Greve dos caminhoneiros tem pouca adesão

por Blog do Caminhoneiro

A paralisação marcada por caminhoneiros de todo o Brasil para esta quarta-feira tem baixa adesão. De acordo com o Movimento União Brasil Caminhoneiro (MUBC), que organiza o protesto, a expectativa é que a manifestação ganhe força ao longo do dia, de forma gradativa. Pela internet, a entidade apontava até o final da manhã 47 pontos de parada e concentração em todo o país.

– Nossa orientação é que o protesto transcorra de forma pacífica, sem interdição de pistas ou qualquer outro transtorno aos usuários das rodovias – explica Nélio Botelho, presidente do MUBC.

O protesto teve início a zero hora de hoje – dia de São Cristóvão, padroeiro dos caminhoneiros – tendo como alvo as recentes mudanças regulatórias do setor. Entre as principais reclamações está o controle da jornada de trabalho, previsto na Lei 12.619. A regra determina que todo caminhoneiro cumpra intervalo de 11 horas de descanso ininterrupto a cada 24 horas, inibindo longas jornadas. Para os organizadores da paralisação, a medida é inviável, especialmente nos trechos de longa distância.

A categoria também reclama da inclusão de “centenas de milhares de transportadores” no mercado de fretes, fruto da Resolução 3056/09 da Agência Nacional de Transportes Terrestres (ANTT). A medida derrubou o valor do transporte e, segundo os organizadores do movimento, provocou uma concorrência desleal com os grandes embarcadores, que passaram a ditar os valores.

Os manifestantes querem que as normas sejam revogadas e que outras sejam elaboradas com a participação dos trabalhadores. A orientação é que os caminhoneiros só encerrem a manifestação após um posicionamento da ANTT sobre a pauta de reivindicações. Na avaliação de Botelho, a sociedade não suportaria dois dias de greve dos caminhoneiros autônomos, responsáveis por 60% dos volumes escoados pelas estradas do país.
Apesar do alarde, o movimento divide a categoria. Erivaldo Adami, presidente do Sindicato dos Trabalhadores em Transportes Rodoviários e Urbanos de Divinópolis, em Minas Gerais, afirmou que toda a mobilização foi feita por autônomos e empresas que não querem cumprir a nova legislação.

– Para os trabalhadores com carteira assinada, as mudanças são ótimas e garantem qualidade de vida. Muitos autônomos, no entanto, estão preocupados com lucro e querem estar liberados para trabalhar o tempo inteiro – ponderou.

Procurada, a ANTT disse que ainda está em negociação com a categoria e que não comentaria o movimento.

