F-Truck: Felipe Giaffone vence etapa de abertura

por Blog do Caminhoneiro

formula truck 2016Felipe Giaffone venceu de ponta a ponta a etapa de abertura da Fórmula Truck. Na tarde deste domingo, nos 3.530 metros do Autódromo de Santa Cruz do Sul, no Rio Grande do Sul, o piloto do Volkswagen Constellation terminou na frente nas duas fases da corrida e além do ponto extra pela pole position, conquistada no sábado, ele fez a melhor volta na parte final. Assim, não fosse Paulo Salustiano ter sido o mais veloz no começo da corrida, ele teria marcado os 53 pontos possíveis. Fez 52 com os 25 conquistados em cada vez que terminou na frente.

A largada da corrida, uma das melhores e mais empolgantes da história da Fórmula Truck, teve muita disputa. Logo na primeira curva, Felipe manteve a ponta, Salustiano ganhou a posição de Diogo Pachenki, que perdeu três posições e caiu para o quinto lugar. Enquanto Giaffone e Salustiano abriram na ponta, a briga no pelotão intermediário empolgou o público. Leandro Totti, Pachenki, Adalberto Jardim, Gustavo Magnabosco, Raijan Mascarello e André Marques empolgaram o público no autódromo e na televisão.

Esta foi a 24ª vitória de Giaffone, que é o terceiro maior ganhador da história da Fórmula Truck. O tricampeão só é superado pelo tetra Wellington Cirino, com 25 primeiros lugares, e pelo bicampeão Renato Martins, que terminou na frente 27 vezes. Nas estatísticas das poles positions, Giaffone é o segundo, com 24, contra 29 de Cirino e 23 de Roberval Andrade, que também tem dois títulos da categoria.

Resultado da primeira fase da Fórmula Truck em Santa Cruz do Sul:

1) Felipe Giaffone (RM Competições-MAN), 27min44s8566
2) Paulo Salustiano (ABF Mercedes-Benz), a 0s9731
3) Leandro Totti (Clay Truck Racing), a 8s2549
4) Diogo Pachenki (Copacol Truck Racing), a 8s3347
5) Adalberto Jardim (RM Competições-MAN), a 8s5171
6) Gustavo Magnabosco (ABF Racing Team), a 8s9446
7) André Marques (RM Competições-MAN), a 9s1438
8) Raijan Mascarello (ABF Racing Team), a 9s9566
9) David Muffato (MAN TGX), a 10s7705
10) Beto Monteiro (Lucar Motorsport), 10s9796
11) Débora Rodrigues (RM Competições-MAN), a 11s9616
12) Alex Fabiano (ABF Azulim Indy Truck Racing), a 23s2714
13) Roberval Andrade (Ticket Car Corinthians), a 23s4056
14) Wellington Cirino (ABF Mercedes-Benz), a 23s4062
15) Felipe Tozzo (Dakar Motorsports), 23s8447
16) Ricardo Sargo (ABF Racing Team), a 3 voltas
17) Joel Mendes Júnior (Fábio Fogaça Motorsports), a 5 voltas
18) Régis Boessio (Boessio Competições), a 12 voltas
19) Luiz Lopes (Lucar Motorsport), a 12 voltas

Melhor volta: Paulo Salustiano, 1min45s4178, média de 120,5 km/h

Depois da neutralização obrigatória para esfriar os caminhões, a segunda fase da prova de abertura da Fórmula Truck teve ainda e uma intensa briga entre Giaffone e Salustiano. Em determinado momento da disputa, eles se tocaram e a carenagem direita da parte traseira do caminhão de Giaffone se soltou e foi caindo na pista. Enquanto os líderes promoviam excelente briga, Totti abandonou com problemas na caixa de direção e saiu da luta pelo terceiro lugar, que acabou com Diogo Pachenki. O grande destaque visual desta parte foi o estouro do turbo do caminhão de Wellington Cirino, que pegou fogo na reta dos boxes e logo apagou. O piloto nada sofreu, mas as imagens da televisão chamam a atenção.

Resultado da segunda fase da Fórmula Truck em Santa Cruz do Sul:

1) Felipe Giaffone (RM Competições-MAN), 27min37s8747
2) Paulo Salustiano (ABF Mercedes-Benz), a 1s0058
3) Diogo Pachenki (Copacol Truck Racing), a 4s1537
4) André Marques (RM Competições-MAN), a 5s8272
5) Adalberto Jardim (RM Competições-MAN), a 7s2129
6) David Muffato (MAN TGX), a 13s7688
7) Débora Rodrigues (RM Competições-MAN), a 15s0042
8) Raijan Mascarello (ABF Racing Team), 31s5274
9) Alex Fabiano (ABF Azulim Indy Truck Racing), a 31s7009
10) Felipe Tozzo (Dakar Motorsports), a 58s4432
11) Gustavo Magnabosco (ABF Racing Team), a 1 volta
12) Roberval Andrade (Ticket Car Corinthians), a 1 volta
13) Wellington Cirino (ABF Mercedes-Benz), a 6 voltas
14) Leandro Totti (Clay Truck Racing), a 7 voltas
15) Beto Monteiro (Lucar Motorsport), a 7 voltas

Melhor volta: Felipe Giaffone, 1min45s8639, média de 120,0 km/h

Fonte: Fórmula Truck

COMENTAR

QUER ENTRAR EM CONTATO COM O BLOG DO CAMINHONEIRO? ENVIE UMA MENSAGEM CLICANDO NO NÚMERO ABAIXO

042-3532-4235

Artigos relacionados

Escreva um comentário