Scania mostra tecnologia em feira sueca

Van Hool Exqui.City Scania




Os sistemas de ônibus urbanos tendem a se modificar para melhor, a cada ano que passa. Pelo menos no mercado europeu isso é uma realidade. Por aqui, ainda há muito degrau para subir e tentar acompanhar o que de mais eficiente existe em termos de uma mobilidade urbana com desempenho.

Mas voltamos nossos pensamentos ao mercado externo, por enquanto. Em feira para o setor de transporte em Estocolmo, Suécia, a Persontrafik 2014, a Scania apresenta seus mais recentes desenvolvimentos objetivando um modelo limpo e ambientalmente correto para o sistema de transporte público, trazendo tecnologia capaz de reduzir os impactos causados pelas emissões poluentes. Outro aspecto é a harmonia com as áreas urbanas, que no caso, se traduz em veículos com uma estética moderna e inovadora.

Conciliando design e trações alternativas, a montadora mostra o seu chassi articulado com propulsor a gás natural sob a carroçaria de última geração Exqui.City, da marca belga Van Hool. O modelo possui 18,70 metros de comprimento, piso baixo, motor de 320 cv de potência Euro 6, transmissão automática ZF e capacidade de armazenamento do gás de 1.470 litros. A empresa sueca identificou três focos para se alcançar ganhos à toda sociedade: um transporte mais inteligente, conquistado por uma operação prioritária, dispondo maior conforto e rapidez nas viagens; eficiência energética com o uso de trações alternativas e a utilização de combustíveis renováveis, como o biogás, biodiesel e o etanol. A combinação entre Scania e Van Hool Exqui.City revela a eficiência de um sistema férreo e a flexibilidade/custo operacional menor de um ônibus.

LEIA MAIS  Raro Scania Vabis L75 1958 está a venda em Santa Catarina

A montadora também ressalta seu novo modelo com tração híbrida, biodiesel/eletricidade, na versão com o sistema paralelo, onde o motor de 9,3 litros Euro 6 (com 250, 280 ou 320 cv de potência) trabalha em conjunto com o propulsor elétrico de 150 kW de potência. A bateria de lítio garante a energia para que o ônibus rode somente na eletricidade. A tecnologia resulta, segundo a Scania, em uma economia de combustível que fica entre 20 e 25%.

LEIA MAIS  Scania lança aplicativo de treinamentos em vídeo na Europa e Ásia

Fonte: Revista AutoBus




Deixe sua opinião sobre o assunto!