Fonte: O Globo

COMENTAR

QUER ENTRAR EM CONTATO COM O BLOG DO CAMINHONEIRO? ENVIE UMA MENSAGEM CLICANDO NO NÚMERO ABAIXO

042-98800-6519

34 comentários
0

Artigos relacionados

34 comentários

Aparecido Tiago 01/07/2013 - 23:17

Caros companheiros já estou a 10 anos na estrada e cada ano que passa tudo sobe menos o frete. Todos os setores tem algum índice ou outra forma de pelo menos repor a inflação e o nosso frete continua na mesma no ultimo aumento dos combustíveis algum integrante do governo não lembro quem agora disse: “O aumento do óleo diesel não traz impacto na infração porque ele não é repassado para os preços”. Claro que não traz porque os caminhoneiros não reclamam, não tem união, não temos lideranças comprometidas com a classe ou os poucos que nos representa com seriedade são muitas vezes encurralados pelos governantes e suas vozes não chegam até nós e quando chega muitas vezes são ouvidas com desconfianças e descréditos diante dos desmandos e da corrupção que tomaram conta do país nos últimos anos. Temos que unir sim, e formar SINDICATOS REGIONAIS fortes com pessoas que realmente se disponham a lutar e promover a integração nacional desses sindicatos com as reivindicações de maneira ordeira, mas com muita seriedade e com propostas concretas de mudanças e melhorias na logística de transporte para o setor e para país.
No meu ponto de vista as principais reivindicações no momento são:
– Preço dos combustíveis absurdo para um país que é autossuficiente em produção de petróleo. A diferença entre o S-10 e o diesel comum tem regiões dentro próprio estado de SP que chega a 0,30 centavos o litro e além do mais tem mais o Arla em torno de 60,00 o galão de 20 litros que representa em média 5% do consumo de combustíveis e o frete para os dois tipos de caminhões é o mesmo, resumindo a Petrobras vai tirar o diesel comum do mercado nos próximos meses e todos vão usar o mesmo óleo, quer dizer aumento o preço de modo que todos foram enganados mais uma vez.
– Preço dos pedágios uma vergonha. E agora o governador de são SP vem com a maior cara de pau falar que não vai subir o valor dos pedágios, mas as concessionárias vão cobrar o eixo erguido. Hoje um bi-trem gasta de São José do Rio Preto até Santos indo pela Washington Luiz, Bandeirantes, Rodoanel, Anchieta 672,00 de pedágio, ou seja, 96,00 por eixo, 80% dos caminhoneiros voltam vazios porque não tem retorno pra todos. Então de volta pagamos 384,00 de pedágio, se pagar o eixo erguido também, pagaríamos 672,00 novamente, ou seja, um aumento de mais de 27% e mais, daqui a alguns meses as manifestações acabam e eles “Os Cara de Pau” aumentam o valor dos pedágios com uma ressalva, jamais vão deixar de cobrar o eixo erguido como já é feito em alguns estados como o PR por exemplo. Tem que ser feito uma auditória pelo Ministério Publico nas contas das concessionárias da mesma maneira que vai ser feito nas planilhas das empresas de transporte coletivo (e nada de subsidio no óleo diesel pra elas, isso não existe) pra saber o porque desses valores abusivos, e com certeza haverá redução significativas nos preços, porque em toda obra nas rodovias pedagiadas o que eu vejo é a placa do governo do estado, gostaríamos de saber como isso funciona.
– A Demissão imediata do Ministro dos Transportes e de toda a diretoria do DNIT inclusive nos estados aquilo ali é um ninho de corrupção e trapaça. As Rodovias BR-l63, 364, 158 que são umas das veias artérias do transporte pesado para escoamento da produção estão uma calamidade. A BR364 entre Alto Araguaia e Rondonópolis esta intransitável devido a irresponsabilidade da ALL e a inércia do DNIT que pelo menos poderia fazer uma pista lateral de chão batido nos 40 km onde se forma as filas pra que as pessoas que dependem da rodovia trafeguem sem transtornos, sem contar que a sinalização vertical e horizontal e olhos de gatos que são obrigatórios nas rodovias federais não existe e quando existe estão totalmente danificados e estão usando material de péssima qualidade que não da visibilidade nenhuma a noite. Seria o mínimo que poderiam fazer pra melhorar o tráfego e diminuir o numero de acidentes que é assustador. O anel viário de Cuiabá esta terrível, gastamos em média de 2 a 3 horas pra percorrer um trecho de 30 km de puro buraco. Entre Jangada e o Posto do Gil tem obras praticamente paradas e o mais grave sem as placas de informação que o governo usa nas obras pra informar a população sobre o valor das obras, qual a empreiteira responsável, período de conclusão das obras e etc. Isso é fortes indícios de corrupção pra população não ficar sabendo nada. Na Br-158 entre Cassilândia e Aparecida do Taboado no MS ano passado colocaram uma placa com valores absurdos pra manutenção daquele trecho, não fizeram nada, simplesmente roçaram a beira da rodovia em alguns trechos e agora tem outra placa com valores exorbitantes e estão com meia dúzia de máquinas caindo os pedações passando uma tinta preta em alguns pontos da rodovia pra botar a mão na grana novamente, uma vergonha.
– A Lei do descanso e o fim da carta Frete: Precisa ser resolvido como fica, porque nós autonomos estamos sendo roubados pela a maioria das transportadoras principalmente no MT com pagamento em torno de 10% a menos no frete alem dos descontos normais como INSS, Sest, Senat e etc. em relação aos transportadores com CNPJ. Porque Isso?
– A Regulamentação nacional dos vários tipos de veículos de transporte de cargas: Hoje temos um problema sério com relação as licenças para os rodotrens chamados nove eixos. O governo libera a fabricação e depois vira um jogo de empurra empurra entre os estados pra dar as liberações. Ex; o nove eixo curto de 19,80 mt só pode rodar no estado do MT. Porque então o Inmetro que é um orgão do governo federal libera sem antes ter certeza do esta fazendo e depois os estados proibi? E agora vão fazer o que com milhares de veículos nessa situação? Porque libera os de 25,00 mt sendo que a maioria dos terminais nos portos não tem estrutra pra fazer a descarga e nem mesmo condições pra que esses veículos entrem dentro dos terminais? Falta responsabilidade da parte de quem?
– As balanças nas rodoovias: Na maioria das rodovias inclusive nas federais a maioria das balanças só funciona de dia. É melhor não ter e aplicar esses recursos em outras coisas. Tem que funcionar 24 hs.

Reply
Yuri Cunha 28/06/2013 - 21:11

QUER SABER DE UMA COISA NOSSA CLASSE E A MAIS HUMILHADA DO PAIS !!! SABE PQ PQ SOMOS UNS CAGOES MEDROSOS E CAPACHO DE PATRAO E DO SISTEMA!! DE SONHO VIROU O MEU PIOR PESADELO SER MOTORISTA ´´PROFICIONAL DO VOLANTE´´
CANSEI DE PAGAR PEDAGIO CARRISSIMO, CANSEI DE ME OBRIGAR A PEGAR FRETE DE RETORNO, POR UM VALOR QUE NAO COBRE NEM 30% DAS DESPESAS, NAO EXISTE DIESEL DE RETORNO,NEM PEDAGIO DE RETORNO NEM COMIDA DE RETORNO!!!! OQUE QUE E ISSO MEUS AMIGOS CAMINHONEIROS, ONDE VAMOS PARAR?? IMPLORO AOS AMIGOS VAMOS PARALISAR JA!!!! SO ASSIM VAO NOS DAR VALOR, SO ASSIM VAMOS MOSTRAR O QUANTO SOMOS IMPORTANTES PARA ESSE PAIS!!! PARALISAÇAO TOTAL DOS MOTORISTAS!!!!! SEM ANARQUIA SOMENTE CRUZAR OS BRAÇOS…. YURI CUNHA

