autonomia é de aproximadamente 750 quilômetros, ele também pode ser usado para transportes de longa distância. O uso de combustível limpo, seu baixo consumo e o preço do competitivo do gás na Europa fazem do Stralis GNL um forte candidato frente à concorrência.

O Stralis GNL marca pontos também em nível macroeconômico: além de sua compatibilidade ambiental, cada quilo de gás usado para dirigir substitui uma quantidade equivalente de óleo mineral.

A sustentabilidade vai muito além do produto final: os critérios de avaliação do júri também incluíam práticas sustentáveis no processo de produção, bem como a proteção de recursos ambientais e do meio ambiente.

Pelo terceiro ano consecutivo, a CNH Industrial (antiga Fiat Industrial) foi nomeada Líder de Setor nos Índices Dow Jones de Sustentabilidade (DJSI) na Europa e no mundo, um dos critérios mais importantes para a avaliação de investimentos sustentáveis.

Fonte: Iveco

Após sucesso em outubro, Iveco promove Hi-Days nas regiões Norte e Nordeste do País

Iveco Hi-Way BrasilSucesso durante todo o mês de outubro, os eventos do “Hi-Day” se estendem em novembro e vão passar por novas regiões do Brasil. A iniciativa, uma ação de relacionamento da Iveco, tem o objetivo de aproximar os clientes em potencial daquele que é o principal lançamento da fabricante em 2013: o caminhão extrapesado Hi-Way.

“Com os Hi-Days, damos a oportunidade de que o mercado veja de perto e constate todos os atributos que fazem o nosso produto se destacar em seu segmento. Entrando na cabine, os clientes facilmente percebem a razão de o Hi-Way ser referência em aspectos como espaço interno, acabamento, conforto e tecnologia”, explica Christian Gonzalez, diretor de Marketing da Iveco.

No mês passado, o “Hi-Day” somou público de 10 mil pessoas em mais de 50 concessionárias do país, localizadas em alguns dos principais Estados e mercados do transporte brasileiro.A intenção agora é dar a mesma oportunidade a clientes das regiões Norte e Nordeste, que concentram Estados de grande importância estratégica para o escoamento de cargas por via rodoviária.

De acordo com Gonzalez, a estratégia de aproximação tem se somado a outras ações realizadas pela Iveco desde o lançamento do Hi-Way no mercado brasileiro, em agosto, resultando em bons números de vendas e perspectivas também favoráveis para o extrapesado em 2014.

“Já no final de outubro deste ano, nossa produção do Hi-Way para 2013 estava praticamente toda comercializada. Isso pode ser considerado um grande feito para um produto recém-lançado no mercado. É também uma constatação da qualidade do nosso caminhão, que, como costumamos dizer, inaugura um novo patamar mundial para o transporte rodoviário de carga”, conclui o diretor.

Extrapesado Premium

Produzido no Complexo Industrial da Iveco em Sete Lagoas (MG), o Hi-Way estreia no segmento dos extrapesados premium no país como já consagrado como InternationalTruckof the Year 2013, maior prêmio dedicado aos veículos comerciais na Europa. Sua estreia no mercado brasileiro se deu de maneira praticamente simultânea com o lançamento no Velho Continente.Além de deter a maior quantidade de itens de série do segmento e se posicionar entre os extrapesados mais potentes do mercado, o Hi-Way também se destaca por contar com a garantia estendida exclusiva de quatro anos – um para o veículo completo e mais três para o trem de força –, a maior do mercado.

Projetado para percorrer, em média, 10 mil km por mês, o IvecoHi-Way amplia as perspectivas de crescimento da participação da empresa no transporte de cargas em longas distâncias. O caminhão apresenta três faixas de potência: 440, 480 e o novo 560 cv, e está disponível em três versões de tração (4 x 2, 6 x 2 e 6 x4) e três entre-eixos: 3.500, 3.200 e 3.000.

Fonte: Iveco

Iveco lança Stralis de 9 Litros com transmissão automatizada de série

IVECO FENATRAN 2013A Iveco traz um lançamento que torna a gama Stralis Ecoline mais completa durante a Fenatran 2013, o 19º Salão Internacional do Transporte, que será realizado entre 28 de outubro e 1º de novembro, no Anhembi, em São Paulo (SP). Depois do sucesso da introdução do motor Iveco FPT Cursor de 9 litros nos consagrados modelos Stralis feita no segundo semestre do ano passado, a Iveco passa a adotar o câmbio automatizado como item de série em sua linha de caminhões pesados.

A partir de agora, as versões com motores de 360 cavalos possuem a transmissão ZF 16 AS 2230 de 16 velocidades, a ZF AS-Tronic. Os veículos contemplados pela novidade são os modelos 460S36T 4×2, e o 530S36T 6×2.

Até hoje, no Brasil, a transmissão automatizada equipava apenas caminhões da linha Premium. “Com esta novidade, a Iveco contempla os clientes que buscam alta tecnologia nas linhas mais básicas de veículos”, diz Alcides Cavalcanti, diretor comercial da Iveco.

A transmissão automatizada é calibrada de modo a garantir uma condução eficiente, assegurando a melhor marcha de acordo com a rotação do motor e condição de operação. Graças a este recurso tecnológico, é possível melhorar significativamente a eficiência do caminhão, aliando alto desempenho com baixo consumo de combustível.

