Grupo Mônaco inaugura nova concessionária no Pará

Grupo MonacoCom um investimento de R$ 30 milhões, o Grupo Mônaco vai inaugurar sua mais nova concessionária para caminhões e ônibus Volkswagen e MAN no Pará. A empresa, que já tinha instalações no estado, optou pelo novo endereço para reforçar o atendimento no pós-vendas. A localização é estratégica: o empreendimento fica às margens da Rodovia BR-316 (que liga as regiões Norte e Nordeste do país), na cidade de Ananindeua, na Grande Belém, por onde circulam a maior parte dos veículos locais e também os que chegam de outras cidades.

A evolução dos negócios na região, com um demanda crescente pela prestação de serviços de atendimento de pós-vendas, evidenciou o potencial para instalações maiores, que são possíveis agora graças à nova concessionária. Em seu endereço anterior, o Grupo Mônaco já registrava mais de 12 mil clientes, num relacionamento bastante próximo, e a meta agora é expandir esse número.

Ocupando uma área construída de 27 mil metros quadrados, a nova concessionária vai gerar 140 postos de trabalho, com profissionais capacitados que estarão distribuídos entre as equipes de vendas, mas sobretudo nos 52 box de atendimento para reparos e assistência, além dos cinco dedicados à troca de óleo. O empreendimento também estará equipado com todos os equipamentos tecnológicos para diagnósticos precisos e ágeis.

“Essa inauguração evidencia nosso compromisso com a excelência. As novas instalações tornam nosso atendimento ainda mais completo. Estaremos prontos para todo tipo de atendimento, dos mais simples aos mais complexos, garantindo ao nosso cliente maior disponibilidade de seu veículo. E isso tudo aliado a uma localização estratégica e a um estoque de peças consistente”, explica Rui Denardin, diretor superintendente do Grupo Mônaco.

Perspectivas de crescimento

O mercado paraense está em franca expansão, com as atividades de extrativismo, mineração, pecuária e comércio crescendo a passos largos. Essa movimentação sustenta a demanda por caminhões e ônibus. A Mônaco vê ainda nichos para incrementar suas vendas com a linha de extrapesados MAN TGX e também os mais recentes VW com 420 cavalos de potência. Esses segmentos se somam aos já consolidados no estado com veículos médios e pesados.

“O Estado do Pará está com grande desafio à frente, com toda a infraestrutura necessária para a usina hidrelétrica de Belo Monte. Além disso, os setores mais tradicionais da economia local continuam aquecidos, fomentando a demanda por veículos comerciais e, certamente, a nova estrutura da Mônaco será um dos nossos grandes trunfos para absorver esse mercado”, destaca Ricardo Alouche, vice-presidente de Vendas, Marketing e Pós-Vendas da MAN Latin America, fabricante dos caminhões e ônibus Volkswagen e MAN.

Sobre o Grupo Mônaco

O Grupo Mônaco está no mercado há 38 anos e é hoje uma das mais fortes e sólidas organizações do Brasil. Conta com mais de 2.800 colaboradores, atuando em cinco estados: Pará, Amapá, Maranhão, Piauí e Mato Grosso. Distribuidor de caminhões e ônibus Volkswagen e MAN, o grupo também desenvolve, por meio da Agropecuária Pinguim, atividades de pesquisa genética e inseminação artificial, empregando tecnologia de ponta no agronegócio do país e sendo referência nacional em manipulação genética da raça Nelore.

Fonte: MAN Latin America

MAN vence licitações para fornecer mais de 800 veículos ao FNDE e AMBEV

Volkswagen WorkerA MAN Latin America, que fabrica os caminhões e ônibus Volkswagen e os caminhões MAN em Resende (RJ), acaba de vencer duas importantes licitações para fornecimento de caminhões Volkswagen. A primeira inclui 500 unidades do modelo Delivery 9.160 ao Fundo Nacional de Desenvolvimento da Educação (FNDE), órgão responsável pela execução de políticas educacionais do Ministério da Educação (MEC). O anúncio oficial foi feito na última quinta-feira (13/3), em visita de Roberto Cortes, presidente da montadora, ao governador do Estado do Rio de Janeiro, Sérgio Cabral.

Assim como já acontece em outros programas que a MAN participa, como o Caminho da Escola, os 500 caminhões serão comprados por prefeituras de todo o Brasil para abastecimento de merendas nas escolas públicas. Os veículos serão equipados com baú frigorífico com divisórias internas para separação de alimentos. Terão ainda balança, prateleiras internas e carrinho logístico.

