Mercedes-Benz do Brasil tem novo diretor para a área de produção de caminhões

diretor - mercedes-benz

Carlos Santiago é o novo diretor para a área de Produção de Caminhões da Mercedes-Benz do Brasil. Com 40 anos de idade, o executivo, formado em Engenharia Elétrica pela Universidade de São Paulo, gerenciou unidades industriais, implementou estratégias de projetos de grande porte ligados à Produção, Logística, Qualidade e para a instalação de novas linhas de produção.

Com sólida experiência profissional, adquirida em 17 anos de trabalho na indústria automobilística, Carlos Santiago assumiu o novo cargo na Empresa no dia 17 de março. Seu antecessor, André Luiz Moreira, encerrará suas atividades no dia 15 de abril, após colaborar com o processo de transição de Carlos Santiago, apoiando-o nas suas novas funções.

O executivo responderá por todos os temas relacionados à produção de caminhões na fábrica de São Bernardo do Campo, São Paulo, como também na planta de Juiz de Fora, em Minas Gerais.

A planta em São Bernardo do Campo é a maior fábrica de veículos comerciais Mercedes-Benz fora da Alemanha e a única a produzir, numa mesma unidade, caminhões, chassis de ônibus e agregados (motores, eixos e câmbios).

Em 2012, a Mercedes-Benz do Brasil iniciou a fabricação de caminhões em Juiz de Fora. Esta planta inovou em conceitos de produção e a adoção dos melhores métodos em fabricação, logística e outros processos.

A Mercedes-Benz está há quase 60 anos no País, produzindo caminhões e ônibus. Em 2013, a Empresa atingiu o marco histórico de mais de 2 milhões de veículos comerciais produzidos no Brasil.

Fonte: Mercedes-Benz