Banco CNHI amplia linha de crédito para caminhões

O Banco CNH Industrial (Banco CNHI) anunciou na quarta-feira (03/09), durante a Expointer 2014, a extensão do Finame Agrícola para caminhões a toda a rede da marca Iveco — mais de 100 concessionárias em todo o País, sendo 13 no Rio Grande do Sul. Esta linha foi lançada como projeto-piloto em abril, na última Agrishow e, com a extensão de crédito via Finame PSI anunciada pelo Banco Nacional de Desenvolvimento (BNDES) em agosto, passa também a financiar 100% do valor dos veículos.

O Finame Agrícola para caminhões permite a aquisição de até três caminhões Iveco, voltados ao agronegócio, por CPF. Os pagamentos são semestrais, “o que se adequa perfeitamente no fluxo de caixa dos produtores rurais”, explica Jucivaldo Feitosa, Diretor Comercial do Banco CNHI para o Segmento Transportes. Os juros se mantêm em 6% ao ano e as regras seguem o Programa de Sustentação do Investimento (PSI).

“A Iveco é a única montadora de caminhões com um Banco próprio que conta com este produto em carteira para os clientes do mercado agrícola”, comenta Feitosa. Segundo o executivo, o diferencial do banco de montadora para a rede está na maior agilidade na aprovação e na liberaçãodos recursos. “O concessionário investe menor capital de giro, pois nossa agilidade resulta emaceleração no seu giro de estoque”.

LEIA MAIS  Atego 1719 é o caminhão semipesado mais vendido no mercado brasileiro em janeiro

Para o cliente, Feitosa aponta duas grandes vantagens: a entrega mais rápida do equipamento, o que lhe permite começar a produzir antes, e a “simplicidade”para operar com um banco que não exige outras reciprocidades como a compra de produtos — poupança, consórcio, título de capitalização etc. “Há 15 anos atendemos o produtor rural. Somos especialistas no segmento agrícola, conhecemos nosso cliente e suas necessidades”, completa.

A logística do agronegócio exige a utilização de caminhões em diversas etapas da produção, dos veículos leves que realizam trabalhos rotineiros nas propriedades rurais aos extrapesados que servem ao escoamento de safra.

LEIA MAIS  Venda de caminhões tem alta de 50% em janeiro

“A implementação desta linha de financiamento vai incrementar a logística do produtor rural por meio do acesso a veículos extremamente eficientes, produtivos e com baixos custos de manutenção e de serviços”, comenta Marco Borba, vice-presidente da Iveco.

Fonte: Banco CNHI




Deixe sua opinião sobre o assunto!