Entenda os motivos dos protestos nas estradas do país nesta segunda

por Blog do Caminhoneiro

castello_protesto_caminhoneirosEm ao menos 7 estados, caminhoneiros pararam rodovias federais e estaduais do país nesta segunda-feira (1) reclamando das restrições de circulação nas cidades, do valor do pedágio e defendendo a redução do preço dos combustíveis.

As manifestações foram registradas em Minas Gerais, Rio de Janeiro, São Paulo, Espírito Santo, Mato Grosso, Paraná e Bahia.

A paralisação foi convocada pelo Movimento União Brasil Caminhoneiro, que defende uma greve da categoria por 72 horas a partir das 6h desta segunda-feira.

O movimento pede subsídio no preço do óleo diesel (para baratear preços dos alimentos e produtos), isenção para caminhões do pagamento de pedágios em todas as rodovias do país, criação da Secretaria do Transporte Rodoviário de Cargas, vinculada diretamente à Presidência da República, e a votação de um projeto de lei nacional que altera a Lei do Motorista e define soluções para concorrência desleal exercida por transportadores ilegais, dentre outros problemas da categoria.

Segundo o presidente da Associação Nacional dos Caminhoneiros (Antrac), Benedito Pantalhão, a categoria foi “orientada a parar no intuito das reivindicações ganharem força”. “Desde que sejam manifestações ordeiras, estamos apoiando e incentivando o pessoal a aderir ao movimento. Ainda estamos formalizando uma pauta de reivindicações que seja possível apresentar”, explica.

“A redução do valor pedágio é um dos nossos objetivos, mas sabemos que não será totalmente possível, pois é formalizado em contrato e alguém vai ter que pagar a conta. Ainda está em avaliação sobre a negociação. Também lutamos contra o desvio de dinheiro de órgãos públicos ligados às obras nas estradas e pela redução da tributação sobre o diesel, para que o preço do combustível possa cair”, diz Pantalhão ao G1.

Veja as estradas que foram bloqueadas nos estados:

Minas Gerais (acompanhe a situação)
– BR-381: Cinco pontos de manifestação. Em Igarapé, na região metropolitana de Belo Horizonte, o trânsito foi bloqueado na madrugada. Por volta das 12h, eram mais de 20 km de caminhões parados, segundo a Polícia Rodoviária Federal. A ideia dos caminhoneiros é paralisar as estradas do Brasil até que haja uma negociação da pauta com o governo federal
– LMG-808, MG-20 e MG-424: ativistas colocaram fogo em pneus pedindo a construção de passarelas e rotatórias
– BR-262: Em Manhuaçu, na Zona da Mata, cafeicultores fecharam o tráfego reivindicando melhores preços do café, conforme a Polícia Rodoviária Federal
– BR-040: Caminhoneiros decidiram protestar em Nova Lima, no sentido Rio de Janeiro

São Paulo (acompanhe a situação)
– Castello Branco: caminhoneiros interromperam o tráfego desde as 5h, na altura de Itapevi, e escreveram suas reivindicações no chão da estrada. De acordo com a Polícia Rodoviária Estadual (PRE), apesar do bloqueio, motoristas podiam circular pelo acostamento
– Via Anchieta: protesto de caminhoneiros. O tráfego foi parcialmente interrompido na altura do km 23, da pista sentido litoral.
– Guarujá: protesto de caminhoneiros em um acesso que liga ao porto de Santos, na Rua do Adubo. Eles reclamam de buracos na via e também pedem a redução da tarifa dos pedágios no Sistema Anchieta-Imigrantes
– Rodoanel: trecho sul foi fechado pela manhã por moradores de Itapecerica da Serra, que reivindicam melhorias para a região
– SP-127: a Rodovia Francisco da Silva Pontes foi bloqueda na região de Itapetininga
– Rodovia João Mellão: caminhoneiros protestaram em Avaré parados às margens da rodovia contra a nova cobrança dos eixos suspensos e pedindo mais seguranças nas estradas
– Rodovia Cônego Domênico Rangoni: caminhoneiros bloquearam o pedágio pedindo que o governo estadual volte atrás na medida que passa a cobrar o pedágio de todos os eixos existentes nos caminhões e não somente os que são utilizados

Espírito Santo
– BR-262: protesto de caminhoneiros em Viana contra o valor elevado do óleo diesel que compromete o frete
– BR-101: Em Iconha, no Sul do estado, manifestação de caminhoneiros interditou as pistas centrais no km 373, segundo a PRF, contra o valor do pedágio e do combustível
– BR-101: protesto de caminhoneiros em Rio Novo do Sul, pelos mesmos motivos