Já para a AMBEV, considerada uma das maiores empresas de bebida do mundo, a empresa venceu pregão para fornecimento de 314 caminhões Worker 23.230 Distributor, vocacional da linha Volkswagen desenvolvido especialmente para a distribuição de bebidas. Os produtos, sob medida para o segmento, garantem à montadora a liderança em vendas para o transporte de bebidas no Brasil, segundo a Associação Nacional dos Fabricantes de Implementos Rodoviários – Anfir.

O presidente comemora as importantes licitações, que sem dúvida significam um excelente começo de ano para os negócios da companhia. “O segredo de nossa liderança é oferecer ao consumidor o caminhão que ele deseja, sob medida para as suas necessidades. Nosso portfólio abrange modelos que vão de 5,5 toneladas até 74 toneladas, indo dos consagrados caminhões Volkswagen aos cavalos mecânicos premium da marca MAN. Todos fabricados em Resende, e prontos para enfrentar as condições mais rigorosas de operação”, diz.

Tecnologia

Volkswagen DeliveryCom uma rede latinoamericana de 343 revendas autorizadas em locais estratégicos do continente, a MAN Latin America possui engenharia própria e fábricas em Resende, no Brasil, e Querétaro, no México. Ao todo, são produzidos mais de 50 diferentes modelos de caminhões e ônibus, atendendo de forma pioneira diversos mercados emergentes com tecnologia de emissões no padrão Euro 5.

A empresa ainda exporta kits de caminhões Volkswagen Constellation com direção do lado direito para sua co-irmã MAN Truck & Bus, que monta os veículos em Pinetown, na África do Sul.

Fonte: MAN Latin America

Anfavea confirma décimo primeiro ano da MAN na liderança em caminhões

Caminhoes constellation - linha de montagemA Associação Nacional dos Fabricantes de Veículos Automotores – Anfavea confirma a liderança da MAN Latin America no mercado brasileiro de caminhões pelo décimo primeiro ano consecutivo. Segundo os números do Registro Nacional de Veículos Automotores – RENAVAM, divulgados pela entidade, a empresa fechou 2013 com 40.834 unidades emplacadas e uma participação de 26,9% de mercado. De acordo com Roberto Cortes, presidente e CEO da companhia, os resultados mostram a força e qualidade dos produtos vendidos pela empresa, que se mantiveram no topo em um ano de recuperação para a indústria.

“O ano de 2013 foi um momento de respiro após a forte queda em 2012, por conta da troca de motorização dos produtos. Para 2014, com os novos cavalos mecânicos que estamos lançando para o segmento extrapesado, que é o que mais cresce, queremos aumentar ainda mais nossa participação e retomar os níveis de 2011”, diz.

A indústria cresceu 11% em relação a 2012, totalizando 154.549 unidades emplacadas. Para o executivo, as compras de veículos feitas pelo Governo, as taxas atrativas do Finame PSI, além dos programas de incentivo à renovação de frota, foram importantes para esse crescimento. “Não podemos esquecer as obras de infraestrutura e a safra recorde, que alavancou o segmento extrapesado”.

Também segundo os números do RENAVAM, a MAN Latin America posicionou dois modelos de caminhões entre os dez mais vendidos de 2013. O Constellation 24.280 6X2 manteve o topo do ranking com 9.329 unidades emplacadas. Já o leve Delivery 8.160 4×2 garantiu o terceiro lugar com 6.936 unidades.

Em ônibus, o ano também foi positivo para a MAN Latin America, que manteve a vice-liderança com 9.025 chassis emplacados, um crescimento de 12% em relação a 2012. O destaque fica para os chassis vendidos ao Governo, como os do programa Caminho da Escola. Para o mercado externo, a montadora comercializou 7.886 veículos. A Argentina continua sendo o principal importador dos caminhões e ônibus comercializados pela empresa, seguido de Chile e México, onde a empresa possui uma operação na cidade de Querétaro.

