Sindicato dos Cegonheiros realiza poda em árvores

Uma poda de árvores que ficam às margens da BR-262, no trecho entre os municípios de Viana e Domingos Martins, no Espirito Santo, foi iniciada na manhã desta sexta-feira (29), por parte do Sindicato dos Cegonheiros. De acordo com a categoria, formada por motoristas que dirigem caminhões do tipo cegonha, a medida foi tomada para evitar que mais acidentes aconteçam no local. O Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes do estado (Dnit-ES), órgão responsável pelas podas, explicou que existe uma altura máxima de 4,4 metros para cada veículo trafegar na rodovia. Segundo o Departamento, para os automóveis que ultrapassarem esse limite, cabe ao transportador a retirada de qualquer obstáculo, bem como arcar com qualquer dano causado a rodovia ou a terceiros.

No início de agosto, foi reportado o risco corrido por demais motoristas de pequeno porte que trafegam no local. De acordo com flagrantes feitos pelas equipes, é possível ver que os cegonheiros invadem a contra-mão para desviarem dos galhos das árvores presentes nas margens, colocando em perigo a vida de outros motoristas.

Segundo o supervisor de poda do sindicato, Paulo Cícero da Silva, uma autorização precisou ser feita ao Dnit para a execução do trabalho. “Para esse trabalho ser feito precisa-se vir antes ao local e fazer o mapeamento da área. Daí eu procuro os órgão responsáveis, normalmente é o Dinit, se for rodovia federal, ou é o DER se for estadual, e peço a autorização. Em seguida, os órgãos ambientais precisam conceder essa autorização”, contou.

LEIA MAIS  Caterpillar apresenta dois novos caminhões gigantes

O Diretor Regional do Sindicato dos Cegonheiros, Jurandy Albuquerque, explicou que há 15 anos esse trabalho vem sendo feito pelas equipes. “Por volta de 15 anos esse trabalho é feito e foi intensificado de uns oito anos pra cá, que nós formamos mais equipes. Hoje são três equipes que trabalham no Brasil todo, fazendo essa poda em rodovias federias, estaduais em perímetro urbano também. A gente está lá para fazer esse trabalho, para que todas as cegonhas possam chegar ao seu destino, sem causar danos a outros veículos”, explicou.

LEIA MAIS  American Truck Simulator ganha novo DLC Special Transport

Em nota, o Dnit-ES informou que normalmente o transporte de veículos feito através do caminhão cegonha é realizado com altura superior ao permitido na legislação, ou seja, acima de 4,4 metros, chegando próximo a cinco metros de altura. Por isso, o Dnit informou que cabe aos próprios transportadores a retirada de qualquer obstáculo, inclusive as despesas de poda de árvores. O Dnit ainda informou a já autorizou o Sindicato para a realização das podas.

Fonte: TV Gazeta




Deixe sua opinião sobre o assunto!