Bahia
– BR-116: protesto em Cândido Sales, no sudoeste do estado, com os dois lados da via fechados às 12h40
– BR-242: trecho entre Barreiras e Luis Eduardo Magalhães, bloqueado por caminhoneiros
– BR-020: bloqueada na região oeste do estado, também pela redução do preço do diesel

Rio de Janeiro
– BR-040: 500 caminhoneiros pararam a rodovia em Petrópolis, Região Serrana. Eles pedem a redução do pedágio em 50% (o valor é de R$ 8 para cada eixo), mudança na restrição dos caminhões com três eixos ou mais que não podem trafegar pela subida da Serra de Petrópolis em determinados horários de sextas, sábados e vésperas de feriados, alteração na lei da balança e redução do preço do combustível.

Mato Grosso
– BR-364: saída de Cuiabá para Rondonópolis foi paralisada. Caminhoneiros pedem melhores condições nas estradas do estado, destinação exclusiva de recursos à infraestrutura, redução no preço do óleo diesel e valorização da categoria.
– BR-163: manifestantes protestam nas proximidades de Sorriso

Paraná
-PR-182: em Realeza, próximo ao trevo de acesso a Planalto e Francisco Beltrão, no sudoeste, os dois sentidos da rodovia estão interditados desde as 11h, pelos caminhoneiros
– BR-376: Em Ponta Grossa, nos Campos Gerais, caminhoneiros interditaram a via pela manhã.

Fonte: G1

COMENTAR

QUER ENTRAR EM CONTATO COM O BLOG DO CAMINHONEIRO? ENVIE UMA MENSAGEM CLICANDO NO NÚMERO ABAIXO

042-3532-4235

14 comentários
0

Artigos relacionados

14 comentários

kleber 25/03/2014 - 20:49

Nada justifica a volta dos militares ao poder, o maior poder esta na população, exerça o seu direito de votar, e procure votar certo. Não é possível reclamar do país quando se vota em políticos como Sarney, Maluff, Jader Babalho, ACM Neto, Collor e muitos outros, quando uma população perpetua políticos como estes acima, ou se omite, não vota, não tem,direito de reclamar. A propósito alguém ai que esta pedindo a volta dos militares, por acaso lembra. Em quem votou?

Reply
leocoe 22/03/2014 - 11:28

NO ANO DE 2013 O MOTIVO DA PARALISAÇÃO FOI ENCHER OS BOLSOS DE SINDICALISTAS E EMPRESÁRIOS E, _UDER MAIS UMA VZ O AUTÔNOMO.

Reply
João J. Nagy 22/03/2014 - 02:38

eu tambem sou contra acobrança de eixo erguido mas tambem condeno motoristas folgado que chegava com eixo erguido no pedagio e assim que pagavam baixam o eixo antes de sair totalmente da cabine abaixavam o eixo moral da historia quem pagava o eixo era o operador do caixa porque ele entrava no pedagio com o eixo no alta e o operador nao cobrava ao baixar em vez de registrar o que foi pago registrava um a mais e o operador tinha a diferença descontada do salario e isto agora todos pagam pelas esperteza dos que pra min sao troxas e otario

Reply
Ronaldo da Mota delgado Junior 06/07/2013 - 12:49

A presidenta diz que quer ordem pois está escrito na nossa bandeira , mas um dos principais direitos do cidadão brasileiro foi interrompido o direito de ir e vir . Veja bem se eu não tiver dinheiro para o pedágio eu não vou nem volto , e não tenho o direito de achar que as condições não estão boas e parar o meu caminhão cade a democracia que ela tanto fala

Reply
paulo 10/07/2013 - 14:49

Todos falam que concordam com protestos dos cominhoneiros,mas todos se omitem sobre se é justo ou não bloquear as rodovias prejudicando milhões de pessoas e transportes de produtos que não tem nada a ver com as reinvindicacações.