Reply
locival 27/02/2013 - 21:10

tenho vergonha de falar que sou caminhoneiro e de ser brasileiro,estes governos vão acabar entregando o nosso brasil,pra outros países e pior,não tem ninguém que esta vendo isso,se bem que,pelo desviu do dinheiro publico,não sou ninguém pra dizer isso,sou um humilde caminhoneiro
,mais infelizmente acho que é melhor entregar nosso brasil,oque adianta votar,votar,votar,nestes políticos corruptos ( QUE PENA,QUE NASCI BRASILEIRO ).

Reply
gardson alves 09/08/2012 - 11:19

É incrivel como as pessoas fazem vista grossa sobre certos movimentos, cadê as reclamaçoes de obstruçoes de estradas, das mercadorias que se estragam em duanas de fronteiras e os quilometros de congestionamentos em rodovias e o direito de ir e vir do cidadao, SÓ PORQUE ELES USAM FARDAS. Sou camioneiro à 12 anos, e eu nuca vi tanto desrespeito tanta desvalorizaçao como é o da nossa classe, COM CERTEZA O PROBLEMA DELES SERÁ RESOLVIDO PRIMEIRO QUE O NOSSO, temos que impor respeito, temos que ser mais valorizados,chega de sermos umilhado, os tempos sao outros nao somos tao analfabetos assim como somos julgados pela maioria dos criticos desse país, 70% da economia do nosso pais somos nos que carregamos, nao vamos retroceder colegas, vamos brigar pelos nosso direito sim. Temos que ser respeitado, quandos saimos de nossas casas para pegar estrada nao é apenas para buscar o sustento de nossas familias nao, e sim tambem para girar a economia de nosso país…….. DA QUI A POUCO VAO NOS OBRIGAR A COMER SEM TER FOME!!!!!!!!!!

Reply
Machado 31/07/2012 - 16:14

Boa tarde.

É necessário fazer uma análise a respeito. A regulamentação com relação aos fretes, combustível, enfim… precisa ser separada da regulamentação a respeito do descanso. Trabalho com transportadores e todos concordam que é necessário respeitar as normas de segurança. Porém, é precisa ter infaestrutura como escreveu o Edu no e-mail acima. Todos os transportadores que trabalho fizeram durante o período de experiência ou tentaram fazer valer, a regulamentação das paradas de 11 HORAS. Mas não tem como fazer isso no momento. Alguns postos de combustível não querem nem saber. Se não são clientes, não deixam ficar. E mais…..não tem lugar mesmo. Então………todos vão sair no mesmo horário, congestionando as rodovias. Se fosse uma parada para dormir pelo menos 06 ou 08 horas de sono que o nosso organismo exige e com uma ESTRUTURA DEFINIDA TANTO EM PRAÇAS DE PEDÁGIOS, POSTOS DE COMBUSTÍVEL OU PARADOUROS DEFINIDOS que dê uma higiene descente ao ser humano, tudo bem. Mas infelizmente não temos. Somos um país pensando em COPA DO MUNDO, em ser de 1º MUNDO, mas não somos. É necessário discutir com calma o assunto reunindo profissionais da área, políticos INTERESSADOS, corrigir o que precisa e aí sim. PARTIR PARA CRIAR A REGULAMENTAÇÃO DAS PARADAS. A greve pacífica serve para chamar a atenção dos administradores federais, mas sei que alguns extrapolam com violência e isso não pode. Precisamos do sistema RODOVIÁRIO no Brasil e então precisamos dar uma melhor atenção a classe e ACREDITAR QUE AINDA TEMOS JUSTIÇA no nosso BRASIL e espero que os POLÍTICOS nos ajudem antes da COPA DO MUNDO DE 2014 OU SERÁ UMA VERGONHA ETERNAMENTE LEMBRADA PARA OS HISTORIADORES contarem no futuro próximo.

Reply
edu 30/07/2012 - 18:46

PARA QUE ESSA LEI DER SERTO TEM QUE TER INFRA ESTRUTURA, MAS NAO TEM, PENSE NO QUE VAI ACONTECER QUANDO TIVER UM MONTE DE CAMINHAO PARADO NO ACOSTAMENTO,SEM BANHEIRO SEM LUGAR PARA FAZER AS SUAS REFEIÇOES E CORRENDO RISCO DE ASSALTOS.

