Indústria de implementos rodoviários registra queda de 9,01% de janeiro a julho de 2014

As vendas de implementos rodoviários de janeiro a julho de 2014 ficaram 9,01% abaixo do registrado no mesmo período de 2013. Em sete meses a indústria fabricou 91.304 unidades ante 100.349 produtos em igual período do ano passado.

A queda nas vendas acompanha o ritmo desaquecido da economia brasileira, independente das linhas de crédito à disposição do mercado com juros de 6%,no programa PSI/Finame.

“O setor está caminhando para retração em torno de 10%”, afirma Alcides Braga, presidente da Anfir (Associação Nacional dos Fabricantes de Implementos Rodoviários). “Os reflexos do desaquecimento da economia são sentidos com muita intensidade pela indústria”, completa.

LEIA MAIS  PACCAR obtém receita anual e lucro líquido recordes

Segundo o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) em junho o desempenho industrial recuou 1,4%, representando a quarta queda seguida no ano.

O segmento de reboques e semirreboques (Pesado) apresentou de janeiro a julho de 2014 vendas 14,02% abaixo das registradas no mesmo período de 2013: 33.330 unidades ante 38.766 produtos comercializados.

No segmento de carroceria sobre chassis (Leve) a retração foi de 5,86%. As vendas de janeiro a julho totalizaram 57.974 unidades, contra 61.583 produtos entregues no mesmo período de 2013.

LEIA MAIS  Venda de caminhões tem alta de 50% em janeiro

Fonte: Assessoria de Imprensa




Deixe sua opinião sobre o assunto!