Librelato é uma das vencedoras do Prêmio Empresa Cidadã 2013

librelato




A Librelato S.A. Implementos Rodoviários tem como missão ser uma empresa ambientalmente responsável e socialmente justa. Através de ações como o Prêmio Librelato Ambiental, que iniciou em 2012, e faz parte do projeto Amigos da Comunidade, a empresa consegue chegar até as escolas e plantar a sua semente.

No final de junho, a empresa recebeu a notícia que foi uma das vencedoras do Prêmio Empresa Cidadão 2013, da Associação dos Dirigentes de Vendas e Marketing de Santa Catarina – ADVB/SC. Todos os cases inscritos foram avaliados entre os dias 11 e 25 de junho por uma comissão formada por membros da Escola Superior de Propaganda e Marketing da região Sul (ESPM-Sul). As avaliações foram feitas com base na relevância social e comunitária da iniciativa, originalidade, aplicação das estratégias e resultados obtidos com relação ao grau de benefício social e comunitário alcançados.

Entre os jurados da categoria Preservação Ambiental estavam Ana Lúcia D’Amico e Maria Flávia Tavares.Segundo o presidente da ADVB/SC, Juarez Beltrão, cada vez mais os conceitos de sustentabilidade estão presentes no dia a dia das empresas e funcionam como um diferencial junto aos consumidores e clientes. “Hoje, nenhuma companhia sobrevive no mercado se não entender e atender as demandas de preservação ambiental e da comunidade na qual está inserida. Nossa premiação é um reconhecimento merecido àqueles que estão atentos e priorizam estas questões”, diz Beltrão.

A Librelato receberá o troféu e o selo de Empresa Cidadã no dia 1° de agosto, em Lages/SC. Além disso, um representante da empresa fará, no dia 26 de setembro, uma visita técnica à fábrica da Natura, na cidade de Cajamar em São Paulo. “Receber esse reconhecimento é atestar que estamos no caminho certo. Este prêmio é fruto de um trabalho em equipe, de nossos colaboradores, representantes, clientes, parceiros e amigos. A todos que fazem estes sonhos serem possíveis, o nosso muito obrigada”, pontua a gerente de marketing e jurídico da Librelato, Thayni da Silva Librelato.

Fonte: Librelato





Deixe sua opinião sobre o assunto!