Reply
eliana 30/07/2012 - 10:58

meu marido e caminhoneiro a 21 anos e não estamos de acordo com o nova lei, pois não e só os motoristas que tem jornada de trabalho alterada, os medico e policias trabalham com horários ultrapassador e também oferece risco para a sociedade se os motorista tem esta novas leis deveria ser para todas as profissões . a greve que estão fazendo todos deveriam sim parar a situação de motoristas nas estradas são humilhante sim
valor de frete baixo, estrada sem condições, pedágio e diesel aumentado , as empresas que os contrata não valoriza muitos ficam o dia todo para carregar nem oferece condições para os motoristas comer ou tomar um banho se quer muitas leva o dia todo para liberar uma N.Fiscal que e tão rápida paras ser emitida .

VAMOS A GRAVE SIM, PARA QUE OS CAMINHONEIRO SEJA MAIS VALORIZADO SEM VOCÊS O BRASIL PARA

Reply
ivan 28/07/2012 - 17:09

sou caminhoneiro a 21 anos concordo com a nova lei, mas nao estou de acordo com a carga horaria de trabalho que estabeleceram…
poderia ser das 5hrs da manhã as 22 e 30hrs da noite!!
pois nos caminhoneiros estamos correndo o risco de perdermos a CNH.
Pergunto eu agora para os nobres governantes! – ONDE ESTA O LOCAL PRA REPOUSAR, FAZER NOSSAS REFEIÇOES E TOMAR BANHO???
Nas brs em que trafegamos por exemplo, 153, 364, 101, 174, etc…
pergunto eu para os policiais de uma forma geral, nos trabalhamos juntos. – Onde esta as melhores rodovias no brasil???

“EMPLANTAM LEIS, MAS NÃO OBSERVAM A DIREITA MUITO MENOS A ESQUERDA AO SEU REDOR”

Reply
elton 28/07/2012 - 16:26

motorista antes de aderirem a esta greve leias as novas leis, ai depois de lerem iram ver que elas somente mexem nos bolsos dos patrões,e não se deixar ser manipulados como ja estão acostumados a fazer com esta categoria, fretes baixos de quem é a culpa? do governo dos patrões ou qualquer outro, claro que não esta culpa é de quem se sujeita a trbalhar por um valor ridiculo, diga não ao frete baixo pra ver se os patrões não se adaptam rapidinho,parem pra dormir e descansar, e veja se eles não são obrigados a se adaptar,com as novas medidas chegando temos que estar a favor da evolução ,..
MOTORISTA MOSTREM QUE PODEMOS TER ATITUDE E NÃO SE DEIXEM SER MANIPULADOS COMO SEMPRE FOMOS

GREVE NÃO, CONQUISTAS SIM

Reply
elton 28/07/2012 - 16:16

esta greve é um retrocesso as conquistas de nossa categorias, pois sou profissional a 25 anos e sempre esperei que um dia alguem iria ver este derespeito não como motorista maas como ser humano, taxando cargas excessivas de horario salarios imcompativeis, resumindo exploração da categoria,agora que o governo resolveu se mexer em relaçao a isto, vem esta greve que no meu modo de pensar é quere que fiquemos sempre no passado, os fretes estão baixos estão sim com certeza mas de quem é a culpa? é logico que são da maioria autonomo que se sujeita a trabalhar por fretes baixo, bastava retirar aquele modo arcaico que a maioria adota, ou seja devemos acabar com o suposto frete de retorno, que na verdade isto não existe, foi a propria categoria que a criou,tentem recusar a pegar um frete ridiculo de retorno ai sim os patrões serão obrigados a pagar o valor real,mas a maioria não faz isto e depois fica reclamando do frete baixo,,reclamar isto jã é natural do brasileiro, mas será que não esta na hora de tomarmos uma atitude consiente, e não dar um chute no progresso que esta chegando na categoria,, em vez de reclamar tente se ajustar as novas medidas, pois os patrões se ajustaram a uma categoria acomodada e se deram bem, agora alguem viu isto e quer dar um basta, ele vem com esta greve,,,

Reply
Jose mauro de Oliveira 27/07/2012 - 13:21

A maior injustiça no Brasil e que foi criado o IPVA para as construçao de estradas e manuntençao ,so que esse dinheiro esta sendo desviado para outros fins hoje se quisermos andar e usar as estradas temos que pagar novamente o tal pedagio cade o IPVA cade os politicos para criar uma CPI e descobrir a onde esta indo este dinheiro que nao esta sende aplicado nas estradas brasileira.

