Volvo mostra na Agrishow 2013 suas soluções para o agronegócio brasileiro

release2942013i




O Grupo Volvo América Latina mostra na Agrishow 2013 sua completa linha de produtos e serviços voltados para o agribusiness brasileiro, um dos mais vigorosos e competitivos do mundo. A Agrishow (Feira Internacional da Tecnologia Agrícola em Ação) é a principal vitrine de tecnologia e novidades no setor de agribusiness.

A Volvo tem uma completa linha de produtos que contribuem para aumentar a produtividade e a eficiência das operações ligadas ao agronegócio. São caminhões, máquinas, equipamentos, motores industriais e soluções financeiras que atendem às mais diferentes necessidades do setor e auxiliam na competitividade do agribusiness brasileiro.

Na área de caminhões, a marca apresenta seus modelos das linhas F e VM que são usados desde o plantio até o transporte de longa distância, além do modelo fora de estrada, o FMX. “A robustez, grande produtividade, resistência e baixo consumo de combustível de nossos caminhões conquistaram o mercado. Estes são atributos que garantem maior rentabilidade ao transportador”, afirma Bernardo Fedalto, diretor de caminhões para o Brasil do Grupo Volvo América Latina.

No segmento de motores, a Volvo Penta oferece uma ampla gama de modelos industriais para equipar geradores de energia, motobombas, bombas de irrigação, máquinas colheitadeiras e equipamentos usados no processamento industrial da cana de açúcar. “Nossos motores são desenvolvidos para ter o máximo de eficiência com menos consumo de combustível, o que garante menos emissão de poluentes e redução dos custos operacionais”, explica João Zarpelão, gerente de motores da Volvo Penta Brasil.

As máquinas da Volvo Construction Equipment também oferecem soluções para diferentes atividades do agronegócio. Elas são muito úteis na abertura de acesso e canais de irrigação, carregamento e movimentação de bens e cargas, manuseio de materiais orgânicos e alimentação de baias, entre outras aplicações. “Temos máquinas e equipamentos com flexibilidade para atender todo o ciclo da agricultura”, destaca Gilson Capato, diretor comercial para o Brasil da Volvo Construction Equipment Latin America.

Para a Agrishow, a Volvo Financial Services mostrará todo o seu leque de produtos para o agronegócio. “O Banco Volvo apresenta no estande da marca suas modalidades de financiamento via Finame PSI, CDC (Crédito Direto ao Consumidor) tradicional e CDC sazonal”, declara Valter Viapiana, gerente comercial da Volvo Financial Services Brasil. Para máquinas, a empresa oferece ainda a modalidade de Leasing, com prazo de até 60 meses.

Caminhões da Volvo transportam os produtos do agronegócio brasileiro

release2942013hCerca de 50% das vendas de caminhões pesados e semipesados da Volvo no país são direcionadas de alguma forma ao agronegócio, um dos pilares da economia brasileira. Fabricante de caminhões sediado em Curitiba, no Paraná, onde funciona sua base sul-americana, a Volvo do Brasil tem um forte vínculo com o agronegócio brasileiro.

Os caminhões pesados FH podem ser usados no transporte de grãos (carretas de três eixos, bitrens e rodotrens) e outros produtos agrícolas. O FMX é largamente utilizado em aplicações no setor sucroalcooleiro, transportando cana de açúcar e madeira, por exemplo. Já a linha VM, que tem veículos pesados e semipesados, é muito procurada para transporte de hortifrutigranjeiros, combustíveis e óleos vegetais, insumos agrícolas, entre uma série de outros itens.

“O agronegócio é um dos principais vetores do desenvolvimento econômico brasileiro. Nosso objetivo é dar mais competitividade ao setor, fornecendo os veículos mais adequados, tanto em produtividade e robustez, como em baixo consumo de combustível e disponibilidade do caminhão”, afirma Bernardo Fedalto, diretor de caminhões do Grupo Volvo no Brasil.

A Volvo está à frente no mercado no que se refere a baixo consumo de combustível e a disponibilidade. O FH é o modelo de caminhão pesado mais vendido no Brasil, segundo levantamento da Fenabrave. Este ano, o FH amealhou o Prêmio Lótus de “Caminhão pesado do ano” pela quarta vez consecutiva. “Nosso compromisso é oferecer o melhor caminhão para o agronegócio e garantir uma solução de transporte adequada para cada tipo de aplicação, seja para grãos, cana, hortifrutigranjeiros ou insumos”, afirma Fedalto.