A apresentação do “Pesado Automatizado de Entrada” feita pela Iveco acontece em um momento estratégico no panorama de vendas de caminhões pesados. “Além do recente lançamento do extrapesado Stralis Hi-Way, a chegada do nosso Stralis Ecoline automatizado com motor Cursor de 9 Litros aumenta o leque de opções para os nossos clientes, que terão um produto de excelência em qualquer gama de potência que temos disponível”, comenta Alcides Cavalcanti.

Um dos principais benefícios da transmissão é a facilidade de operação para o motorista, que não precisa realizar centenas de trocas de marchas ao longo do dia, permitindo que ele fique mais descansado e atento ao trânsito. Para frotistas, a economia de consumo de combustível também é um grande atrativo.

Por ser uma transmissão que nasceu automatizada, a ZF AS-Tronic é mais leve do que as transmissões convencionais. Ela não é sincronizada, o que aumenta sua eficiência e diminui a manutenção. E oferece um baixo nível de ruído devido às suas engrenagens helicoidais.

A Rede Iveco de Concessionárias, hoje composta por 109 pontos de venda espalhados por todo o Brasil, já está preparada para prestar serviços aos novos Stralis de 9 Litros Automatizado.

A versão exposta no estande Iveco na Fenatran é a 460S36T Eurotronic, com cabine leito de teto alto, tanque de 600 litros (mais um opcional de 220 litros), rodas de alumínio, defletores de ar, box térmico e sistema de gerenciamento Frota Fácil.

Fonte: Iveco

Iveco Hi-Way: o Premium que conquista o mercado extrapesado

IVECO FENATRAN 2013A Iveco chega de maneira triunfal com o “Caminhão do Ano 2013” à Fenatran 2013, o 19º Salão Internacional do Transporte, que será realizado entre 28 de outubro e 1º de novembro, no Anhembi, em São Paulo (SP). Entre os diversos exemplos de excelência em produtos de seu portfólio, o Hi-Way já merece um destaque especial pelo seu desempenho inicial de vendas: Dois meses após seu lançamento no Brasil, o Hi-Way já contabiliza praticamente a comercialização de toda a sua produção para 2013.

“Na Fenatran, iremos começar a compor a carteira de vendas para 2014. As ações de lançamento que fizemos para o Hi-Way conseguiram alcançar os nossos clientes, que entenderam que trouxemos para o Brasil, em prazo praticamente simultâneo com o lançamento na Europa, um caminhão de primeira linha. O resultado é um desempenho realmente invejável para um produto recém-lançado”, comenta Alcides Cavalcanti, diretor comercial da Iveco.

Estima-se que o mercado de extrapesados será responsável pela comercialização de cerca de 50 mil veículos em 2014. “A demanda de produtos do gênero tende também a ser impulsionada pelo agronegócio e pelas obras de infraestrutura nas maiores cidades brasileiras”, acrescenta Cavalcanti.

Focado para o transporte rodoviário de longa distância, o Hi-Way foi o caminhão consagrado com o maior prêmio dedicado aos veículos comerciais na Europa – o International Truck of the Year 2013, concedido pela imprensa especializada durante a feira de transportes de Hannover, na Alemanha, no último ano. O prêmio é reflexo de uma grande série de conteúdos tecnológicos e inovações do veículo. Produzido no Complexo Industrial da Iveco em Sete Lagoas (MG), o produto teve lançamento mundial simultâneo no Brasil e na Europa.

Originalmente produzido na Espanha, o lançamento mundial é resultado de investimentos que beiram R$ 1 bilhão. Para produzir o veículo no Brasil, a Iveco somou outros R$ 100 milhões a essa quantia, contando com o trabalho de mais de 100 engenheiros do CDP de Sete Lagoas (MG). Esse processo envolveu mais de 150 mil horas de trabalho e a realização de mais de 2.100.000 km de testes rodoviários.

Dentro do segmento de extrapesados, o conforto a bordo ganha grande importância, uma vez que o caminhão será utilizado para percorrer, em média, 10.000 km por mês. Neste quesito, o Hi-Way entrega uma cabine completa, repleta de itens que operam em nome do conforto e da segurança do motorista.

Com amplo espaço interno, o veículo está disponível nas versões teto alto ou teto médio, ambas com cabine leito com 2,5 metros de largura por 2,25 de comprimento. Com piso semipleno, a versão teto alto permite que uma pessoa de até 1,90 metro fique em pé sem encostar a cabeça no teto. Todos os comandos do veículo estão ao alcance das mãos do motorista, o que faz a direção ser mais intuitiva e confortável.

O Iveco Hi-Way chega ao país em três faixas de potência: 440, 480 e o novo 560 cv, o que o que o coloca entre os caminhões com maior desempenho neste setor. O veículo também está disponível em três versões de tração (4×2, 6×2 e 6×4) e três entre-eixos: 3.500, 3.200 e 3.000. Um dos seus grandes diferenciais é a garantia estendida exclusiva de quatro anos – um para o veículo completo e mais três para o trem de força.

No estande da Iveco, estarão expostos os Hi-Way nas versões 490S44T 4×2, 600S48 6×2 e a mais potente de todas, a 800S56T 6×4 com motor de 560 cavalos.

Fonte: Iveco