Arocs, Atego e Citan – as novas estrelas da Mercedes-Benz para o setor da construção

Arocs

Com três lançamentos na feira Bauma 2013, na Alemanha, a Mercedes-Benz completa a sua linha de veículos customizados para a construção civil. A marca oferece configurações específicas de fábrica para as atividades de transporte desse setor. Até o último detalhe, cada veículo é configurado para atender às necessidades dos clientes nos canteiros de obras e em atividades auxiliares.

Juntamente com o novo Arocs, caminhão pesado especializado para operações de construção, e com numerosas versões do Citan MPV (veículo multiuso) amplamente usadas no setor, o novo Atego também está fazendo sua estréia para os clientes da Alemanha na Bauma 2013.

Três estréias impactantes com a estrela da Mercedes-Benz

O destaque da Mercedes-Benz na Bauma 2013 é a estréia de duas novas séries de modelos de caminhões, o Arocs e o Atego, e das versões do Citan MPV para o setor da construção civil.

Em seus respectivos setores, esses veículos estabelecem um novo marco de progresso no que se refere à eficiência e confiabilidade. A fim de demonstrar esses pontos fortes, vários modelos estão sendo expostos em Bauma, entre eles, seis caminhões Arocs especificamente configurados e equipados para aplicações pesadas de canteiros de obras e para o transporte de maquinário e materiais.

Duas versões do Atego demonstram os avanços e inovações nos veículos de porte médio (segmento de 6,5 a 16 toneladas de PBT) para o transporte no setor da construção civil. O novo Citan completa a gama de estréias com três configurações de equipamentos característicos da indústria do setor. Esse MPV da Mercedes-Benz assume um papel importante especialmente para as atividades da construção e para o transporte de trabalhadores nos canteiros de obras.

Mercedes-Benz Arocs – força, robustez e eficiência

13A81Os novos caminhões Arocs da Mercedes-Benz foram especialmente concebidos para transporte rodoviário e para aplicações extremas “off-road”, ampliando o portfólio da marca para o setor da construção civil. Os caminhões-chassis e os cavalos-mecânicos estão disponíveis em modelos de dois, três ou quatro eixos, com um design distinto e sete opções de cabinas com 14 versões de configuração.

LEIA MAIS  Transportadores compram mais de 40 caminhões por hora no Brasil

A ampla gama de modelos do Arocs, disponíveis de fábrica, inclui várias versões: quatro eixos com tração permanente ou selecionável em todas as rodas; quatro eixos com um eixo dianteiro e três traseiros; e ampla oferta de caminhões com suspensão pneumática ou otimizados quanto à carga útil para betoneira, entre outros.

Robustos motores BlueTec 6 do Arocs estão disponíveis em 16 categorias de potência. Quatro versões (de 7,7 a 15,6 litros) permitem que o motor Euro 6 vá de 175 kW (238 hp) a 460 kW (625 hp) de potência. Pela primeira vez em um veículo de construção, está sendo utilizada a transmissão automatizada Mercedes PowerShift 3. Como alternativa, a transmissão manual recém desenvolvida com tecnologia de cabo Bowden está disponível como opcional.

Dois grupos de produtos estão disponíveis para o Arocs: ele é oferecido como “Loader”, para transporte com carga útil otimizada para aplicações que dependem do peso, e como “Grounder”, versão especialmente robusta para uso nas condições mais severas dos canteiros de obras.

Novo Mercedes-Benz Atego – valor, eficiência e dedicação

13C240_002Com extensa lista de otimização do chassi, do eixo traseiro, dos suportes da cabina e do novo sistema de direção, o novo caminhão Atego da Mercedes-Benz estabelece novos padrões quando se trata de dinâmica de condução, segurança de operação e conforto.

O novo Atego está disponível em 42 modelos de fábrica, com quatro versões de cabina, três comprimentos e diversas opções de entreeixos. Os motores BlueEfficiency Power Euro 6, com quatro ou seis cilindros, cobrem um amplo espectro de sete versões de potência, entre 115 kW (156 hp) e 220 kW (299 hp).

Destaque do novo Atego, as novas versões de tração em todas as rodas, permanente ou selecionável, são indicadas para aplicações especiais do setor da construção civil, bem como para utilização em serviços municipais e uso fora-de-estrada.

LEIA MAIS  Mercedes-Benz realiza test-drive com caminhão de direção autônoma na Fenatran

Quanto se trata de economia, o novo Atego aumentou ainda mais sua alta taxa de desempenho e, com o Euro 6, atingiu a posição de referência em sua categoria. A despeito da sofisticada tecnologia para atendimento a essa nova legislação, seu consumo de combustível está até 5% abaixo de seu antecessor.

A excelente relação custo-benefício do novo Atego ganha destaque pela redução dos custos operacionais, com intervalos de manutenção de até 120.000 km, dependendo da aplicação.

Citan – aproveitamento de espaço para a indústria da construção

mercedes-benz-citan004O Citan MPV da Mercedes-Benz oferece muitas vantagens aos clientes: ampla gama de potências, qualidade superior, segurança combinada ao conforto de condução, baixos custos operacionais e valores mínimos de emissões de CO2. Este veículo multiuso pode ser utilizado, por exemplo, para o transporte de pequenos grupos de trabalhadores aos canteiros de obras, mesmo em zonas urbanas de altas exigências quanto à preservação ambiental.

O Citan pode ser registrado como automóvel ou como veículo comercial. Uma de suas vantagens especiais é que, em áreas estreitas dentro dos canteiros de obras, esse MPV da Mercedes-Benz assegura facilidade de manobra, graças às suas dimensões compactas.

As características de condução do Citan são dinâmicas e confortáveis, além de ser especialmente seguras, devido a componentes como até seis airbags e ESP adaptável, entre muitos outros equipamentos. Para alguns furgões e vans, estão disponíveis três potentes motores diesel e uma unidade com superalimentação e injeção direta à gasolina. Graças à tecnologia BlueEfficiency, os motores impressionam por oferecerem os mais baixos valores de consumo de combustível da categoria.

Fonte: Mercedes-Benz




Um comentário em “Arocs, Atego e Citan – as novas estrelas da Mercedes-Benz para o setor da construção

  • 24/04/2013 em 09:43
    Permalink

    Muito bom seria o Mercedes-Benz Citan aqui no Brasil.

Fechado para comentários.