Reply
MARIA ESPOZA 27/07/2012 - 10:17

bom dia
SOU MULHER DE CAMINHONEIRO A 30 ANOS SEMPRE ACOMHANDO ELE
NESSA TERRIVEL ESTRADA .OLHA REALMENTE E RISTE FALAR Q OS IRMÃO CAMINHONEIRO NÃO SÃO UNIDOS PQ DEIS DO DIA 25 JA ERA PR TER ALGUA OPOSIÇÃO .
OLHA TBM TRABALHO E QUANDO NOS FALA EM LEI PR ALGUA MELHORA NOS SEMPRE COMSEGUI
MAIS ISTO TUDO E CHAMA UNIÃO .
MAIS PENSO ASIM SE PRESIZAR DE UMA FORÇAMAIRO VAMOS NOS TBM PR OS PONTOS A AJUDAR NOSSO MARIDOS .
VAMOS LA MULHERS FILHOS ETC
VAMOS UNIR JUNTOS COM ELES
LEMBRA DA GREVE DE 1999 AQUELA DEU RESILTADO
TBM ESTAVA NA BEIRRA DE POSTOS RODIVIA JUNTO COM O MEU HEROI CAMINHONIRO
VAMOS LA
ESTA LEI.12 612 TEM Q VIGORA .
EM TODOS OS LUGARES Q EU LEIO FALAN Q VCS NÃO SÃO UNIDOS VAMOS MOSTRAR AGORA
Q A UNIÃO FAZ A DIFERENCIA . MOSTRA Q VCS SÃO OS EROIS
BOA SORTE

NINGUEN ESTA EXCLUIDO DO AMOR DE DEUS NEI DA SALVAÇÃO VAMOS LUTAR
VAMOS VENCERRRRRRRRRRRRRRR

Reply
eliana 30/07/2012 - 11:03

também concordo não tem união dos motorista por isto que esta esta vergonha , se todos parar o brasil para ai sim eles tomaria as providencia mais rápido e um resultado melhor para todos .

Reply
EJAFONSO 27/07/2012 - 09:46

sou caminhoneiro a 27 anos ,quanto aos colegas de estrada se drogarem para sustentarem luxo dos grandes ja tem a muito tempo,precisamos sim de leis que nos defendam quanto a isso,a paralizaçao e no intuito de modificar algumas coisas… espero que isso se resolva rapido e que tenha resultados positivo.que a lei sirva para todos.

Reply
Adriano 27/07/2012 - 00:32

Boa noite!
Sou caminhoneiro a 26 anos já viajei por este país maravilhoso do sul ao norte,leste a oeste.Praticamente conheço todo o Brasil e vários países do merco sul.Gostaria de fazer um alerta a todos os” motoristas do brasil” a respeito da greve que está sendo marcada e usada pelos sindicatos sr Botelho que favorece os patrões e grandes empresas do transportes rodoviário.Por favor companheiros este povo esta usando os colaboradores do transporte mais uma vez, vamos se unir para que possa vigorar a nova lei 12612 alias que já esta em vigor e que posamos sair da” escravidão ” com longas jornada de trabalho.Agora é a nossa vez de lutar pelos nossos direitos e um salário justo igual a todos os trabalhadores do Brasil.Procure se informar sobre a nova lei, ela só traz benefícios ao MOTORISTA escute o conselho do sr Evandro e também da PRF,respeito a opinião de qualquer pessoa, mas vamos lutar pelos nossos direitos e fazer valer uma jornada de trabalho justa e acabar com esses abusos de grandes empesas e patrões.Temos que nos unir agora para que não sejamos mais humilhados por pessoas que não tem nem um pouco de consideração pelos motoristas e muito menos sua família.Vamos fazer valer o direito de cidadão brasileiro que essa classe não é reconhecida,mas pelo menos já estamos sendo reconhecido pelas autoridades competentes, e agradecendo em especial a Senhora Presidenta Dilma que fez valer nossos direitos de trabalho honesto com férias décimo e planos de saúde . Abraço a todos os estradeiros.
Atenciosamente Adriano.

Reply
SP 26/07/2012 - 22:18

Legal a greve, mas aqui no Paraná não está dando certo, na vez de manifestação pacifica, alguns que se dizem motoristas, mas são marginais, estão depredando caminhões, caminhoneiros que não aderiram a greve por que não quizeram ou por motivo de força maior, ao passarem pela manifestação estão sendo apredejados por esse manifestantes, em Guarapuava-PR foi um caso, apedrejaram trê caminhões e um foi para o hospital em estado grave, em Pitanga-PR, também estou sabendo que estão fazendo a mesma coisa, uma pessoa conhecida está mantendo contato comigo para mem manter informado sobre a greve, e ao passar por Pitanga-PR, manifstantes jogaram pedras em seu caminhão e graças a DEUS, nenhuma pegou na cabine só na carroceria e a policia estava no local e não fez nada, aqui está greve só está trazendo prejuizo pra quem não pode parar, isso não é uma manifestação e sim uma depredação.

Reply
PADILHA 26/07/2012 - 18:47

ANTT – SÓ COMPLICA…

Somos desenvolvedor de SISTEMAS PARA PEQUENAS TRANSPORTADORAS,E Sabemos de Perto a Dificuldade do Setor e de atender a tantas exigencias Fiscais/tributaria/trabalhista…etc, e só para lembrar ainda tem P/2013 CONHECIMENTO ELETRONICO, sped.. ETC.

