Neobus inaugura fábrica na cidade de Três Rios-RJ

27/03/2014 - Onibus em Três Rios. Foto Rogerio SantanaO Estado do Rio de Janeiro deu mais um passo para se consolidar como o novo polo automotivo do pais. Nesta quinta-feira (27/03), foi inaugurada em Três Rios, na Região Centro-Sul do Estado, a fábrica de ônibus gaúcha Neobus. Com investimentos de R$ 100 milhões, a empresa anunciou que pretende expandir sua área de atuação nos próximos anos. Até 2016, a expectativa é que as atividades da empresa sejam transferidas de Caxias do Sul (RS) para o município fluminense, elevando as vagas geradas agora, de 1.200 empregos, para 2.500.

Estão instaladas no estado a Man (caminhões da Volkswagen), em Resende; a PSA Peugeot Citroen, em Porto Real; e a Marcopolo/Ciferal, em Xerém. Em breve a Nissan inicia as operações em sua unidade, e para 2015 a Jaguar Land Rover inaugura sua fábrica, ambas em Resende.

O governador Sérgio Cabral participou da cerimônia e fez questão de fazer um tour na nova fábrica. Cabral lembrou que o município de Três Rios, na Região Centro-Sul do Estado, é um celeiro de indústria, de empreendedores e de empreendimentos. O governador elogiou também a qualidade de produção da Neobus e enfatizou que a empresa vai produzir equipamentos para melhorar a mobilidade no Rio.

- O presidente da Neobus, Edson Tomiello, disse que hoje o Rio ocupa o segundo lugar no mercado da América Latina na produção destes veículos, perdemos apenas para São Paulo. Já estamos na frente de Santiago, Bogotá e Buenos Aires – afirmou o governador Sérgio Cabral.

O vice-governador e coordenador de Infraestrutura, Luiz Fernando Pezão, também participou do evento que marca um momento importante para Três Rio.

- A cidade vivia um processo de decadência econômica e fico feliz de ver que a Três Rios conseguiu se reerguer. Hoje estamos inaugurando uma fábrica que vai gerar muitos empregos. A região vai crescer muito mais, não tenho duvidas – afirmou Pezão.

Tomiello, por sua vez, agradeceu a determinação do Governo do Estado de transformar a região em um polo automotivo.

- Ainda em 2010 participamos da modernização da cidade do Rio com as construções dos BRTs. Somos líder no mercado na fabricação deste tipo de veículo – explicou o presidente da Neobus.

Na esteira da produção, a Companhia de Desenvolvimento Industrial (Codin) – vinculada Secretaria de Estado de Desenvolvimento Econômico, Energia, Indústria e Serviços – , acionou estratégia para trazer com a Neobus os seus fornecedores. Empresas que hoje atuam no Sul foram convidadas pela Codin a conhecer as vantagens de se instalar no Estado do Rio de Janeiro.

Foi na Neobus que Jhonath Lira, de 18 anos arrumou o primeiro emprego como preparador de superfície, ele prepara o ônibus para ser pintado. Contratado em fevereiro, o jovem passou a complementar a renda da família. – Moro com minha mãe e duas irmãs mais novas aqui em Três Rios. Meu salário ajuda a pagar as contas da casa – contou o jovem que já tinha no currículo um curso técnico de pintura e concluirá o Ensino Médio este ano.

- Apresentamos a eles as condições que oferecemos, como financiamentos em condições especiais, incentivos tributários, áreas disponíveis para sua instalação, entre outras vantagens – disse a subsecretaria de Comércio e Serviços do Rio, Dulce Angela Procopio.

Fonte: Subsecretaria de Comunicação Social do Estado do Rio de Janeiro

Neobus terá fábrica em Três Rios (RJ)

A cidade fluminense de Três Rios abrigará uma fábrica de Neobus. O anúncio foi feito, nesta terça-feira, 7, durante uma cerimônia, na qual estavam presentes Sérgio Cabral, governador do Rio de Janeiro, alguns secretários estaduais e Vinícius Farah, prefeito do município a qual planta será instalada.

A nova planta será erguida em uma área que ainda está sendo definida, porém já há previsão de que a produção se inicie em 150 dias. A linha de montagem, quando estiver em atividade plena, deve gerar 1,2 mil empregos e poderá fabricar até 13 ônibus por dia. No total, os recursos para a esta unidade giram na casa de R$ 90 milhões.

Edson Tomiello, presidente da empresa, afirmou que o novo centro será focado na produção de ônibus urbano e alguns modelos de micro-ônibus. “Estamos nos preparando para as demandas provocadas pela Copa do Mundo e pelas Olímpiadas”, destacou o executivo, salientando que o Rio de Janeiro é o principal mercado da marca atualmente.

Além da nova fábrica, a Neobus anunciou, recentemente, uma joint venture com a norte-americana Navistar, que tem o intuito de produzir ônibus completo sob a marca NeoStar. Esta empresa tem como principais focos os mercados dos Estados Unidos e América do Sul. O comando da companhia será de Tomiello, que permanecerá como sócio controlador e maior quotista individual.

O presidente da marca salientou que não haverá mudanças na fábrica de Caxias do Sul (RS) e que todos 2.300 postos de trabalho serão mantidos, bem como haverá a manutenção na fabricação dos modelos de micro-ônibus, ônibus para fretamento, ônibus das linhas BRT (Bus Rapid Transport) e BRS (Bus Rapid Service), além disso a unidade gaúcha responderá ainda pela produção da NeoStar.

Fonte: Webtranspo