Ford defende liderança crescente contra picapes da GM

size_590_Modelo_F-Series_da_Ford




A Ford Motor Co., líder no segmento de picapes nos EUA há mais de três décadas, expandirá sua linha F-Series de caminhões para o modelo de 2014 no intuito de proteger uma liderança crescente sobre seus rivais de Detroit.

Oito novos modelos para a linha, incluindo o F-150 Tremor, um caminhão esportivo de meia tonelada, engrossarão a carteira de picapes da Ford tornando-a a maior da sua história, anunciou a companhia sediada em Dearborn, Michigan. A liderança da segunda maior montadora americana contra a General Motors Co. e o Chrysler Group LLC aumentou embora ambos os concorrentes tenham apresentado caminhões novos no ano passado.

A Ford redesenhou, no ano passado, a dianteira dos seus caminhões com faróis mais ostentosos e melhorou fortemente suas combinações de motor e transmissão há dois anos. Doug Scott, gerente de marketing da Ford, não quis comentar a próxima geração de picapes, mas confirmou os esforços da companhia para reduzir o peso dos veículos, fato apontado por um analista da indústria como um possível começo da maior mudança na demanda desde a introdução do alumínio.

“Damos muita importância à melhoria constante e a garantir que estejamos oferecendo uma solução melhor ao nosso cliente a cada ano”, declarou Scott em entrevista por telefone. “É uma das razões pelas quais temos um ritmo tão agressivo de produtos. É o que nos diferencia, verdadeiramente”.

Os envios de modelos da F-Series aumentaram 21 por cento neste ano até setembro, totalizando 559.506 unidades. A linha aumentou sua liderança sobre as vendas combinadas das linhas de caminhões Chevrolet Silverado e GMC Sierra da GM, sediada em Detroit, em 18 por cento, totalizando 63.061 unidades de distância. A vantagem da F-Series sobre as picapes Ram, da Chrysler, sediada em Auburn Hills, Michigan, expandiu-se 19 por cento, totalizando 296.719 unidades.

“Santo Graal”

O F-150, que sairá à venda em 2015 e cujos envios começarão nesta época do ano que vem, terá uma carroceria de alumínio e poderia iniciar uma mudança dos atuais modelos de aço, que poderia constituir a “tendência mais transformadora” para o metal desde a lata de alumínio, segundo escreveu Lloyd O’Carroll, analista da Davenport Co., em um relatório publicado no mês passado.

“Esse tem sido o Santo Graal da indústria do alumínio”, afirmou O’Carroll, em entrevista por telefone. “Falei com muitos produtores de alumínio que dizem ‘estou recebendo ligações de Detroit todos os dias perguntando quanto eu posso produzir, quando poderei fazê-lo e que tipo de compromisso é preciso assumir’”.

A Ford não quis discutir seus planos para a F-Series além dos modelos de 2014, que entrarão em produção no final deste mês. O plano de sustentabilidade da montadora prevê que a Ford reduza o peso dos veículos da sua linha em até 340 quilos, declarou Scott.

As picapes da F-Series para o ano que vem chegarão em um contexto de fidelidade dos clientes à Ford, disse Scott. Menos de 4 por cento dos compradores dos caminhões da Silverado para 2014 comprarão esses modelos se tiverem um F-150, afirmou o executivo.

“Isso mostra que temos um produto muito competitivo”, disse Scott. “Não acho que haverá problemas quando tivermos vendido todos os modelos deste ano”.

Picape Off-Road do Texas

shelby-f-150-svt-raptor_2A Ford F-150 SVT Raptor, lançada este ano, foi eleita “A Picape Off-Road do Texas”, estado norte-americano considerado o maior mercado do mundo deste tipo de veículo. A escolha foi anunciada pela Associação dos Jornalistas Automotivos do Texas, cujos profissionais são especialistas em testes em terrenos off-road, característicos daquela região dos Estados Unidos.

A eleição dos jornalistas texanos ocorreu depois de um programa de quatro dias, em que as picapes concorrentes foram submetidas a rigorosos testes no Knibbe Ranch, próximo a San Antonio.

“Os membros da associação levaram a Raptor ao limite em um dos percursos mais acidentados do Texas”, diz Doug Scott, gerente de Marketing de Picapes. “E ela mostrou mais uma vez por que é a picape off-road mais robusta e preferida da América.”

Sucesso de vendas na América do Norte, a Raptor registra este ano um crescimento acumulado de 14%, com recordes de vendas em oito dos 10 últimos meses. Para atender essa procura, a Ford está aumentando o ritmo de produção do modelo de três para cinco unidades por hora.

Sem concessões

O veículo vem sendo continuamente aprimorado a cada ano. A Ford F-150 SVT Raptor 2014 Special Edition – versão mais recente – traz aprimoramentos por fora e por dentro para atender os clientes de picapes de luxo que buscam um desempenho off-road sem concessões.

Ela é oferecida com um exclusivo motor V8 de 6.2 litros, com 416 cv e torque de 588 Nm, acomplado com transmissão automática de seis velocidades SelectShift com modo de reboque. A Raptor SuperCrew tem capacidade de reboque de 3.600 kg, que reforça a sua incomparável capacidade off-road.

O excepcional desempenho da Raptor tem como outros pontos fortes os aspectos de design e a tecnologia de suspensão exclusiva na categoria. A Raptor é sete polegadas mais larga que a F-150, abrindo espaço para os componentes adicionais da suspensão.

Os amortecedores FOX Racing Shox de três vias internas – usados pela primeira vez em uma picape de produção – dão à suspensão da Raptor um curso de 11,2 polegadas na dianteira e 12,2 polegadas na traseira, que permite a rodagem em terrenos acidentados em alta velocidade. O bloqueio de diferencial eletrônico na traseira e o diferencial Torsen com escorregamento limitado na dianteira aumentam a capacidade de subida em pedras e outros obstáculos off-road em baixa velocidade.

As rodas contam com anéis exclusivos para travamento da borda dos pneus, que aumentam a tração, e faróis com lâmpadas de descarga de alta intensidade (HID). Para a conectividade, há também a opção de sistema SYNC com MyFord Touch.

Fontes: Exame e Ford





Um comentário em “Ford defende liderança crescente contra picapes da GM

Deixe sua opinião sobre o assunto!