Fonte: MAN Latin America

Fenatran 2013: Novas potências, aplicações e mais produtividade da MAN

MalagrineA MAN Latin America, líder no mercado brasileiro de caminhões e uma das maiores exportadoras do produto do País, apresenta no Salão Internacional do Transporte – Fenatran 2013, que acontece de 28 de outubro a 01 de novembro, no Anhembi (SP), suas novidades em produtos. Principais atrações da montadora na feira, os novos cavalos mecânicos produzidos pela empresa prometem movimentar o mercado. A linha ganha mais potência, com os modelos Constellation 19.420, 25.420 e 26.420. Além do motor Cummins de 420 cavalos, os veículos chegam equipados com a transmissão automatizada de série V-Tronic. Os modelos Volkswagen de 330 e 390 cavalos, já consagrados no mercado, também poderão ser equipados com a transmissão. A versão leito teto baixo da cabine Constella-tion completa as novidades da linha.

A avant première da feira fica com o cavalo mecânico TGX 29.480 6×4, com previsão de lançamento para meados de 2014. O veículo, perfeito para operações de longas distâncias, será o mais potente de toda a linha, com uma das melhores relações potência versus consumo de combustível do mercado, e oferece o que há de mais moderno e sofisticado em transporte de cargas, com níveis de conforto e segurança comparáveis aos de um automóvel de luxo. “Em dois anos, crescemos consideravelmente nossa linha de produtos. Com o novo caminhão MAN, passaremos a oferecer produtos de 150 a 480 cavalos de potência, nosso maior leque de opções desde quando iniciamos nossas atividades, há mais de 32 anos”, diz Roberto Cortes, presidente da MAN Latin America.

Caminhão mais vendido do Brasil, o Constellation 24.280 chega com mais uma opção para seus clientes: a transmissão automatizada V-Tronic, combinada ao exclusivo sistema de eixo automatizado Smart Ratio. A tecnologia, patenteada e totalmente desenvolvida pela Engenharia da MAN Latin America em Resende, torna possível aproveitar ao máximo as duas relações do eixo e multiplicar o potencial da caixa. Com esse sistema, a empresa passa a oferecer a mais ampla gama de veículos com transmissão automatizada do mercado, nos modelos de 190 a 480 cv.

Entre os leves, o destaque é o Delivery 10.160 Plus, que possui maior capacidade de carga quando adaptado com o terceiro eixo, e flexibilidade para diversas aplicações. Com ele, a empresa atenderá de forma ainda mais ampla o mercado de VUCs, que cresce a cada ano nos centros urbanos. A linha Worker chega renovada a Fenatran com os novos 17.230 e 23.230, ambos equipados com motor MAN D08. Ideais para entregas e serviços em áreas urbanas, como distribuição de bebidas, os veículos são parte da linha de produtos vocacionais da MAN Latin America.

Em Pós-Vendas, a grande novidade é a exclusiva linha de lubrificantes Almax, que passa a ser comercializada em toda a rede de concessionárias do Brasil a partir de janeiro de 2014. Desenvolvido para os caminhões e ônibus Volkswagen e caminhões MAN, o produto, que segue o conceito dual brand, garante alta performance na proteção contra o desgaste, proporcionando maior economia de manutenção.

Com presença marcante em mais de 30 países da América Latina, Oriente Médio e África, a MAN Latin America realiza, pela primeira vez, lançamentos simultâneos com produtos que atuarão nos mercados brasileiro e de exportação. Todos os veículos apresentados na feira estarão disponíveis para os mercados de exportação de acordo com a legislação e oferta de combustível local.

Linha Volkswagen 420 V-Tronic: mais potência para os frotistas

A MAN Latin America identificou a forte demanda dos clientes por veículos mais potentes, que apresentassem uma velocidade média superior e a melhor relação custo benefício do mercado. Assim são os novos cavalos mecânicos 19.420, 25.420 e 26.420, principais lançamentos da montadora em 2013 e que integram a família de caminhões VW Constellation Tractor. Os veículos estão equipados com a nova transmissão automatizada V-Tronic modelo ZF 16 AS 2230 TD, de 16 velocidades, a mesma utilizada nos caminhões MAN TGX, obtendo grande sinergia entre os produtos da empresa.

A introdução da transmissão combinará o baixo custo de manutenção de uma caixa de câmbio manual, com a facilidade da mudança automática de marchas, proporcionando conforto, segurança e maior produtividade ao motorista e economia na operação. Com grande capacidade de torque, a nova caixa possui carcaça fabricada em alumínio e dispensa o uso de anéis sincronizadores, reduzindo o peso do veículo que poderá ser revertido em maior capacidade de carga.

