Governo fixa metas para dar benefício a montadoras




As montadoras que se comprometerem a instalar fábricas no país só terão direito a desconto no IPI sobre veículos importados caso cumpram, de seis em seis meses, metas fixadas pelo governo federal.

A regra estará na reedição do decreto que elevou em 30 pontos percentuais o IPI (Imposto sobre Produtos Industrializados) de veículos importados, medida tomada para proteger o mercado doméstico. O novo decreto deve sair no próximo mês.

Segundo apurado, a montadora não ficará livre de imediato do IPI mais alto. Ela receberá de volta o imposto pago a mais se cumprir as metas a cada seis meses, que vão de prazos de implantação da fábrica até o período para atingir o nível de conteúdo local de 65%.

O objetivo do governo é evitar a repetição do que ocorreu com a Asia Motors, que ganhou no passado benefícios fiscais em troca da instalação de uma fábrica no país. Recebeu os incentivos e não instalou a unidade.

A regra de transição para as montadoras que vão instalar unidades no país terá prazo diferente segundo o modelo do veículo.

Fonte: Folha




Deixe sua opinião sobre o assunto!