Governo diz que não há dinheiro para custear renovação de frota

por Blog do Caminhoneiro

volvo fhO Ministério da Fazenda informou, por meio de nota, que “não há espaço fiscal” para projetos que envolvam gastos, em resposta à declaração do presidente da Associação Nacional dos Fabricantes de Veículos Automotores (Anfavea), Luiz Moan, de que o governo poderia ajudar no custeio de programa de crédito para substituição de veículos antigos por novos.

Moan teve reuniões no dia 11 com os ministros da Fazenda, Nelson Barbosa, e do Planejamento, Valdir Simão.

“Durante encontro [com o ministro da Fazenda, Nelson Barbosa], Moan apresentou os resultados e projeções do setor automotivo e o programa de renovação da frota. O ministério se comprometeu a avaliar as propostas, mas esclarece que não há no momento espaço fiscal para nenhum tipo de projeto que implique em dispêndio com subsídios ou equalizações”, diz o comunicado divulgado essa noite.

O Planejamento também se manifestou. Por telefone, a assessoria de comunicação da pasta disse que o presidente da Anfavea apresentou dados do setor a Simão, mas destacou que não há decisão do governo sobre programa ou subsídio para renovação da frota.

A Anfavea e mais 18 entidades elaboraram um programa para substituição da frota entregue em dezembro de 2015 ao Ministério do Desenvolvimento, Indústria e Comércio Exterior. Segundo Moan, a redução da idade da frota de veículos contribuiria para aumento da segurança no trânsito, redução da poluição e economia de combustível.

Fonte: Agência Brasil

COMENTAR

QUER ENTRAR EM CONTATO COM O BLOG DO CAMINHONEIRO? ENVIE UMA MENSAGEM CLICANDO NO NÚMERO ABAIXO

042-98800-6519

Artigos relacionados

Escreva um comentário