Atrelado à caixa de câmbio, o novo sistema EasyStart, uma novidade nos caminhões Volkswagen, auxilia a partida do caminhão em rampa e mantém o freio de serviço acionado por até três segundos, após cessar o acionamento do pedal de freio, evitando assim que o veículo se movimente. Para garantir total conforto e segurança dos condutores durante a operação, os novos caminhões Volkswagen V-Tronic não apresentam pedal de embreagem.

A nova transmissão automatizada poderá ser acionada por meio de alavanca posicionada estrategicamente ao lado do banco do motorista, de dois modos diferentes: automatizado para as trocas de marchas automaticamente e manual para a seleção de marchas realizadas pelo próprio motorista, por meio de movimentos leves na alavanca, para frente e para trás. Os cavalos mecânicos VW Constellation com 330 cavalos de potência também poderão ser equipados com a nova transmissão automatizada V-Tronic, para comodidade do transportador.

Os veículos são equipados com o novo motor Cummins ISL de 420 cavalos de potência, torque máximo de 1.850 Nm, dotados de tecnologia SCR (Redução Catalítica Seletiva) e em conformidade com o Proconve P-7 no Brasil, equivalente ao Euro 5. Os novos modelos Constellation Tractor foram desenvolvidos para atender à demanda do transporte de cargas em aplicações rodoviárias de até 63 toneladas de peso bruto total combinado (PBTC).

TGX 29.480 6×4 (lançamento em 2014)

MAN Latin America - Fenatran 2013 (4)O cavalo mecânico, com lançamento previsto para meados de 2014, é indicado para o transporte de cargas de médias e altas densidades com PBTC de 57 a 74 toneladas. Equipado com eixos traseiros sem redução nos cubos da roda e com capacidade máxima de tração de 80 toneladas. É ideal para as aplicações que utilizam Combinação Veicular de Carga (CVC) como composições tipo bitrem, bitrenzão, rodotrem e tritrem.

Delivery 10.160 Plus: novidade entre os leves

Em tempos de restrições de circulação de caminhões de grande porte nos grandes centros urbanos, soluções para incremento de carga nos chamados VUCs (Veículos Urbanos de Carga) são certamente uma necessidade desse mercado. São esses clientes que a MAN Latin America quer atender de forma ainda mais completa com o novo Delivery 10.160 Plus, destaque na Fenatran 2013. O veículo possui peso bruto total de 13 toneladas quando adaptado com o terceiro eixo e flexibilidade para diversas aplicações.

O modelo, que será comercializado a partir de 2014, é equipado com o motor Cummins ISF 160 e está disponível com a caixa de transmissão ZF 6S 1010 B0 de 6 velocidades, que aumenta a robustez e durabilidade para operação urbana. O acionamento a cabo traz mais conforto e precisão nas trocas de marcha, diminuindo o esforço de trocas e ruído interno, com mais facilidade e comodidade ao motorista que transita no ciclo urbano e rodovi-ário. Entre as aplicações, destacam-se o transporte de bebidas, plataformas de auto socorro, tanque de combustível, gás, entre outros que necessitem circular nas grandes cidades, com uma maior carga útil.

Constellation 24.330 em versão 8×2

MAN Latin America - Fenatran 2013 (3)Atenta a um segmento que cresce cada vez mais no transporte de cargas, a MAN Latin America leva para a Fenatran o Constellation 24.330 versão 8×2. O caminhão agrega inovações tecnológicas e de segurança tornando sua condução mais simples e confortável, com durabilidade e baixo custo operacional.

Com o segundo eixo direcional, instalado pelo BMB Mode Center – centro de modificações dos veículos da marca, o veículo ganha muito em ca-pacidade de carga: o Peso Bruto Total Homologado passa de 23 para 29 to-neladas, aumentando ainda mais sua produtividade. O caminhão possui motor Cummins com tecnologia de emissões SCR, transmissão manual ZF e sistemas de freios ABS e EBD. Suas principais aplicações são furgão, graneleiro, basculante, tanque, frigorífico, sider, entre outras.

Worker de 230 cavalos já a caminho do Chile

MAN Latin America - Fenatran 2013 (1)Destaque da MAN Latin America durante Salão Internacional do Transporte – Fenatran 2013, a linha de caminhões Worker de 230 cavalos já tem garantido o seu primeiro destino fora do Brasil. O importador Porsche Chile acaba de adquirir 40 unidades do modelo 17.230 para apresentação exclusiva a clientes no país. Além do 17 toneladas, a montadora lança também a opção 23.230, ambos equipados com o novo motor MAN D08 que dispensa o uso de Arla 32.