Presente na Agrishow 2013, máquinas da Volvo ajudam agronegócio a ter mais eficiência

release2942013fA Volvo Construction Equipment Latin America, braço do Grupo Volvo que produz equipamentos de construção, também participa da Agrishow 2013, com uma série de soluções voltadas aos segmentos de cana de açúcar, grãos e avicultura, entre outras áreas do setor.

Reconhecidas mundialmente por sua durabilidade, grande desempenho, baixo consumo de combustível e alto grau de tecnologia embarcada as máquinas da Volvo podem atender todo o ciclo da agricultura. “São equipamentos muito flexíveis e versáteis, que podem trabalhar em movimentação de bens e produtos até na abertura de vias de acesso rural e em plantações”, afirma Gilson Capato, diretor comercial para o Brasil da Volvo CE.

As motoniveladoras Volvo são ideais para abertura de acessos em áreas de cultivo de cana de açúcar e em plantações de grãos. Podem atuar na preparação do solo e em curvas de nível. “A cabine deste equipamento oferece visibilidade em todas as direções, o que garante mais conforto e produtividade. Além disso, o peso operacional e sua distribuição otimizada entre os eixos assegura uma alta produtividade, sem deixar que as rodas patinem”, diz Boris Sanchez, gerente de engenharia de vendas da Volvo CE. Ele lembra também que os filtros de grande capacidade e intervalo de 500 horas entre as trocas de óleo da motoniveladora simplificam bastante a manutenção.

Versatilidade

As carregadeiras e minicarregadeiras da marca são conhecidas por sua versatilidade de aplicações, com uma gama de implementos ajustáveis às diferentes necessidades. “Estes equipamentos garantem eficiência em operações de carregamento, como movimentação de bagaço de cana, açúcar em armazéns, cargas de grãos, fertilizantes e outros bens, em silos e em terminais de cargas”, observa Capato. No campo, elas são usadas na construção e manutenção de estradas, na preparação de solo, fazendo curva de nível e no manuseio de insumos.

Por ser um equipamento compacto, a minicarregadeira oferece bastante facilidade de acesso aos diferentes locais, tornando-as muito úteis para manuseio de materiais orgânicos na produção de húmus, carregamento de carretas e alimentação de baias no sistema de confinamento de gado e de frangos, por exemplo. O equipamento ainda pode ser usado com implementos como valetadeiras para sistemas de irrigação, rebaixando troncos para limpeza de pastos, vassoura recolhedora para limpeza da granja e garfo palete para carregamento de frangos.

As carregadeiras e minicarregadeiras da Volvo possuem uma alta capacidade de elevação, com altura e alcance que permitem uma operação mais rápida, segura e, portanto, mais eficiente. Por sua baixa emissão de poluentes e baixo nível de ruído, podem trabalhar em ambientes fechados.

Escavadeiras

As retroescavadeiras, miniescavadeiras e as escavadeiras da Volvo são indicadas para a abertura e manutenção de canais de irrigação em culturas como arroz e milho, entre outros. A miniescavadeira com o cabeçote para corte de cana, por exemplo, chega em locais que as colheitadeiras convencionais não conseguem trabalhar.

João Zarpelão é o novo diretor de Motores Industriais da Volvo Penta South America

release2942013dJoão Zarpelão é o novo diretor comercial da divisão de Motores Industriais da Volvo Penta South America. O executivo possui sólida experiência no mercado de máquinas e equipamentos. Atuou na área comercial e foi gerente da engenharia de vendas da Volvo Construction Latin America, onde contribuiu com a expansão do número de produtos ofertados pela marca no continente.

Zarpelão assume o cargo com o desafio de expandir os negócios da área de motores industriais da marca no Brasil e demais países de América do Sul. A divisão de motores industriais da Volvo Penta possui uma ampla gama de modelos que permitem aplicações variadas em toda a cadeia do agronegócio.

Os motores da marca equipam geradores de energia, motobombas, bombas de irrigação, máquinas como colheitadeiras e movimentadoras de carga, além de equipamentos usados no processamento industrial da cana de açúcar. Os motores da marca são reconhecidos pela robustez e baixos níveis de emissões de gases, de ruído e de consumo de combustível.

“Temos uma linha de motores desenvolvida especificamente para atender a este mercado”, diz Zarpelão. O crescimento contínuo do agronegócio no País tem gerado novas oportunidades de negócios e ampliado o mercado de motores industriais.

