Manutenção a caráter

A manutenção pode definir o sucesso ou o fracasso de uma operação de transporte. Os transportadores agregam cada vez mais o uso de serviços autorizados e peças genuínas como parte de uma estratégia eficiente da gestão do seu negócio. Inflexão que a Volvo percebe e se antecipa para atender uma demanda crescente. As concessionárias Volvo investem num ritmo veloz no aumento da capacidade de atendimento para oferecer serviços de qualidade e com a agilidade que o transportador pede.

Um bom exemplo é o da Transportadora Casa Verde, de Guarulhos (SP). A empresa, que faz parte do grupo Lojas Riachuelo, adquiriu nove novos caminhões FH. Tem uma frota de 39 veículos, todos Volvos FH. Os caminhões entregam produtos das fábricas da Riachuelo para os CDs (Centros de Distribuição) ou fazem transferências entres eles.

Longas distâncias com estradas de qualidade bastante variável são parte da rotina dos FH, que rodam em média 15 mil quilômetros/mês, segundo Paulo Nelson Barra, gerente operacional da Transportadora Casa Verde. Seus veículos operam principalmente nas rotas entre São Paulo e os estados do Nordeste.

LEIA MAIS  Volvo Iron Knight está na América do Sul

manutencao em caminhoes volvo (1)




“Há trechos longos de estradas muito precárias, que exigem bastante do caminhão e do motorista. Uma boa manutenção pode ser a garantia de que não haverá quebras no caminho, evitar custos e perdas de tempo indesejáveis”, diz Paulo. “Administramos a manutenção dos veículos seguindo rigorosamente as recomendações da fábrica”. Entre os caminhões Volvo mais antigos, com mais de 14 anos, alguns já rodaram mais de 2 milhões de quilômetros sem reforma no motor.

LEIA MAIS  Volvo lança nova série de vídeos do projeto “Feras da Estrada”

Fonte: Revista Volvo Eu Rodo




Deixe sua opinião sobre o assunto!