Os veículos, que chegarão no Chile em janeiro de 2014, serão apresentados a clientes por meio de test drives exclusivos. “Após as demonstrações em clientes potenciais, realizaremos o lançamento oficial em março. A perspectiva é que mais de 100 unidades sejam comercializadas no país em 2014”, ressalta Patrício Abrigo, gerente de caminhões e ônibus da Porsche Chile. Os modelos são ideais para serviços em áreas urbanas, como distribuição de bebidas e coleta seletiva, segmento de grande atuação da MAN Latin America no país.

Também disponíveis na versão vocacional Distributor – específicos para distribuição de bebidas -, os caminhões agregam inovações tecnológicas e de segurança, com durabilidade e baixo custo operacional, que sempre estiveram presentes no conceito sob medida da montadora. “O mercado chileno corresponde por cerca de 15% das exportações da MAN Latin America e cresce à medida que avançamos em nosso leque de produtos”, declara Ricardo Albuquerque, gerente executivo de Vendas – Mercados Internacionais da MAN Latin America.

Os novos modelos são dotados com o novo motor MAN D08 de 4,6 litros, quatro cilindros e potência de 225 cv, sistema de injeção Common Rail e tecnologia de Recirculação de Gases de Exaustão (EGR), em conformidade com o Proconve P7. Oferece excelente desempenho mesmo em baixas rotações e garante benefícios como retomadas de velocidade, baixo consumo de combustível e menor emissão de poluentes.

Mercado em destaque

A Porsche iniciou suas atividades no Chile em 2013 com o objetivo de fortalecer a participação e competitividade da marca Volkswagen nos países emergentes. Os números consolidam a importância deste mercado: de janeiro a setembro de 2013, cerca de 800 caminhões e ônibus foram adquiridos da MAN Latin America. Em 2012, foram enviados mais de mil veículos ao país.

Fonte: MAN Latin America

Fábrica da MAN Latin America no México é vitrine para clientes da marca

MalagrineA MAN Truck & Bus México, operação da MAN Latin America com fábrica localizada na cidade de Querétaro, abre suas portas para mostrar suas instalações e recentes produtos que estão sendo montados em sua linha de produção, com kits importados do Brasil e peças nacionalizadas. Durante o mês de maio, cerca de cem clientes visitaram as instalações da companhia no México, com o objetivo de conferir as novidades da marca no país.

Clientes da marca e potenciais clientes tiveram a oportunidade de conhecer as linhas de montagem de caminhões e ônibus Volkswagen, assim como a linha de ônibus MAN. “Trazer o cliente para dentro de sua casa é fundamental para que ele saiba como fabricamos o seu veículo. E nós conheceremos melhor as necessidades dos consumidores”, diz Ricardo Melesio, diretor Board Member de Vendas, Marketing e Pós-Vendas da MAN Truck & Bus México.

O programa de visitas em Querétaro é semelhante ao que é realizado há 16 anos na fábrica de Resende (RJ), no Brasil. Além de clientes de mais de 30 países em dois continentes, a montadora atende a pedidos de pesquisadores e estudantes de todo o mundo, interessados em conhecer o exclusivo sistema produtivo conhecido como Consórcio Modular. Nele, oito empresas formam uma parceria na manufatura de caminhões e ônibus das marcas Volkswagen, e ainda cavalos mecânicos da marca MAN.

Feitos no México

MalagrineA fábrica da MAN Truck & Bus México é a segunda unidade da MAN Latin America a produzir caminhões e ônibus da marca Volkswagen no mundo. Atualmente é responsável pela montagem dos caminhões VW Constellation 17.280 e 24.280, e dos chassis de ônibus Volksbus 8.150 OD, 9.150 OD, 15.190 OD, 17.230 OD, 17.280 OT e 18.330 OT. Da marca MAN, são produzidos os modelos de ônibus LionsMex 4×2 e 6×2 já encarroçados, para aplicação rodoviária.

Além disso, a montadora é responsável pela comercialização dos caminhões VW Worker 8.150 e 9.150, importados diretamente da fábrica da MAN Latin America em Resende, e de modelos de caminhões MAN TGX importados de Munique, na Alemanha. A rede de concessionários autorizados mexicanos é composta por 14 lojas e dois pontos de atendimento, espalhados pelo país.