Cana e pecuária

Na indústria canavieira os motores Penta são aplicados em motobombas, equipamentos essenciais na cadeia de processamento da cana de açúcar. As motobombas pulverizam a vinhaça, empregada na lavoura como substituto de fertilizantes, ou na pecuária, como complemento de alto teor protéico da ração animal. Há também motobombas que são aplicadas em sistemas de alta pressão, utilizadas para hidrojateamento de média, alta e ultra alta pressão, que atingem até 3.200 BAR (45.000 PSI) e até 550 cv (412 kw).

Os motores com aplicação voltada para grupos geradores de energia também oferecem uma grande possibilidade de aplicações. Podem ser usados em grupos geradores de emergência, garantindo a energia em casos de interrupção do fornecimento pela rede pública; em fazendas e plantações para levar energia a locais onde não há rede de energia elétrica; e ainda para redução dos custos com o consumo de energia em horários de pico.

“Os grupos geradores viabilizam a operação, oferencendo independência e flexibilidade ao processo produtivo. E são essenciais para garantir o fornecimento de energia em um momento de crise, especialmente em empresas que trabalham com produtos refrigerados, como frigoríficos”, destaca Zarpelão.

Volvo Financial Services oferece soluções financeiras na Agrishow 2013

A Volvo Financial Services (VFS), divisão de negócios responsável por financiamentos, seguros e consórcio para os produtos do Grupo Volvo no mercado brasileiro, oferecerá um leque de soluções financeiras para o agronegócio durante a Agrishow 2013. Além de diversas opções de financiamento, terá uma oferta diferenciada para contratação de seguros de caminhões e equipamentos da marca adquiridos durante a feira, e cartas de crédito de consórcio com prazos de até 100 meses.

Por meio do Banco Volvo, disponibilizará diversas opções de financiamento, desenvolvidas sob medida para atender tanto o ramo de transporte como de construção. Uma dessas alternativas é o tradicional Finame, na modalidade PSI, com prazos até 60 meses e taxas de juros fixas. Para utilização do Finame, no momento da aquisição do produto, os clientes podem solicitar análise de crédito junto às equipes do Banco Volvo no próprio estande na feira.

Outro produto é o CDC sazonal, uma modalidade de financiamento que permite que o cliente ajuste o pagamento das parcelas de acordo com o seu fluxo de caixa. É um produto para empresas afetadas pela sazonalidade dos seus respectivos negócios.

Além disso, os interessados em comprar os produtos do Grupo Volvo têm à disposição o tradicional financiamento CDC (Crédito Direto ao Consumidor). Trata-se de uma opção pré-fixada de até 60 meses, que apresenta vantagens como garantia de parcelas fixas do início ao fim do contrato. Para equipamentos de construção, o Banco Volvo oferecerá o Leasing como outra alternativa de aquisição.

Consórcio

Os grupos de consórcio para caminhões e equipamentos de construção da Volvo têm prazos de até 100 meses e 300 participantes. Um dos diferenciais são as parcelas com valor reduzido até a data de contemplação, ou seja, os consorciados pagam um valor reduzido enquanto ainda não estão contemplados. O Consórcio Volvo é reconhecido como uma ótima alternativa para aquisição, renovação ou ampliação de frota. Em 20 anos de história já comercializou 38 mil cotas e contemplou 25 mil clientes, movimentando aproximadamente cinco bilhões de reais na economia.

Seguros

Além das opções de aquisição por meio de financiamentos e consórcio, a Volvo Financial Services também disponibilizará durante a Agrishow 2013 diversas opções de seguros com descontos de até 10% na contrataç=3o do seguro total de equipamentos de construção. A oferta vai além do desconto. Na contratação do seguro, os clientes tem alguns diferenciais, como cobertura para operação na proximidade de água; cobertura para obras subterrâneas; e cobertura para operação de içamento e descida, carga e descarga.

Para caminhões, os Seguros Volvo apresentam durante o evento condições exclusivas na contratação de seguro total, com taxa decrescente de acordo com o segmento de atuação do transportador. Além disso, a empresa oferecerá o seguro inteligente, uma combinação de programas de manutenção da marca com treinamento de motoristas. A utilização destas duas ferramentas reduz ainda mais o investimento na contratação do seguro.

Os produtos da Volvo Financial Services podem ser adquiridos durante a Agrishow no estande da marca. Mas também são oferecidos em toda a rede de concessionárias e distribuidores espalhada pelo País.

Fonte: Volvo




Fechado para comentários.