Scania apoia exposição inédita sobre o Prêmio Nobel

Scania Streamline lançada no Brasil (3)




A Scania, referência mundial na fabricação de veículos pesados, é uma das parceiras da exposição “O Prêmio Nobel – Ideias Mudando o Mundo”, que estará aberta ao público até o dia 10 de dezembro, no Centro Cultural FIESP – Ruth Cardoso, na avenida Paulista, São Paulo. A mostra, que tem entrada gratuita, destaca a trajetória das pessoas e inovações que contribuíram para o progresso da humanidade.

“A pesquisa e o desenvolvimento de produtos e soluções é crucial na evolução da sociedade. A exposição da Fundação Nobel ressalta a importância do avanço tecnológico no mundo e a Scania sempre busca apoiar iniciativas como esta”, afirma Per Olov Svedlund, Presidente da Scania Latin America. A fabricante investe em novas tecnologias para agregar componentes sustentáveis a seus produtos, tornando-os cada vez mais rentáveis e menos poluentes ao meio ambiente.

No Brasil uma das iniciativas que demonstram o comprometimento da Scania com esse tema é a assinatura de um convênio de cooperação tecnológica com a Escola Politécnica da Universidade de São Paulo (Poli-USP) para desenvolver um laboratório que permitirá compreender melhor algumas características dos motores a diesel. O projeto, materializado por meio da Fundação para o Desenvolvimento Tecnológico da Engenharia (FDTE), tem por objetivo gerar conhecimento científico que poderá contribuir para a redução de emissões de gases poluentes na atmosfera. O laboratório da Scania será instalado no Parque Tecnológico de Sorocaba (SP).

A exposição apoiada pela Scania é de responsabilidade da Fundação Nobel e do Museu Nobel, sediados em Estocolmo, na Suécia, em parceria com a FIESP e o SESI-SP. O público tem acesso a informações sobre o Prêmio Nobel, seus vencedores, invenções, critérios de escolha e categorias. Também estão disponíveis detalhes sobre a vida e obra do químico Alfred Nobel (1833 – 1896), idealizador da premiação e inventor da dinamite.

Entre as preciosidades trazidas para o Brasil estão o caderno de anotações do escritor peruano Mario Vargas Llosa, ganhador do Nobel de Literatura em 2010, obras de arte e invenções como rádio transistorizado, penicilina, plástico, câmera digital, computador e outras ideias que revolucionaram o mundo.

O público também é convidado para fazer uma verdadeira viagem interativa, por meio de cinco módulos com telas touchscreen, pelos seguintes temas: Os critérios e as diferentes categorias dos Prêmios; A vida de Alfred Nobel; O Prêmio Nobel de 1901 até hoje; O Prêmio Nobel em nossas vidas e O Prêmio Nobel e o futuro.

Essa é a quarta exposição itinerante promovida pela Fundação e pelo Museu Nobel. “Culturas da Criatividade” de 2001 a 2008, “Alfred Nobel”, “Redes de Inovações”, de 2008 a 2011, e “Breve Histórico da Ciência”, em 2012. “Culturas da Criatividade” esteve em 14 lugares, “Alfred Nobel” e “Redes de Inovações” foram visitadas em seis cidades. Já “Breve Histórico da Ciência” continua viajando – atualmente em Cingapura.

Depois de São Paulo, a mostra “O Prêmio Nobel – Ideias Mudando o Mundo” seguirá para a recém-inaugurada biblioteca da FGV, no Rio de Janeiro, e a outros países da América do Norte, Europa e Ásia. O Museu Nobel receberá a exposição de abril de 2014 a fevereiro de 2015.

Serviço:

Exposição: O Prêmio Nobel – Ideias Mudando o Mundo
Data: Até 10 de dezembro (aberto todos os dias)
Horário: 10h às 20h
Local: Centro Cultural FIESP – Ruth Cardoso – Espaço FIESP I
Endereço: Av. Paulista, 1313 – tel: (11) 3549-4499
Entrada gratuita

Fonte: Scania