Fonte: MAN Latin America

RESULTADO DA PROMOÇÃO – Que tal ganhar uma miniatura MAN?

A promoção do sorteio das miniaturas foi um sucesso. Desculpem o atraso no sorteio, mas tive uns contratempos.

Os ganhadores foram:

Ivanete Lucia Poletto Andreolla, de Erechin – RS, e leva o VW Constellation.

Fernando Talinas, de Barra do Garças – MT, que leva o MAN TGX.

Obrigado a todos os 340 participantes, e em alguns instantes inicia um novo sorteio!!

A MAN Latin America cedeu para sorteio no blog duas lindas miniaturas, do MAN TGX e do Volkswagen Constellation, que serão dadas para dois ganhadores diferentes, então você tem duas chances de ganhar!. O sorteio acontecerá no dia 26 de Outubro, às 21 horas.

Curta a MAN no Facebook!

Participe!

Participações encerradas!!

Regulamento:

-Cada participante somente poderá participar com uma inscrição. Em caso de duplicidade de nome, email ou outro dado do formulário, a segunda inscrição será desqualificada.
-O sorteio irá ocorrer por meio da numeração dos participantes. O primeiro a participar será o número 1 e assim por diante. A data do sorteio é dia 26 de Outubro, as 21 horas. Em caso de algo que impeça o sorteio nesta data, o mesmo será transferido para o dia seguinte, as 8 horas da manhã.
-Toda pessoa residente no Brasil poderá participar.
-O envio do kit para o contemplado será no dia 29 de Outubro, e deverá chegar na casa do ganhador em 5 dias após o envio.
-O preenchimento de todos os dados é obrigatório. O Blog do Caminhoneiro desconsiderará o sorteado se os dados não estiverem preenchidos corretamente, fazendo um novo sorteio em seguida.
-Não haverá nenhum custo para o ganhador. O envio será pago pelo Blog do Caminhoneiro.

Sobre a MAN Latin America

A MAN Latin America foi criada oficialmente em 2009, com a integração da Volkswagen Caminhões e Ônibus ao Grupo MAN. Líder há nove anos consecutivos do mercado brasileiro de caminhões, é a maior fabricante do produto, e a segunda maior de ônibus, da América do Sul. Oferece uma linha completa de caminhões e ônibus Volkswagen além dos caminhões extrapesados MAN, com mais de 40 modelos disponíveis comercializados em 30 países da América Latina, África e Oriente Médio.

MAN já vendeu 2 mil caminhões e ônibus VW com motor Euro 5

VW Delivery 8.160

A MAN Latin America informa que acaba de chegar a 2 mil caminhões e ônibus Volkswagen Euro 5 já comercializados no Brasil. A marca foi alcançada com a venda de nada menos que 100 caminhões para a Coca-Cola Andina Brasil.

Venda

Todos os novos modelos Volkswagen adquiridos pela Coca-Cola são das linhas Constellation e Delivery ADVANTECH, de 5 a 24 toneladas de peso bruto total, ambos com os novos motores MAN e Cummins Euro 5 que atendem que atende às normas de emissões do Proconve P-7. De acordo com a montadora, as entregas serão realizadas até junho.

Dos caminhões adquiridos pela empresa, 76 unidades são do modelo VW Constellation 17.190, com configuração sob medida para o setor de distribuição de bebidas; oito unidades do VW Constellation 13.190; seis do VW Constellation 24.280 e outros seis do VW Delivery 5.150; além de três VW Delivery 9.160. Os veículos atenderão ao programa de renovação de frota da Coca-Cola Andina Brasil, que responde pela fabricação de bebidas da marca no Rio de Janeiro e no Espírito Santo. O negócio inclui o contrato VOLKSTOTAL Plus, que oferece cobertura para todas as manutenções preventivas e corretivas.
Fonte: Canal do Transporte

MAN Latin America demite funcionários devido a baixa nas vendas

A MAN Latin America, que produz em Resende caminhões com as marcas Volkswagen e MAN, dispensou empregados em março. Informações extraoficiais dão conta de que já houve 150 demissões, de um corte que poderia chegar a 600 postos de trabalho. A empresa estaria sofrendo com a queda nas vendas.

