DAF irá produzir motores Paccar MX no Brasil

por Blog do Caminhoneiro

Motor_PACCAR_MXA DAF, fábrica de caminhões do Grupo Paccar, está realizando um novo investimento na planta fabril de Ponta Grossa. O grupo confirmou que inicia, ainda neste mês de novembro, a fabricação dos motores utilizados nos caminhões montados na cidade – os Paccar MX de 360, 410, 460 e 510 cavalos. A linha, que recebeu investimentos de R$ 60 milhões, está localizada no mesmo prédio onde são fabricados os XF105 e CF85, e foi projetada para atender à demanda dos modelos nos próximos anos – como do leve LF, que também será montado no município.

Toda a equipe dedicada à montagem dos motores recebeu treinamento na unidade da DAF em Eindhoven, na Holanda. Foram cerca de 10 semanas de capacitação no exterior, além de simulações na unidade brasileira. “A estratégia de localizar a linha de motores vai agilizar o processo produtivo, reduzir custos e aumentar o índice de nacionalização, estimulando o desenvolvimento de fornecedores locais. Estamos cumprindo nosso planejamento dentro dos prazos estipulados e nos tornando cada vez mais fortes para crescer no mercado nacional”, revela Michael Kuester, presidente da DAF Caminhões Brasil.

A confirmação veio nesta segunda-feira, com o início da Fenatran – Salão Internacional do Transporte Rodoviário de Cargas, em São Paulo, onde a DAF é uma das montadores participantes. No evento, a montadora apresenta os maiores lançamentos desde a sua chegada ao país. O pesado CF85 marca a entrada da montadora holandesa no segmento de caminhões pesados para transporte de curtas e médias distâncias.O já reconhecido XF105 chega em seu modelo 2016, com mais opções de distâncias de entre-eixos (a configuração 6×2 passa a ser comercializada com opções de 3,20 metros e 3,60 metros, e a 6×4 com opções de 3,50 metros e 3,30 metros) e novos opcionais de conforto e segurança.

Fonte: Jornal Da Manhã

COMENTAR

QUER ENTRAR EM CONTATO COM O BLOG DO CAMINHONEIRO? ENVIE UMA MENSAGEM CLICANDO NO NÚMERO ABAIXO

042-3532-4235

Artigos relacionados

Escreva um comentário