Pequenas Transportadoras podem contar conosco a Custo Baixo http://www.dbfrete.com.br

Vamos continuar na LUTA

PADILHA / SC

Reply
PRF 26/07/2012 - 18:36

Caros caminhoneiros,
Sou policial há 10 anos e já vi muita coisa nessa estrada. Essa lei que regulamenta a profissão do caminhoneiro é um GRANDE AVANÇO! Essa lei foi feita para defender o caminhoneiro. A jornada de trabalho imposta pelos empresários é DESUMANA! Fico espantado em ver os próprios caminhoneiros reinvindicando CONTRA uma lei que visa protegê-los e lhes dar uma condição de trabalho DIGNA. Quantos acidentes atendi nessas madrugadas em virtude do cansaço dos caminhoneiros que chegam a dirigir MAIS DE 48 HORAS sem dormir. Sempre recorrendo aos “rebites”, prejudicando sua saúde e colocando sua vida e de outros que transitam pela rodovia em risco. Pra que isso? Tanto sacrifício pra que? Até quando querem viver (ou morrer) assim? Pensem bem naquilo que vocês estão reinvindicando! Esse pleito é REALMENTE de vocês ou dos empresários? A quem REALMENTE interessa derrubar essa lei? E outra, o que a lei determina é um período de trabalho que seja compatível com a profissão. Já leram a lei? Existe algum absurdo nessa lei?
Pensem nisso…

Reply
gardson alves 09/08/2012 - 12:11

Caro policial! nao é so pela nova lei que o governo esta querendo impor sobre a nossa jornada de trabalho, mas pensa bem comigo, om governo nao esta pensando em nosso bem estar somente e sim em seus bolsos, agora vamos para o outro lado da coisa, nao temos locais adequados para o nosso descanso, a segurança tambem deixa muito a desejar, vc sabe que a quantidade de policias que temos nao vai conseguir controlar tudo isso, tanto que estao de greve revindiganto varias coisa inclusive melhores salarios e mais agentes. pra vc ver que o governo nao estar tao preocupado com camioneiros, porque senao primeiro teria que se procupar em infraestrutura pontos de apoios adequados para nosso descanso, duplicaçao das estradas mais criticas onde os indices acidente sao maiores, vc conhece um trecho da rodovia br 116, da divisa alegre mg, ate feira de santana bahia? Devia ser duplicada, nao? grande trafego de veiculos excedentes, de 25mts de 30mts, pedagios em pistas simples, enormes filas, isso é umas delas, exitem varias rodovias problematicas br 262 entre outras, o nosso governo nao pensa nisso porque tem que gastar. Enquanto as drogas! porque nao combate quem vende, quando a policia quer vcs consegue combater o trafico de entorpercente, nao algemando um motorista que se consegue combater isso, tenta se passar por um motorista que vcs vao saber de onde sai tudo isso, os ribites, a cocaina, entre outros. Os acidentes! o nosso país o quanto esta crescendo, obviamente vai aumentar o numero de veiculos em nossas estradas, e gera consequencias comos os acindentes de veiculos, talves se tivessemos uma melhora em nossas estradas nao teriamos tantos acidentes assim. As autos escolas, tem que mudar o modo de tirar a carteira de motorista, ensinar como se deve dirigir lugares urbanos e principalmente em rodovias onde há grande fluxo de caminhoes, elas ensinam apenas truques para se passar no exame, nao somos totalmente responsaveis pelos acidetes acontecidos nas rodovias ja temos responsabilidades demais em nossas costas. Enfim se essa lei revigorar mesmo vai faltar profissional nessa area, vai faltar caminhoes nas grandes empresas, ou vai aumentar os caminhoes nas estradas, da o problema vai ser bem maior disso eu nao tenho duvidas, ouço muitos falarem em abandono ninguem vai querer ficar tanto tempo nas estradas, e nossas familias como fica nessa situaçao. O governo esta tentando tapar o sol com a peneira…….

Reply
rosi 27/02/2013 - 21:52

amigo policial, é obvio q a lei de descanso é otima para os caminhoneiros, meu esposo é caminhoneiro a quase 30 anos, viajo muito com ele, e percebo as dificuldades que eles enfrentam.
Para os motoristas que sao assalariados essa lei veio em beneficio deles, mas falta estrutura para essas paradas de descanso.
no caso de meu esposo, ele trabalha por comissão e tantos outros tbm estao na mesma situaçao.
ai eu te pergunto: quanto tempo ele vai ficar forra de casa para fazer uma viajem de 2200km, recebendo R$600,00 de comissão?
e estrutura das estradas esta de acordo para receber essa lei?
e o policiamento é suficiente?
o tempo gasto em engarrafamentos em praças de pedagio, transito lento, horarios de restriçoes nas cidades grande, placas restritas em SP, tempo parado nos patios de descanga nas empresas, vai constar como descanço? como horas extras? vai se saber!!!
meu esposo nunca precisou usar rebite pra dirigir muitas horas sem parar, ele tem consiencia de que se ele nao fizer assim nao tem como manter suas contas em dia.
claro q tem uns loucos q usam rebite pra aguentar o trampo, mas nao é por uns q todos merecem pagar, é so fazer o teste e punir estes q estragam a classe!!!
me esposo sofreu acidente ja, mas por erro de um motorista de veiculo mal intruido, q atravessou a rodovia se olhar!!
devesse avaliar muito oq se deve fazer antes para depois se aplicar a lei.
respeito sua postura como policial, mas tbm respeito meu esposo caminhoneiro por ser um motorista experiente e cuidadoso!!