Dados da Anfavea (Associação nacional dos Fabricantes de Veículos Automotores) indicam que houve uma queda de 10% nas vendas de caminhões da MAN, na comparação dos dois primeiros meses deste ano com igual período do ano passado. No caso dos ônibus, a queda chega a 29,4%, na comparação do primeiro bimestre de 2012 com o de 2011.

O Sindicato dos Metalúrgicos do Sul Fluminense informou, através de sua assessoria de imprensa, que os principais atingidos pelos cortes seriam os trabalhadores do terceiro turno da empresa – boa parte deles, contratados por prazo determinado, não estão tendo seus contratos renovados.

A assessoria informou também que o sindicato não vê os cortes feitos como uma demissão em massa.

Mudança de motores

Por trás das demissões da MAN estaria, além da queda nas vendas, a preocupação com o mercado de caminhões e ônibus depois que terminou o prazo de vendas de caminhões e ônibus novos equipados com os motores que atendem à norma Euro 3, relacionada às emissões e ao teor de enxofre do diesel usado no motor. Três montadoras com fábrica em São Paulo (Scania, Ford e Mercedes-Benz), já anunciaram férias coletivas por causa do desaquecimento do mercado.

A produção desses veículos foi encerrada em 31 de dezembro do ano passado, mas as vendas do estoque foram permitidas até 31 de março deste ano.

Desde o início do ano, a MAN e as demais montadoras só produzem caminhões e ônibus que atendem à norma Proconve 7, equivalente à Euro 5. Além de serem cerca de 10% mais caros que os veículos Euro 3, esses caminhões e ônibus precisam ser abastecidos com um diesel diferenciado, da geração S-50. A Petrobras afirma que já existem postos que oferecem esse combustível em todo o país, mas muitos caminhoneiros e frotistas têm dúvidas quanto a essa afirmação.

Em entrevista o diretor de Vendas, Marketing e Pós-Vendas da MAN Latin America, Ricardo Alouche, afirmou que os consumidores ainda estão receosos em relação às novas tecnologias. “Apesar de os motoristas se sentirem acuados em função da transição de motorização, os últimos dados mostram que o mercado passa por um processo de adaptação. Ainda assim, estamos com resultados fechando no azul e esperamos que assim continue”, frisou.

O presidente da MAN Latin America, Roberto Cortes, disse estimar que 2012 será um ano de acomodação do mercado brasileiro de ônibus e caminhões à norma do Programa de Controle de Poluição do Ar por Veículos Automotores (Proconve 7).

A MAN Latin America espera uma queda nas vendas entre 5% e 10% no primeiro semestre do ano, e uma retomada entre julho e dezembro, que assegure, no acumulado do ano, níveis semelhantes aos de 2011.

Fonte: Diário do Vale

VW Constellation comemora 50 mil unidades produzidas

Linha de caminhões que conta com 14 modelos completa quatro anos; Volkswagen 24.250 é o caminhão mais vendido do Brasil

Linha de caminhões Constellation

Linha de caminhões Constellation

A Volkswagen Caminhões e Ônibus, empresa da MAN Latin America, está comemorando mais um recorde: 50 mil caminhões VW Constellation produzidos. A cabine, considerada uma das mais modernas do país, está às vesperas de completar quatro anos de seu lançamento. Na época, a linha era composta apenas pelos modelos VW 19.320 Titan Tractor, VW 17.250 e VW 24.250. Hoje, 14 modelos de 13 a 45 toneladas compõem a marca.

Atualmente, o VW 24.250, veículo de vocação estradeira, é o caminhão mais vendido do Brasil. Até julho desde ano foram comercializadas 3 908 unidades do modelo. No ano passado, ele foi líder absoluto de mercado com 7 013 unidades vendidas. “A liderança é sem dúvida mais uma prova da qualidade de nossos produtos”, diz Roberto Cortes, presidente da Volkswagen Caminhões e Ônibus e da MAN Latin America.

Para desenvolver a linha de caminhões e ônibus da marca e preparar a fábrica de Resende (RJ) para receber os produtos da linha Constellation foram investidos mais de R$ 500 milhões no período de 2002 a 2007. O projeto envolveu mais de 200 profissionais e consumiu mais de 7 milhões de quilômetros em testes na América do Sul, África e Europa. Como resultado, os veículos trazem avanços em desempenho, conforto e segurança ao dirigir, além de estarem preparados para receber inovações tecnológicas futuras.

Fonte: Transporte Mundial