Governo começa a debater renovação da frota de caminhões

mercedes-benz atron

O governo e as montadoras iniciaram, há cerca de um mês, o debate para a criação de uma política de melhoria na eficiência energética de veículos pesados. A ideia é criar um programa semelhante ao Inovar-Auto, com benefícios tributários às montadoras que se comprometerem com a eficiência e a produção local. Um dos pontos avaliados no programa, de acordo com informações do diretor de Relações Institucionais da Mercedes-Benz, Luiz Carlo Moraes, é a renovação da frota de caminhões. “A renovação da frota é necessária para substituir caminhões ”gastões” e inseguros”, argumenta.

Segundo Moraes, o grande desafio é o temor de caminhoneiros autônomos em assumir dívidas ao trocar seu veículo por mais modernos, mesmo com o crédito farto e barato para os modelos. “Capturar esse motorista e colocá-lo no sistema é o desafio”, disse. Uma proposta para mitigar os riscos do autônomo, segundo ele, seria a criação de um fundo garantidor para o motorista.

Fonte: Estadão