Reply
Heloisa 26/07/2012 - 10:05

Bom Dia!!
o que o DENILSON SENKIO, disse em seu comentario e totalmente verdadeiro , esta greve e dos donos de empresas , não dos carreteiros, agora esta e a classe de profissionais mas poderosa deste País, mas não sabe usar em seus beneficios, simplesmemte pela desunião,eles trabalham de graça e passam necessidades , isto eles tem coragem de se a sujeitar sacrificando sua familia junto, mas não tem coragem de passam pelo mesmo revedicando seus direitos. com uma greve de uma semana, garanto pra vcs que o País entre em panico total, infelizmente minha decpção com esta classe e muita, ah! alem do sindicato que so trabalha e defende os direitos dos donos de empresas. classe dos carreteiros tenha coragem e faça valer seus direitos porque trabalhando ou não vcs não tem nenhum beneficio. uma dica não precisam ir pra estradas muito simples e so fica em casa . passificamente. principalmente os que trabalham nas empresas , como eles vão manda em massas todos os trabalhadores. posso esta dando uma sugestão , que muitos podem achar de louca , mas nem vou dizer que vcs são loucos mas sim , uma classe desunida e sem coragem de fazer valer seus direitos .

Reply
fabricio 26/07/2012 - 07:52

estamos juntos nessa o pais tem ido bem em desenvolvimento social economico ,mas tudo que é relacionado ao transporte é deixado pra tras em ultimo plano tem q ser feito alguma coisa de melhoria pensem nisso um abraço..;

Reply
Julio 26/07/2012 - 00:10

Concordo com todo aquele que luta por uma vida melhor, por melhores condições de trabalho e admiro muito quem trabalha na estrada só não concordo com o fato do movimento obrigar quem não quer parar a parar a força como aconteceu hoje na BR 101 em Iconha no ES assim não estamos conscientizando ninguém mas impondo .

Julio Dias / RJ

Reply
Evandro ssparaiso mg 25/07/2012 - 22:48

Eh um verdadeiro desrespeito com os motoristas , tenho 23 anos de profissao, ha motoristas que estao protestando mas na verdade nem sabem o que , estao tentando tirar um direito que eh nosso, nossa dignidade. Quantos amigos ja perdemos com essas loucuras de rodar sem dormir, tomando rebites ou ate mesmo usando entorpecentes, agora justo no nosso dia na maior cara de pau estao tentando tirar um direito que estamos lutando para conseguir a muitos anos, o nosso direito de poder parar o cargueiro e descansar de verdade, o direito tbem que toda profissao tem , o de sentar em uma mesa e almocar e jantar sossegado, pensem bem tem colegas aderindo a essa greve sem saber seus motivos reais, procurem saber pelo que estao manifestando, essa greve so favorece as grandes empresas. Abraco aos companheiros da rodagem.

Reply
Claudio-Rj-Mesquita 25/07/2012 - 22:44

Amigos de estrada, estou a 22 anos percorrendo essas estradas
nunca vi uma união entre nós caminhõneiros,está na hora de nos unir-mos e vercer essa luta
agora é a hora , vamos marcar e vamos parar de verdade é só ficar em casa uma semana que nós nao vamos deixar de pagar nossas contas e nem vamos deixar de comer se ficar-mos uma semana parados
se nós parar-mos o Brasil para…
Um abraço a todos os companheiros…

Escrito por: Claudinho-Rj-Mesquita

Reply
MARIANA TEODORO 25/07/2012 - 22:07

MEUS AMIGOS TUDO ISSO E MUITO SERIO E ENTENDO ATITUDE DE VCS !NOS DO POSTO MATE AMARGO RJ ESTAMOS LUTANDO PARA CONSEGUIR UM BOM PREÇO NO DIESEL E DIGO QUE NAO ESTA FACIL MAIS VAMOS MANTER R$1.919 ESTAMOS JUNTOS

Reply
João C. Tumelero 25/07/2012 - 22:00

Sou proprietário de empresa de transporte e tenho 10 motoristas empregados. Sou a favor da lei que regulamenta a profissão de motorista. Sou a favor da paralização, mas o que devemos brigar é pela criação de uma tabela de valores mínimos para o frete, pois é justamente o valor baixo que está terminando com a nossa atividade. As empresas embarcadoras pagam o frete que melhor lhes convém, de acordo com o número de caminhões disponíveis. Somente com o tabelamento do valor do frete deixaremos de ser explorados. É a minha opinião.

Reply
MARIANA TEODORO 25/07/2012 - 22:14

SRJOAO VC ESTA MUITO CERTO ISSO TEM QUE MUDAR?