Reply
Ronaldo da Mota delgado Junior 06/07/2013 - 11:16

Ouvi dizerem que terá outra paralisação no dia 11-07-13 alguém sabe me dizer , pois se tiver mesmo não ponho mas meu caminhão

Reply
GESUALDO LOUZADA 03/07/2013 - 19:40

OCUPAR BRASILIA JÁ !!!
09 DE JULHO DE 2013 – VAMOS OCUPAR A PRAÇA DOS TRES PODERES
“ QUEREMOS ISTO NO BRASIL “
1 – IMPEATCHAMENT – JÁ!!!
2 – RENUNCIA COLETIVA DE TODO O GOVERNO (inclusive de todos que ocupam cargo de confiança ) – JÁ!!!
3 – ESCOLHER UM “ INTERVENTOR “ E UMA JUNTA CIVIL-MILITAR via referendo popular – JÁ!!!
4 – CONVOCAR ELEIÇÕES PARA ELEGER UMA “ ASSEMBLÉIA NACIONAL CONSTITUINTE “ – JÁ!!!
5 – CRIAR UMA COMISSÃO COMPOSTA POR : MINISTÉRIO PÚBLICO , POLICIA FEDERAL E INTEGRANTES CIVIS , PARA INVESTIGAR TODA A CORRUPÇÃO , MALVERSAÇÃO DE VERBAS , MÁ GESTÃO DO ERÁRIO PÚBLICO JÁ!!!
OCUPAR BRASILIA JÁ !!!

Reply
ana lucia marinozi 02/07/2013 - 11:12

Essa classe é a única que pode parar o país, mas é muito desunida…
Lamentável a postura de Geraldo Alckmin, querer cobrar por eixo levantado…Esse quer cobrir um santo e descobrir outro, jogando em cima da minoria para agradar a maioria, simplesmente acuado pelos manifestações das ruas… FORA GERALDO ALCKMIN!!!! SAFADO!!!!
TROPA DE CHOQUE PARA ENFRENTAR OS LADRÕES DESSE PAÍS E NÃO TRABALHADOR!!!!

Reply
Telma 02/07/2013 - 03:59

eu sou a favor da greve por seus todos os direitos que estão reivindicando meu marido é caminhoneiro e sofre muito …Gente gostaria de saber dele ele esta voltando da Bahia pra São Paulo quando falei com ele estava td normal as estradas ,porem não deu mais noticias o celular esta sem sinal não consigo falar ,última vez jequié acho que é isso ,sabem informar se esta parado????????????

Reply
Jonas 01/07/2013 - 22:59

E onde está o RS e SC???

Reply
cesar 01/07/2013 - 21:06

sou motorista a 10 anos, e nesse periodo nao vi melhorias, somos extorquidos com os autos valores de combustivel, pedagios e os altos valores pagos em impostos que somos obrigados a pagar onde ninguen quer saber se temos familias para sustentar. sou a favor das manifestaçoes mas manifestaçoes com respeito e educaçao sem violencia, por que por uma grande parte da populaçao somos tratados como bandidos. e a populaçao deveria entender e nos ajudar nos nossos objetivos.afinal somos trabalhadores e pais de familias.e so queremos respeito e dignidade. ha so uma ressalva com todos as manifestacoe que esta acontecendo ninguen fez nada agora com os caminhoneiros reivindicando seus direitos os governantes mandan a policia usar a violencia, multas e prosseços para punir os trabalhadores que estao querendo dignidade e condicoes de trabalho. somos esquecidos e ao mesmo tempo estamos na mira de todos os lados. isso e revoltante.

Reply
lindenberg silveira de lima 01/07/2013 - 20:12

sou motorista sou a favor do dialogo mas quando não tem jeito o certo é a greve pois o governo não tem dialogo com a categoria pois admito que seja feita uma greve nacional pois o Brasil só vai atraves da pressão então vamos com força amigos caminhoneiros

Reply
Ronaldo da Mota delgado Junior 06/07/2013 - 11:06

É caro amigo , eu fiquei dois dias em Atilio Vivaqua sem banho lutando com alguns companheiros dia e noite e conclusão os proprios caminhoneiros furaram o bloqueio na força Enquanto isso as cidades vizinhas já encontravam-se sem combustives , eu vi gente que estava ali a dois dias chorando e sentido vergonha de ser caminhoneiro , pois toda a luta foi em vão . Então com essa força negativa de alguns caminhoneiros , o melhor é por o rabo por entre as perna e continuar seguindo mesmo que umilhados. Amigo me desculpe foi so um desabafo
.

Reply
Paulo Pereira 01/07/2013 - 18:19

protesto dos irmãos caminhoneiros é legítimo, sou motorista carreteiro há 20 anos e não vejo melhoras em nada ,, cada dia pior,, nada absolutamente se faz pra melhorar nossas condições de trabalho,, cobrar por eixo suspenso é mais uma manobra de arrecadação,, basta de encher cofre de concessionária e governo.

Reply

Escreva um comentário