SontraCargo quer aumentar em 150% número de caminhoneiros usando o aplicativo até o fim do ano

sontra cargo




Até o fim do ano, o SontraCargo que aumentar em 150% a base de caminhoneiros cadastrados no aplicativo, saltando dos atuais 10 mil para 25 mil usuários em todo país. Lançado no mês passado, o SontraCargo está revolucionando o relacionamento entre as transportadoras de carga e os caminhoneiros no Brasil.

A busca de uma carga ficou muito mais fácil, aumentando a produtividade e a segurança dos mais de 900 mil caminhoneiros que servem o transporte rodoviário de maneira autônoma.

As metas de crescimento do SontraCargo são ainda mais ousadas no que diz respeito às transportadoras. Das 520 transportadoras cadastradas hoje, responsáveis por um volume de 500/600 cargas publicadas por dia, a empresa quer saltar para 3.500 transportadoras cadastradas até o fim do ano. O crescimento vai provocar um aumento exponencial da oferta de cargas também.

O SontraCargo usa a tecnologia para aproximar a transportadora (que precisa de caminhoneiros para levar as cargas) dos caminhoneiros em busca de cargas dos mais diversos tipos e nas mais variadas localidades do Brasil. A ferramenta é gratuita para caminhoneiros e transportadoras.

A grande revolução, do ponto de vista do caminhoneiro, é que ele não precisa mais chegar ao destino para começar a procurar uma outra carga, ele pode se antecipar e já chegar a uma cidade com nova carga contratada. “Alguns contam até com a ajuda da família neste trabalho, do computador em casa, a esposa e até os filhos já ajudam neste trabalho que foi simplificado pela tecnologia”, disse Bruno Moreira, diretor comercial do SontraCargo.

LEIA MAIS  Ex-soldado que perdeu as duas pernas se destaca em auto-escola para caminhoneiros nos Estados Unidos

A mudança que o uso da tecnologia já está provocando no relacionamento entre transportadora e caminhoneiros é semelhante à que aconteceu no segmento de táxis, com os aplicativos que substituíram as centrais de táxi ou a busca por um taxista na rua.

Hoje os taxistas que aderiram aos aplicativos são localizados pelos passageiros nas ruas, emendando de uma corrida para outra, aumentando a rentabilidade do tempo de trabalho e diminuindo os gastos de rodar sem passageiro ou ficar horas a espera de nova corrida.

Saiba mais sobre o SontraCargo

Na ferramenta, que é gratuita tanto para caminhoneiros quanto para transportadoras, os caminhoneiros se cadastram e podem pesquisar as cargas disponíveis por cidade, na rota ou mais próximas. Pelo celular ou pelo computador, podem ver a origem e o destino, o tipo de carga, a carroceria, se há necessidade de rastreador para aquela operação e o valor a ser pago, pela carga total ou por tonelada, entre outros detalhes. As informações são postadas pelas transportadoras cadastradas.

LEIA MAIS  Caminhão roubado em São Paulo há quase três anos é recuperado pela PRF na Bahia

No Brasil, existem hoje 2 milhões de caminhões em operação, 950 mil aproximadamente são conduzidos por profissionais autônomos, gente que vive em busca de carga. Deste total, 30% está concentrado nos mercados urbanos, mas 70% operam as rotas de longa distância. Em termos de setores da economia mais envolvidos com o transporte rodoviário, encabeça a lista agronegócios e mineração com 46%, seguido da indústria pesada, com 32% da movimentação de carga. Mais informações em blogdocaminhoneiro.sontracargo.com.br/.

Fonte: Sontra




Deixe sua opinião sobre o assunto!