Reply
DENILSON SENKIO 25/07/2012 - 21:20

bom dia á tds não sei se tds leram a noticia sou motorista d caminhão inflamavel.o engraçado é esse agitador o senhor botelho e tbem o senhor tigrão q usam a classe dos motoristas pr dizer q nós caminhoneiros estamos aderindo a greve.a bem da verdade eles só descobriram e alguns patrões q depois q entrou em vigor a lei do horário eles descobriram q o diesel ,pedágio,frete está ruim.quando motoristas sacrificavam suas vidas rodando 24hrs arriscando suas vidas e d outros inocentes muitos deixando familias orfans.rodando muitas vezes com a doente por causa da maldita comissão sem diarias pr fazer uma refeição decente sem décimo sem plano de saúde.eu acho q o desrespeito é dos próprios patrões.e alguns sindicatos q se vendem pr patrões e não defendem o interesse da classe apenas usam os mesmos.e aproveitando queria q fizesem uma pesquisa pr saber se é greve dos motoristas ou empresários do setor.

Reply
Iara 25/07/2012 - 19:52

Vamos refletir, com tantas condições impostas pelo governo , realmente não há como trabalhar!
Caminhoneiro tem família pra sustentar, contas de consumo básico para pagar, e muitos ainda tem o financiamento do caminhão com o seguro também a pagar. Para assim poder ter um pouco de conforto.
Passam dias longe de casa, se privando da educação dos filhos e sobrecarregando suas esposas da tarefa difícil de educar.
Caminhoneiro come mau,dormem mau, e ainda tem que pagar pra usar o BANHEIRO! Que por sinal não tem conforto e nem papel higiênico!!

Enquanto o governo discute com muita demagogia, o Caminhoneiro requer seus direitos de trabalhador e de Cidadão.
O mais engraçado de tudo isso é que político quando tem que aprovar seus mimos é rapidinho.
Já o direito de Trabalhador e de Cidadão pode esperar.
Quando os mesmos requereram o direito ao vale terno( direito a um beneficio para comprar Ternos no valor aproximado de R$ 10.000,00 Dez Mil Reais por Mês). Não tem discussão e sim aprovação sem perguntar ao Cidadão.
E já como disse, é o Caminhoneiro quem paga para usar o Banheiro.
Político não faz por merecer o que ganha.
Político não merece nosso respeito.

Temos que reconhecer que são eles que não voltam pra casa no final do dia.
Político trabalha 4 horas dia.
Caminhoneiro quer trabalhar mais sabendo que mesmo assim não vão ganhar muito e não querem deixar.
Será que eles terão que se candidatar nas próximas eleições, e garantir um dinheirinho fácil.?
Isso é um desrespeito a classe.

Att,

Reply
jackson 25/07/2012 - 19:34

Srs(a) politicos esta na hora de vcs valorizar nossa classe, porque nos que carregamos o Brasil nas costas basta a gente se unir de verdade e p/ ver se kassarb vai trazer as mercadorias até a casa dele, basta paramos uma semana.Porque somos, a força maior do nosso pais se nóis se unirmos de verdade nos vamos vencer junto esse direito não é só meus é nosso pra frente Brasil vamos para araços p/ todos caminhoneiro do Brasil.

Reply
kerly 25/07/2012 - 16:54

infelizmente nos caminhoneiros somos uma classe que nao si tem uniao pensemos amigos si unirmos nossas forças podemos conquistar nossos objtivos porque si o caminhao para o BRASIL para tambem pensemos nisso um grande abraço a tds

Reply
kerly 25/07/2012 - 16:50

boa tarde e uma falta de concideraçao a qual os politicos tem com os caminhoneiros do BRASIL quando nao e policiais sao multas restriçoes pedagios e o diseel caro impostos absurdos como querem que trabalhemos e paguemos nossas contas ipva dentre tantos impostos si ja nao conseguimos trabalhar? o nosso querido prefeito KASSAB com essa restriçao si lembre prefeito ate o papel higienico que o senhor usa e o caminhoneiro que traz o seu arroz e feijao ao inves de nos dar mais campos de trabalho o senhor esta nos tirando eu queria que o senhor fizesse uma viagem ou fosse fazer algumas entregas dentro de um caminhao pra ver si nao repensaria e tiraria essa porcaria de restriçao o dia dia ja e tao dificil agora imagine acabar uma entrega as 4 da tarde e nao poder voltar para casa para descansar por causa da maldita restriçao pense e nos de mais condiçoes de trabalhar honestamente

Reply
25/07/2012 - 16:38

É uma vergonha o desrespeito que os motoristas são tratados. Meu marido trabalha com caminhão a 08 anos e pode-se dizer que é explorado. Nunca recebeu férias nem 13°. Hora extra então, nunca. Isso porque na carteira ele é registrado com 1.262,00, mas não ganha esse fixo, ganha 15% de comissão sob o valor do frete.
Sem contar o tempo que ele perde esperando as cargas e descargas, liberações de notas nos frigorificos, isso sem nenhum ressarcimento por parte dos contratantes.
Enfim, somos a favor da greve, mas para que alguma coisa seja feita a favor dos motoristas, que precisam ter melhores condições de trabalho e remuneração justa.

Reply

Escreva um comentário