Governo do RJ quer renovar frota de caminhões

MAN TGX cavalo




O Governo do Estado do Rio de Janeiro vai conceder isenção de ICMS (Imposto sobre Circulação de Mercadorias e Serviços), hoje de 12%, na compra de caminhões para renovar a frota de veículos. O incentivo fiscal será concedido quando for comprovada a destruição em sucata de um caminhão com idade superior a 20 anos. O objetivo é reduzir a idade média da frota de veículos de 17 anos para 12 anos.

Aprovado pela Alerj (Assembleia Legislativa Rio de Janeiro), o projeto de lei do Programa de Incentivo à Modernização, Renovação e Sustentabilidade da Frota de Caminhões do Estado do Rio segue agora para sanção do governador Sérgio Cabral. A ação, desenvolvida pela Secretaria de Desenvolvimento Econômico, faz parte do programa Rio Capital da Energia.

– Queremos que o Estado do Rio se torne um exemplo para o Brasil de sustentabilidade na frota de caminhões que circulam por suas estradas – disse o secretário de Desenvolvimento Econômico, Julio Bueno.

Veículo antigo será comprado

Para participar do programa, o proprietário ou frotista deve entregar o veículo antigo para uma empresa de reciclagem certificada pelo Estado. As siderúrgicas Votorantim e Gerdau já se habilitaram a sucatear os modelos. Além disso, o veículo deve estar regularizado de acordo com as normas vigentes do Detran.

O veículo antigo será comprado por um valor superior ao do mercado. O proprietário poderá, então, optar por receber o valor em dinheiro ou um certificado que o habilita a participar do programa.

Além disso, o governo vai conceder um segundo benefício ao comprador: um crédito dividido em 48 parcelas, equivalente a 12% do valor do caminhão novo, para ser abatido do ICMS a ser pago pelo contribuinte sobre as atividades do caminhão.

Entre os principais benefícios que o estado terá com a adoção do programa está a redução das emissões de gases nocivos à saúde, já que os caminhões zero-quilômetro emitem 20 vezes menos partículas do que os antigos.

Fonte: Diário do Vale





2 comentários em “Governo do RJ quer renovar frota de caminhões

  • 17/12/2013 em 03:01
    Permalink

    E quanto a nós, que amamos veículos antigos? Não poderemos mais curtir nossos veículos? Tenho um Chevette 74 e um 1113 75 que mantenho em perfeitas condições seguindo até hoje as revisões do manual. Não quero veículo mais novo, porque não gosto. Até hoje tem aviões com mas de 50 anos que voam pelo mundo todo desde que estejam com a manutenção em dia. Nem todo mundo quer andar de carro novo. Então vão tirar os cavalos e carroças das ruas também? Onde está a liberdade de escolha? Acho que deve ser cobrado uma manutenção de boa qualidade para todos os veículos, mas privar os amantes de caminhões e carros antigos do direito de circularem é um crime a liberdade individual. Nos Estados Unidos, os veículos são bem mais baratos, mas você pode ver carros e caminhões de todas as idades andando lado a lado, porque lá é o pais da liberdade. Que se faça como na aviação. Controle a manutenção te TODOS os veículos, NOVOS E VELHOS e exija um certificado de aprovação para TODOS. NINGUÉM QUER SUCATA ANDANDO POR AÍ. Mas, que seja respeitada a vontade de cada um. Neste blog mesmo, há exemplos de caminhões antigos que estão em ótimo estado de conservação. O que será destes proprietários que AMAM SEUS CAMINHÕES E CARROS ANTIGOS É QUEREM TER O DIREITO DE ANDAR COM ELES ONDE QUISEREM?

    Resposta
  • 12/09/2013 em 09:49
    Permalink

    QUANDO AS REVENDEDORAS ESTAM LIBERADAS A EFETUAR A VENDA DOS CAMINHOES. ESTOU A ESPERA.

    Resposta

Deixe sua opinião sobre o assunto!